Dia 8 – Porto de Galinhas

Aproveitamos o dia ensolarado e fomos para Porto de Galinhas, distante apenas 60 Km ao sul de Recife. O acesso é pela BR-101, que embora tenha pista dupla neste trecho, também tem muitos, muitos, muitos buracos. Após sair da 101, pegamos a PE-060, que leva direto até Porto.

Como este blog não é só diversão, acrescentamos um pouco de cultura: reza a lenda que, por volta de 1850, o local era ponto de contrabando de escravos vindos da África, que ficavam em engradados de galinha d`Angola. Para avisar a chegada de novos escravos, foi criada uma senha: “tem galinha nova no Porto”. Daí o nome Porto de Galinhas. E por todos os lados da cidade tem sempre uma “galinha” para te lembrar onde você está!!

ptg1 ptg2

A Grazi já esteve em Porto há muitos anos e era um local pouco explorado. Mas desde então o crescimento ocorreu desordenado, com pousadas invadindo as praias e restando pouco espaço para os banhistas. Apesar disso, a praia é linda e a água tem uma temperatura muito agradável.

ptg3 ptg5 ptg6

Fizemos uma caminhada de reconhecimento na praia. Durante o trajeto fomos abordados por várias pessoas oferecendo lugares nas barraquinhas. Durante as conversas, cada qual oferecendo a cerveja mais gelada do mundo, descobrimos que chegamos tarde para o tradicional passeio de jangada até as piscinas naturais, a maior atração da cidade!

Mas não foi difícil escolher o lugar para ficar. Um dos rapazes que ofereceram os serviços de bar estava com a camisa do Galo!!!

ptg7 ptg20

Aí foi só pedir aquela cerveja gelada e uma porção de camarões a milanesa! Ô vida ruim, viu!!

 ptg9 ptg10 ptg12

ptg17 ptg18 ptg 19

Uma das coisas mais interessantes do Nordeste é a grande variedade de frutas. Tem até picolé de Cajá!

ptg14

Como não gostamos de viajar à noite, saímos um pouco mais cedo da praia para conhecer a cidade e comprar alguns presentinhos antes de retornar a Recife. 

ptg 15 ptg 16

3 Responses to “Dia 8 – Porto de Galinhas”

  1. Breno disse:

    Alex,
    sorte sua que seu blog parodiou o nome “O que se faz” e não o “Depois do café”. (Já pensou se, em vez de “O que se faz durante as férias”, ele se chamasse “Depois da cerva” ou, melhor ainda, “Antes, durante e depois da cerva”?) Depois das reformulações recentes, o título daquela sessão do boletim agora se chama “Assunto da semana”.
    Abraço.

  2. Mamãe disse:

    Filhinho, assistimos ao jogo na casa do Eduardo. Jogo ruim… Só deu São Paulo! Mais o gol chorado foi nosso, bão demais, eta 1X0. Galooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. Alexandre disse:

    E dá-lhe Galo, mãe! Assisti ao jogo aqui na casa do Carlos!! Se jogar feio e ganhar sempre, tá bom demais!

    Beijo!

Deixe uma resposta