Dicas de viagem para Buenos Aires

Depois que retornamos da nossa viagem a Buenos Aires, muitas pessoas tem deixado comentários no blog solicitando dicas de viagem para a capital da Argentina. Resolvi reunir aqui algumas informações que acho importantes e que respondem em grande parte os questionamentos.

Caso você não encontre o que deseja, deixe um comentário aqui neste post para eu possa ajudá-lo.

Vamos às dicas:

Requisitos de entrada na Argentina: aos turistas brasileiros bastam apenas a carteira de identidade ou o passaporte válido. Atenção: é muito recomendável que a carteira de identidade tenha expedição recente. Documentos como carteira de motorista, da OAB e outras associações profissionais não são aceitas.

O tempo máximo para permanência de turistas é de 90 dias e não são exigidos certificados de vacinação.

Roteiros de passeios: a cidade de Buenos Aires tem um excelente site oficial de turismo, inclusive com conteúdo em português. No site estão disponíveis vários percursos pré-determinados por bairros e ruas interessantes da cidade, os chamados “roteiros autoguiados“, que utilizei e recomendo!

Alguns outros sites indicados para encontrar excelentes dicas de Buenos Aires:

  • Viaje na Viagem: o blog do mestre Ricardo Freire, que me inspirou a criar o “O que se faz” e blogar ao vivo as minhas viagens. Lá você encontrará dicas de viagens não só para Buenos Aires, mas também para muitos destinos no Brasil e no exterior.
  • Idas e Vindas: no blog da Carla peguei várias dicas de lugares legais para visitar em Buenos Aires. Há também o relato das idas e vindas dela a outros destinos como o Uruguai, Peru e Chile.
  • A Turista Acidental: este é o blog da Emília, onde também encontrei preciosas dicas sobre Buenos Aires. Como o nome sugere, há vários (e ótimos) relatos de viagens.

Hospedagem: não utilizamos hotel em Buenos Aires, mas alugamos um apartamento. Se você vai ficar, no mínimo, 7 dias por lá, eu recomendo muito! Utilizamos o serviço da empresa BYT Argentina, muito bem recomendada por outras pessoas. Acesse o site e procure por apartamentos de acordo com o número de pessoas, a localização e a disponibilidade para o período desejado. Na página de cada apartamento há uma descrição detalhada do imóvel, móveis, eletrodomésticos e serviços disponíveis, além de várias fotos do local.

O processo funciona da seguinte forma: após escolher o apartamento, a reserva é feita no próprio site pagando uma taxa de 40 dólares com cartão de crédito. Após esta etapa, a empresa envia um e-mail com todos os detalhes do contrato, como o endereço e número de telefone do apartamento, período de aluguel, horário para chegada, etc. Em relação ao valores cobrados, você deverá levar, em dinheiro, uma parte referente ao aluguel e outra referente a um depósito de garantia, que serão entregues ao funcionário da Byt Argentina no dia da chegada. Este depósito de garantia é devolvido, em mãos, no dia da devolução das chaves do apartamento, caso não haja nenhum problema como o imóvel.

O processo conosco foi muito tranquilo e os funcionários da Byt Argentina foram muito cordiais, corretos e profissionais. Na nossa próxima viagem a Buenos Aires, certamente alugaremos um apartamento com esta empresa.

Câmbio: se você já quiser chegar em Buenos Aires com alguns pesos, recomendo comprá-los na corretora Cotação, com filiais em várias cidades no Brasil. Aliás, se você for alugar um apartamento em Buenos Aires, vai precisar de dólares e eu recomendo a mesma empresa.

Mas o ideal é trocar seus reais por pesos em Buenos Aires, pois você encontrará as melhores cotações. Logo na chegada ao Aeroporto de Ezeiza, faça o câmbio na agência do Banco de La Nacion que fica no saguão, fora da área de desembarque internacional. Dentro da área de desembarque existem outras casas de câmbio, mas fuja delas, pois tem péssimas cotações!

Não troque todos os seus reais por pesos de uma vez! Faça o câmbio a medida que houver necessidade.  No centro de Buenos Aires, recomendo o Banco Meridien, que fica na esquina de Calle Florida com Perón e tem ótimas cotações.

Para fazer o câmbio são necessários o passporte ou carteira de identidade e documento carimbado pelo setor de imigração argentino.

Transporte: para ir do Aeroporto de Ezeiza para Buenos Aires, cerca de 35 Km de distância, utilizamos o serviço da empresa Táxi Ezeiza. O trajeto durou cerca de 40 minutos e nos custou 88 pesos. Para retornar ao aeroporto, utilizamos o serviço da mesma empresa, com hora marcada e a um custo de 60 pesos. (atualização: em Novembro/20101, os preços são 130 Pesos o trecho Ezeiza-Centro e 98 Pesos o trecho Centro-Ezeiza)

Dentro da cidade, andamos muito de táxi, pois tem um custo extremamente barato se comparado ao praticado aqui no Brasil. Mas como já tinhámos encontrado relatos de pessoas que tiveram problemas com alguns táxis por lá, como recebimento de notas falsas e percursos maiores que o necessário, sempre pegamos carros de empresas de rádio-táxi, que são mais confiáveis. Para identificá-los, basta procurar a inscrição “rádio-táxi” nas portas. Outro conselho é sempre levar dinheiro trocado para efetuar os pagamentos (notas de 20 pesos, no máximo!).

Utilizamos também o serviço de metrô apenas uma vez, a título de experiência. Mas nos pareceu um meio de transporte confortável, seguro e barato: 90 centavos de peso por trecho. A rede de metrô de Buenos Aires, chamado de “Subte” por lá, foi inaugurada em 1913, sendo a pioneira na América Latina.

Os ônibus também possuem uma tarifa muita barata, apenas 40 centavos. Mas os veículos são, em geral, muito velhos e “assoviam” enquanto andam! Se você quiser arriscar, saiba que é necessário ter o dinheiro trocado, pois os ônibus não tem o tradicional cobrador existente no transporte coletivo daqui.

 

Temperatura: a nossa viagem foi no período de Outono e encontramos temperaturas entre 17 e 6 graus durante o dia. Já durante a madrugada, a temperatura chegou a 1 grau!! Mas nada que um bom agasalho e um par de luvas não resolvam. Além disso, a maioria dos restaurantes, cafés e shoppings de Buenos Aires tem ambientes com aquecimento.

Alimentação: nós já chegamos em Buenos Aires com várias indicações de restaurantes e cafés, todas encontradas nos sites Viaje na Viagem e Guia Óleo, um excelente guia de restaurantes que fornece endereços, fotos e avaliações dos locais.

No bairro da Recoleta, recomendo o Lola Restaurante, o Café La Biela, o Sottovoce, o Rodi Bar, o Restó e o Nectarine. Na região de Palermo, o ótimo Lelé de Troya, além do Cluny, o Olsen e o Bar Uriarte. Em Belgrano, bairro próximo a Palermo, recomendo o Sucre.

Para um happy hour, recomendo o Gran Bar Danzón. Para deliciosas empanadas, o El Sanjuanino. Para um café histórico, o Café Tortoni. Mesmo que esteja fazendo um frio polar, não vá embora sem provar um sorvete de dulce de leche do Freddo, que tem várias lojas espalhadas por Buenos Aires. E por último, mas não menos importante, experimente (e compre várias caixas) os famosos alfajores Havanna.

Compras: como não era o objetivo da viagem, não foi um ponto muito explorado por nós. Mesmo assim, compramos algumas roupas, principalmente na Zara. Os preços das roupas estão, em média, 20% mais baratos que no Brasil. Não era o nosso caso, mas se você não tiver muitas roupas de frio, vale a pena deixar para comprar em Buenos Aires. Encontrei excelentes casacos a 350 pesos, cerca de 200 reais no câmbio de hoje.

Os locais de compra mais recomendados são a famosa Calle Florida (para roupas de couro, artigos eletrônicos e as tradicionais lembrançinhas), o bairro de Palermo (roupas de grifes internacionais e outlets de marcas famosas) e os tradicionais shopping centers (recomendo o Patio Bullrich e o Alto Palermo Shopping).

Ligações telefônicas para o Brasil: as tarifas cobradas em hotéis ou do telefone celular costumam ser caríssimas! Para ligar para o Brasil procure um dos inúmeros “locutórios” espalhados por toda a cidade. Os locutórios são locais que reunem várias cabines telefônicas e computadores para acesso à internet. Uma ligações de 5 minutos para Belo Horizonte me custou 4 pesos, cerca R$ 2,30.

Eletricidade: na Argentina a eletricidade utilizada é de 220 volts. As tomadas são diferentes das existentes no Brasil, a maioria posui dois orifícios achatados e dispostos diagonalmente. É necessário utilizar um adaptador, que pode ser encontrado no free-shop ou em sites de comércio eletrônico. Em Belo Horizonte, comprei na Loja Elétrica, na esquina da Avenida Santos Dumont com Rua Rio de Janeiro, por R$ 25,00.

Meus roteiros: se quiser ler todos os textos publicados no “O que se faz” a respeito da minha viagem a Buenos Aires, clique aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

375 Responses to “Dicas de viagem para Buenos Aires”

  1. Debora disse:

    Legal as suas dicas, acabei de voltar de la

    • ELIANA ROCHA disse:

      VOU VIAJAR PELA 1º VEZ PRA ARGENTINA AGORA NO DIA 26 DE JUNHO, VOU PASSAR SOMENTE UMA SEMANA. SEI QUE VAI SER EM UMA EPOCA DE MUITOOOOOOOOO FRIO, NÃO TENHO NENHUMA ROUPA ADEQUADA, POIS MORO EM UMA CIDADE QUE FAZ MUITO CALOR. O QUE DEVO COMPRAR PRA LEVAR? É MELHOR COMPRAR AQUI OU CHEGANDO NA ARGENTINA? O QUE EXATAMENTE DEVO TER PARA QUE NÃO PASSE FRIO E NEM COMPRE DEMAIS?

      NO AGUARDO, AGRADEÇO

      • Alexandre Costa disse:

        Eliana, no quesito compras não sou a melhor pessoa para dar conselhos. Mas leve roupas que você entenda que podem ajudá-la a não sentir frio e compre outras por lá.

        Um abraço!

  2. Emília disse:

    Oi, Alexandre! Que bom que as dicas do blog te ajudaram… Os teus posts estão uma delícia, muito bacana ver a cidade por outro ponto de vista. Pois é…Buenos é sempre uma boa pedida, tanta coisa para fazer que uma viagem nunca é parecida com a outra.
    Um abraço para você e para a Graziela!

  3. Alexandre disse:

    Olá Emília!

    As suas dicas ajudaram e muito!! É sempre bom ter uma referência confiável para viajar a um lugar desconhecido!

    Apesar do retorno recente, já estamos pensando em uma segunda visita a Buenos Aires. Como já conhecemos os pontos turísticos mais tradicionais, podemos explorar outros locais.

    Ah, e tenho que fazer aquele passeio até Colonia do Sacramento, que ficou faltando desta vez. Mas é até um bom motivo para voltar, né?

    Um abraço!

  4. Emília disse:

    Sempre é um bom motivo, hehe…Dessa vez queríamos ter ido até o Tigre tirar a teima (tem gente que ama, tem gente que odeia o passeio…) e até o Temaiken, um zoológico lindo um pouco para frente do Tigre. Na próxima, quem sabe… :-D

  5. Bruno Gontijo disse:

    Oi Alexandre, minha namorada e eu vamos para Buenos Aires em agosto e alugamos um apartamento no ByTArgentina. Com relação ao pagamento, você disse que precisaríamos de dólares. Temos de pagar os aluguel e o depósito em dólares mesmo? Ou pode ser em pesos? Porque no site também tem os valores dos aluguéis em pesos.

    Um abraço,

    Bruno

  6. Alexandre disse:

    Emília, o tal passeio ao Tigre realmente é bastante polêmico. Já li opiniões ótimas e péssimas a respeito, por isso não cogitei incluí-lo no nosso roteiro. Mas quem sabe também o incluímos na próxima viagem!

  7. Alexandre disse:

    Olá Bruno!

    Eu não tenho certeza a respeito da necessidade de pagamento somente em dólares. Coloquei esta questão no texto porque toda a minha negociação com a Byt Argentina foi em dólares. Nos e-mails que eles enviaram confirmando a reserva e informando o endereço do apartamento, eles sempre citaram os valores em moeda americana.

    Mas fiz algumas contas aqui e não acho que vale a pena pagar o aluguel em pesos. Veja só:

    O aluguel do apartamento em que ficamos custa 325 dólares ou 998 pesos por uma semana (valores no site da Byt Argentina). Pegando os valores de câmbio de hoje no site da corretora Cotação (ww.cotacao.com.br), cheguei aos seguintes resultados:

    325 dólares = R$ 568,75
    998 pesos = R$ 587,82

    Pagar o aluguel em pesos fica R$ 19,07 mais caro. E ainda temos que levar em consideração o valor do depósito de garantia, que serão mais R$ 19,07, totalizando um prejuízo de R$ 38,14 em relação ao pagamento em dólares.

    Mas se ainda quiser pagar em pesos, creio que o melhor é entrar em contato com a Byt Argentina para confirmar.

    Um abraço!

    • Maira disse:

      Alexandre você chegou a conhecer o bairro de González Catan / Toresita / Castillo??

      Parabéns pelas informações claras e objetivas!!

      Obrigada

      • Alexandre disse:

        Oi Maira!

        Obrigado pelos elogios. Infelizmente não posso te ajudar, pois não conheci os bairros de González Catan, Toresit e Castillo.

        Se puder ajudar com outras informações, fique à vontade para entrar em contato novamente.

        Um abraço!

  8. Bruno Gontijo disse:

    Acho que vou comprar os dólares aqui mesmo e levar. É mais certo e já levo o valor exato. Obrigado.

    Abraço,

    Bruno.

  9. mayana disse:

    oi gostaria de saber se em buenos aires esta muito frio em agosto pois eu irei sozinha!!!

  10. Alexandre disse:

    Mayana,

    a média de temperatura em Buenos Aires no mês de Agosto é de 12 graus. Mas fique tranquila, pois o frio não atrapalha em nada a viagem! É só sair bem agasalhada. E a maior parte dos restaurante, bares, shoppings e museus da cidade tem aquecimento.

  11. Jackie disse:

    Olá Alexandre!

    Adorei suas dicas, serão muito bem utilizadas pois estamos indo à Buenos Aires numa viagem de estudos, como é a primeira vez foi preciso procurar informações, obrigado pelos esclarecimentos!

    Valeu!

  12. Alexandre disse:

    Oi Jackie!

    Fico feliz por ter ajudado de alguma forma a sua viagem. Espero que gostem de Buenos Aires, pois nós adoramos! É uma cidade encantadora!

  13. Nayara disse:

    [...] Para fazer o câmbio são necessários o passporte ou carteira de identidade e documento carimbado pelo setor de imigração argentino. [...]

    Estou indo para Buenos Aires agora em Julho apenas com a carteira de identidade, que fiz novinha esse mês (a anterior tinha mais de 10 anos)… espero não ter problemas por não estar com passaporte…

    De qualquer maneira, vou de avião, pela GOL, e gostaria de saber onde é feito este documento carimbado pelo setor de imigração argentino e também se vou conseguir ir no duty free do aeroporto de guarulhos só com a identidade… ;o)

  14. Alexandre disse:

    Nayara,

    a sua identidade novinha vai servir perfeitamente. A imigração poderia implicar se a identidade fosse antiga e, principalmente, se a foto não permitisse uma boa identificação.

    Para fazer compras no Free Shop de Guarulhos, basta apresentar a sua passagem e identidade.

    Em relação ao documento de imigração, você vai receber durante o vôo de ida um formulário para preencher. Quando chegar em Buenos Aires, antes mesmo de pegar a sua bagagem, você será encaminhada ao setor de imigração argentino, que vai conferir a sua identidade e carimbar o formulário preenchido. Mas não se preocupe, é um processo tranquilo e rápido.

    Um abraço e boa viagem!

  15. Aldenir disse:

    eu trouxe a minha filha de 17 anos para a Argentina e ela vai voltar com meu filho de 18 anos, fiz uma autorização no brasil para viajar, ela precisará de outra autorização para voltar ao pais de origem?

  16. Alexandre disse:

    Aldenir,

    não tenho experiência na questão de viagens com menores de idade. Te aconselho a consultar o Consulado Brasileiro em Buenos Aires.

    Encontrei algumas informações no site do consulado (veja abaixo). Espero que ajude:

    http://www.conbrasil.org.ar/CONSBRASIL/autorizacao.asp

    O e-mail para mais informações é: legalizar@conbrasil.org.ar

    Um abraço!

  17. Vinicius disse:

    Olá…vou em Agosto com minha tia eu tenho 22 e ela 27 queria saber algo da noite ,alguma boate legal.
    E lugares legais p conhecer…
    Desde já obrigado

  18. Alexandre disse:

    Vinicius,

    não fui a nenhuma boate ou algo do gênero em Buenos Aires. Nós sempre saímos para jantar em algum restaurante legal. Na lista do texto acima estão as minhas recomendações.

    Mas o site “What Up Buenos Aires” tem uma lista bem legal de eventos e lugares interessantes da cidade. No link abaixo você pode conferir a “Hot List” deles:

    http://www.whatsupbuenosaires.com/hotlist

    Em relação ao lugares legais, eu indico:

    - Um passeio pelo bairro da Recoleta, com seus belos prédios e cafés;
    - A feira de antiguidades do bairro de San Telmo aos domingos;
    - Andar pelo bairro de Palermo aos sábados, com muita gente bonita e lojas de grife com ótimos preços;
    - Se você gosta de futebol, vá ao estádio de La Bombonera, no bairro de La Boca. Aproveite para conhecer o Caminito;
    - Um passeio pelos bosques e parques de Palermo, em especial o Jardim Japonês, o Parque Tres de Febrero e o seu Rosedal, e o Jardim Botânico (confirme se estará aberto ao público, pois estava fechado a alguns dias atrás);
    - Os locais turísticos no Centro e Retiro (Torre dos Ingleses, Obelisco, Plaza de Mayo, Av. de Mayo, etc)
    - Uma tarde e uma noite em Puerto Madero com seus ótimos restaurantes e bela paisagem.

  19. MARCELLE disse:

    Boa Tarde Alexandre !!!
    Adorei as dicas … eu e uma amiga estamos nos preparando para conhecermos Buenos Aires e ainda tenho algumas dúvidas, você saberia me informar onde posso encontrar um ALBERGUE bom e barato em Buenos Aires???? E também o valor de uma passagem de onibus do Chile para Argentina ??? E em relação a comida de Buenos Aires o valor era mto alto ????? E que dica me daria para comprar Bebidas, roupas e lembranças lá????

    Aguardo retorno
    Grata desde já
    Abraços

  20. MIKE disse:

    Olá Alexandre,td bom??

    Antes que tudo queria te parabenizar pelo teu post,realmente é muito informativo,queria ver com vc algumas dicas,viajarei para Bs As em 15/08 e ficarei ate 17/08,ou seja,ficarei so um final de semana,o hotel pagarei com cartão de credito,e gostaria de saber quanto deveria levar em pesos,uma media,para me locomover lá,sair para jantar e curtir alguma balada,alem de fazer alumas compras.

    Ah,pretendo levar pesos desde aqui,na Cotação tem uma otima taxa de cambio.

    Desde já agradeço.

    Mike

  21. Alexandre disse:

    Mike, Obrigado!

    Uma dica que recebi quando fui a Buenos Aires foi levar o equivalente a 100 dólares, convertidos em pesos, para cada pessoa, por dia. Mas este valor pode mudar dependendo do que você pretende fazer. Esta referência de 100 dólares não contempla, por exemplo, as compras que você deseja fazer.

    Em relação a comprar os dólares na Cotação, o único problema que ocorreu comigo foi que eles só tinham notas de 100 pesos. Como já ouvi muitos relatos de pessoas que receberam notas falsas como troco de táxis e lojas, só utilizei as notas de 100 pesos em restaurantes. Uma alternativa é trocar os reais por pesos na agência do Banco de La Nacion do Aeroporto de Ezeiza e pedir notas baixas.

    Um abraço e boa viagem!

  22. Alexandre disse:

    Oi Marcelle!

    Obrigado por seu comentário!

    Em relação a dicas de compras, além do que já escrevi no blog, sugiro acessar o link abaixo, que vai para o blog do Ricardo Freire, meu guru de viagens:

    http://viajeaqui.abril.com.br/indices/conteudo/blog/75862_comentarios.shtml?1311328

    Em relação aos albergues, não tenho nenhuma noção de locais para te indicar. Sugiro outro link do blog do Ricardo Freire, com dicas de hotéis e pousadas em conta na cidade de Buenos Aires. Acesse o link abaixo:

    http://viajeaqui.abril.com.br/indices/conteudo/blog/82657_comentarios.shtml?1311328

    Espero que tenha ajudado!

    Um abraço!

    Alexandre

  23. Aninha disse:

    Olá Alexandre! Estou pensando em ir a Buenos Aires para conhecer principalmente o Zoologico e os jardins, então gostaria de saber sobre as temperaturas no mês de Outubro. Você teve alguma informação, apesar de ter ido em outro período?

  24. Oi Alexandre!

    Acabei de voltar de Buenos Aires! A viagem foi ótima e suas dicas me ajudaram bastante… Inspirada pela grande ajuda que obtive nos blogs, resolvi escrever o meu relato da viagem também. Criei o Embarque portão 5 (http://portao5.blogspot.com/). Coloquei um link pro seu que blog (espero que nao tenha problema)… Depois dá uma olhadinha lá… tá só no começo, mas pretendo postar outras viagens também.

    Beijos,
    MAri.

  25. Alexandre disse:

    Olá Aninha!

    Consultei o site do “The Weather Channel” para obter a informação da média de temperaturas em Buenos Aires no mês de Outubro.

    Segundo o site, a temperatura máxima fica em torno de 21 graus, a mínima em 13 graus, sendo a média de 17 graus.

    Imagino que as temperaturas mais baixas sejam referentes ao período da noite. Então não acredito que esteja muito frio para visitar o Zoo e jardins, pois são passeios feitos durante o dia.

    O link com as médias de temperaturas e chuvas para Buenos Aires é este:

    http://br.weather.com/weather/climatology/ARBA0009?dayofyear=275

    Se tiver alguma dúvida, pode entrar em contato novamente.

    Um abraço!

  26. Alexandre disse:

    Oi Mariana!

    Que bom que as minhas dicas puderam ser úteis para a sua viagem. Buenos Aires é realmente apaixonante!

    Vou acessar o seu blog para ler os seus relatos! E obrigado pelo link inserido por lá!

    Um abraço!

  27. Rosa BSB disse:

    Alexandre e leitores, quando a gente leva apenas a identidade, recebe um comprovante com carimbo de entrada. Guarde-o muito bem guardado, ele será exigido na saida. Eu e o meu marido perdemos o nosso e ai vem uma burocracia de preenchimento de papéis e pagamento de multa. Foi bem estressante, correria de um lado para outro. Tenham muita atenção para esse detalhe e não passem pelo que nós passamos. De agora em diante só saimos do Brasil com passaporte.

  28. Alexandre disse:

    Rosa BSS, a sua observação é muito oportuna. De fato, é preciso muito cuidado com o comprovante fornecido pela imigração. E o tamanho reduzido do comprovante, algo como um canhoto de nota fiscal, não ajuda nada, né?

    Um abraço!

  29. Renata disse:

    Oi Alexandre!

    Adorei seus comentários, muito úteis para nós, marinheiros de primeira viajem… rs
    Estou indo para Buenos Aires com meu noivo, e iremos passar o aniversário dele por lá… queria preparar algo especial… já andei pesquisando, mas são muitas opções! Consegue me indicar alguns bons (de preferencia não muito caros) bares ou restaurantes por lá?!

    Muito obrigada.

    Bjs,
    Renata

  30. Alexandre disse:

    Renata, obrigado pelo elogio!

    Em função da baixa cotação do Peso em relação ao Real, o preço de almoço e jantar em Buenos Aires fica muito barato. É claro que com esta crise, houve uma desvalorização do Real, mas ainda sim, creio que ainda dá pra ter uma belo jantar em BsAs sem comprometer o orçamento.

    Os restaurantes que posso indicar são aqueles onde estive, indicados no texto acima. Um bom site para pesquisar e o Guia Oleo (http://www.guiaoleo.com.ar/index.php). Lá você encontra bares e restaurantes classificados por região, preço e recomendação.

    Um abraço!

  31. Nelson Marcelino disse:

    Caro Alexandre,

    Achei muito legal todas as suas dicas.
    Estou indo com a minha mulher, ela primeira vez, para Buenos Aires, no proximo docimingo dia 9 de novembro.

    Por favor me informe como está o tempo lá nessa semana ( de 9 a 16 de novembro/2008 ).

    Muito grato e abraços
    Nelson

  32. Alexandre disse:

    Nelson, creio que em meados de Novembro já está fazendo bastante calor em Buenos Aires. Li o relato de uma pessoa que voltou de lá nesta semana e já estava muito quente.

    Quando estava em Buenos Aires, consultei o seguinte site de previsão meteorológica:

    http://tiempo.miarroba.com/america/argentina/buenos-aires/el-tiempo-en-buenos-aires.html

    Um abraço!

  33. Déia disse:

    Oi Alexandre, td bem?

    Adorei as dicas!
    Vc passou pelo freeshop ao chegar no aeroporto?
    O tempo de 3 horas calculados pela ByT é suficiente ou vc acha necessário adiar mais um pouco?

    Um abraço!

  34. Alexandre disse:

    Olá Déia!

    Eu só passei pelo freeshop do Aeroporto de Ezeiza, que eu considerei como bom. O meu vôo partiu e retornou por Confins e o freeshop daqui é muito ruim.

    Em relação ao período de três horas do desembarque até a chegada ao apartamento, penso que é suficiente. Quando chegamos em Buenos Aires, perdemos pouco tempo na imigração, mas a fila do câmbio no Banco de la Nacion (a melhor taxa de conversão reais/pesos de BsAs) estava muito grande. Saímos um pouco atrasados e ligamos do táxi para o apartamento. O funcionário da Byt já estava no local e atendeu o nosso telefonema. Explicamos que já estávamos a caminho e ele nos aguardou no apto.

    No dia do nosso retorno, descobrimos que há um quiosque/loja do Byt no saguão do Aeroporto de Ezeiza. Portanto, se você estiver atrasada, pode procurar pela Byt no andar térreo do aeroporto e pedir para que te esperem no apartamento.

    Um abraço!

  35. Fábio disse:

    Olá todos!!
    Esse ano estive duas vezes por lá, na primeira com a esposa e a segunda a trabalho. Por economia, sinceramente, resolvi correr todos os “riscos” com a ByT, pois chegamos lá dia 25 de dezembro, feriado, e voltamos dia 1º de janeiro, feriado também… e olha, o tratamento foi excelente, pessoal organizado e honesto, tanto que a devolução do depósito garantia estava com o porteiro (ele mesmo fez a vistoria do apartamento).
    Na segunda vez, pela empresa, fiquei no Hilton.
    Por incrível que pareça, apesar de um pouco mais de conforto no hotel, quando voltar para lá, vou ficar com a ByT… impagavel a sensação de “morar” em outro país… ficar íntimo da cidade e de seus habitos e costumes. Hotel é aquilo, acorda, desce, toma café, e etc…
    BsAs tem vários (muitos mesmo) cafés sensacionais, onde reparei… o quanto povo argentino lê! Sabe, essas coisas assim, eu sinto que ganhei quando fui com a primeira vez!
    Outra coisa que eu vi sendo discutida e coloco em questão: O câmbio deve ser feito uma vez só! Nada de pegar Real, trocar por Dólar e depois trocar por Pesos! Lá realmente o Dólar é (pouco) mais valorizado do que Real… mas cambio duas vezes é muita perda. Outra coisa que testei e funcionou… Sou cliente do Itau e na Recoleta (Próximo ao cemitério e Hard Rock) tem uma agência (devem ter outras) com caixa rápido e pasmem, foi o menor câmbio que eu fiz lá!
    Aos que irão, boa viagem.

    Amo BsAs.
    Temperatura média da semana: 32ºmax 16ºmin

    ftiep@hotmail.com

  36. FAFA disse:

    Óla Alexandre.
    Foi otimo suas dicas , a minha filha está indo dia 7 eu estou preocupada com qual tipo de roupa e calçados usa nessa época pois eu não conheço é a 1 vez que ela vai.

    um abraço

  37. carlos disse:

    Olá Alexandre,
    Gostaria de saber o que você acha do Hotel Impala e da sua localização, já que se encontra situado à Libertad, 1215.

    • Alexandre disse:

      Olá Carlos! Eu não conheço o Hotel Impala, porém a localização me parece boa. Está no meio do caminho entre a Recoleta e o Centro e a duas quadras da Av. Santa Fé.

      Um abraço!

  38. Letícia disse:

    Olá Alexandre,
    Estou usando seu blog, como uma grande ajuda. Tenho algumas dúvidas que gostaria de saber se pode me ajudar. Viajarei em 16 de janeiro e ficarei na casa de uma amiga, ou seja, grátis(rsrsr) no Retiro. Bom lá vão as perguntas??
    Quanto custa ir de táxi do aeroporto até o centro ( valor estimado)?
    Vou viajar com meu filho ( 11 anos ) e pretendo levar por volta de mil dólares. Vc acha que dá?? Não tenho como objetivo fazer muitas compras.
    Acha que devo fazer o cãmbio para dólar aqui ou levar reais e fazer lá?
    Já agradeço sua ajuda.

  39. Alexandre disse:

    Olá Letícia!

    Eu paguei 88 pesos no táxi do aeroporto até a Recoleta, que é um pouco mais distante em relação ao centro. Eu usei o serviço da empresa Táxi Ezeiza, que cobra um valor fixo do aeroporto até o seu destino. Recomendo que você faça o mesmo, pois já soube de relatos de pessoas que foram enganadas por taxistas em Buenos Aires. O quiosque da empresa fica no saguão do aeroporto e basta você dizer o endereço para onde vai que eles te cobram o valor na hora e te levam até o táxi. No site da Taxi Ezeiza (http://www.taxiezeiza.com.ar), estão informando que o trajeto aeroporto-centro custa atualmente 98 pesos.

    Em relação ao dinheiro, já que você tem os dólares, recomendo que você faça o câmbio desta moeda diretamente para pesos. Se você trocar dólares por reais e depois por pesos, vai perder dinheiro. Troque uma quantia ao chegar no aeroporto de Buenos Aires, mas somente no Banco de La Nacion, situado no saguão, pois tem uma cotação justa. Evite as empresas de câmbio que ficam na área de desembarque internacional, pois possuem péssimas cotações.

    Apesar de você não dizer quanto tempo vai ficar em Buenos Aires, acho que mil dólares são suficientes para a sua viagem.

    Qualquer dúvida, pode entrar em contato novamente.

    Um abraço!

  40. Sandra disse:

    Olá…Estou indo dia 17 de janeiro vou ficar apenas 3 dias, gostaria de saber que roupas e sapatos levar…e também $$$ não vou fazer compras..apenas alimentação…

    Desde já agradeço sua ajuda…

    • Alexandre disse:

      Sandra, quando fui em Buenos Aires era inverno e, portanto, estava muito frio. No entanto, o verão por lá me parece ser tão quente quanto aqui no Brasil. A previsão do tempo para o dia que você vai, nos site do Weather Channel, é de temperatura mínima de 24 graus e máxima de 37!!!! É verão carioca!!

      Em relação a quanto levar em dinheiro, estipulo que 90 dólares por dia (por pessoa) são suficientes para conhecer a cidade, almoçar e jantar em ótimos restaurantes.

      Um abraço!

  41. yumara disse:

    Boa noite Alexandre!

    Aluguei um studio super charmoso com a Bytargentina que fica na Juncal com Talcahuano, na Recoleta Bairro Norte.Pelo que ví no mapa deles, me parece ser uma boa localização, não??
    Ah, vou ficar uma semana lá com a minha mãe.Quantos pesos acha que eu deveria levar??
    Agradeço desde já!

    • Alexandre disse:

      Olá Yumara!

      A localização do seu apartamento é realmente muito boa. Espero que você goste da experiência de alugar um apê em BsAs tanto quanto eu!!

      Em relação a valores, creio que uma média de 90 dólares por pessoa, por dia, é suficiente para comer bem e passear bastante.

      Um abraço!

  42. Caroline disse:

    Ola Alexandre, estou indo pra Buenos Aires em fevereiro…..Aluguei um apartamento na Recoleta, conforme a sua indicacao….e gostaria de saber quanto voce pagou referente ao deposito de garantia. Suas dicas me ajudaram bastante, obrigada!

    • Alexandre disse:

      Oi Caroline!

      Para quem fica uma semana uo dez dias, como no meu caso, o depósito de garantia é o valor correspondente a 7 dias de aluguel. Se você estiver em dúvida, a melhor solução é entrar em contato com a empresa que alugou o apto. Assim, você evitará surpresas.

      Se tiver mais dúvidas, fique a vontade para perguntar.

      Um abraço!

  43. stravinsky disse:

    Buenos Aires e uma cidade muito interessante. Percorri varias ruas e nao achei nada. A recoleta e um cemiterio e quem vai visitar morto morto fica!

    • Alexandre disse:

      Stravinsky, você não viu nada nas ruas de BsAs? Deve ter andado de olhos fechados. Mas concordo que cemitério não é ponto turístico, tanto que nem perdi meu tempo com isso por lá. Mas o bairro da Recoleta tem muitas outros atrativos, como parques, igrejas, cafés, restaurantes e belíssimas construções.

  44. stravinsky disse:

    Buenos Aires e terra de boiola! E minha mulher diz que sou ridiculo

  45. Ana disse:

    Olá!
    Estou voltando para o Brasil, vindo de B.A., e gostaria de saber se na volta por Guarulhos a gente passa novamente no free shop.
    Abraço,
    Ana

    • Alexandre disse:

      Ana, não tenho certeza a respeito desta informação. Quando cheguei em BH, nem reparei se tinha acesso ao Free shop do Aeroporto de Confins. Saí do avião e fui direto pra casa!

      Um abraço!

  46. fabíola disse:

    alexandre, gostei muito dos seus comentários, já estive em BA em 2003, soube de novidades em museus, vc tem alguma dica?

  47. JOHN disse:

    Cheguei 5af de BsAs.
    Tava muito calor
    Paguei 90 pesos do aeroporto até meu hotel (região entre são telmo e centro).
    Câmbio: O melhor é trocar reais por pesos no Banco da Nacion , no hall do aeroporto,após o desembraque, já cá fora.
    Pagaram 1,55 reais em 1 peso.
    O metro é 1,20 pesos a viagem, é velho, estacões antigas…
    Não achei perigoso.
    ônibus tb meio caquéticos. Só aceitam moedas, não tem cobrador.
    Esperava que a cidade fosse mais limpa.
    O que é legal: Porto Madero, Caminito,Palermo.
    O Malba é arquitetonicamente belo, lembra Pompideau de Paris, mas a a”Arte Moderna” de lá é uma merda.
    O Museu de Bellas Arte vale a pena.
    O Zoo é legal.
    Show de tango, fomos no senhor tango. Os dançarinos são ótimos, mas fala sério: cavalos, bailarinas semi-nuas,musical do Sting ( o que tem a ver ?), índios estilo peruano… foi até engraçado.

  48. Junior disse:

    Parabens pelas dicas alexande, acabei de ler todas as dicas e comentarios. Pretendo ainda este ano ir para Buenos Aires e fazer o meu batiso e pelo que vejo tem muita coisa boa e interessante por la.
    Tenho uma duvida que nao vi ninguem comentando ainda. Alguem ja foi de carro para la ? Sera que vale a pena ?
    Eu particularmente, amo dirigir, ainda mais em viagens longas onde posso ir para bem entender e mudar minha rota sempre que achar necessário. Como moro no Sul, Porto Alegre levo umas 10/11 horas ate la, coisa que estou acostumado a fazer pois no verao vou para Santa Catarina(Bem ao final Quase Curitiba) e é mais ou menos 7/8hs e o tempo, enfim gostaria que alguem comentasse sua expericneica de ir com o carro proprio e como foi, espero que tenha alguem que leia meu post e tenha ido de carro para falar um pouco.
    É tranquilo andar de carro por la, mesmo nao conhecendo ? Essas coisas, qualquer comentario sera bem vindo ..

    Grande abraco..!!!

    • Alexandre disse:

      Júnior, obrigado pelo elogio!

      Infelizmente não tenho como te ajudar nesta questão da viagem de carro. Mas se você gosta tanto de dirigir, nao creio que existam muitos problemas.

      Mas posso te adiantar que o trânsito de Buenos Aires está piorando muito a cada dia. Várias pessoas que viajaram depois de mim relataram que no início da manhã e no final da tarde o trânsito fica péssimo!!

      Um abraço!

  49. Mírian disse:

    a minha dúvida é a seguinte:
    Quando chegar no aerporto de buenos aires, vc dever ir imediatamente para a fila de imigrantes, ou pegar primeiro as malas?

    • Alexandre disse:

      Míriam, se não me falha a memória, primeiro nós pegamos as malas e depois fomos para o setor de imigração. Mesmo que a sequência não seja esta, não há possibilidade de escolha: se você sair direto no desembarque para pegar as malas, terá que passar posteriormente na imigração. Se sair direto na imigração, pegará as malas depois.

  50. larissa disse:

    Alexandre,
    Vc sabe me informar se consigo trocar travelers check por dolares no Banco de La Nacion, localizado no saguão do aeroporto?
    Obrigada

  51. Eloisa disse:

    Alexandre,
    Estou indo para Buenos Aires em Maio e gostaria de saber algumas coisas.
    Qual a melhor região para ficar hospedado?
    É melhor procurar uma agência de turismo para fazer o pacote ou dá para ir sozinha?
    Adorei as dicas!
    Obrigada
    Eloisa

    • Alexandre disse:

      Olá Eloisa!

      Se você ainda não conhece Buenos Aires, entendo que a melhor região para ficar hospedada é na região da Recoleta. Assim, você está perto de muitas atrações, restaurantes, bares e a meio caminho dos demais bairros que valem a pena visitar (Palermo, San Telmo, Boca, Centro, etc).

      Eu organizei a minha viagem sozinho, sem ajuda de agência. Na verdade, eu gosto deste tipo de experiência, onde é necessário pesquisar muito e confiar nas dicas recebidas. Alugar um apto para focar hospedado durante 10 dias foi ótimo para economizar, mas foi legal viver como um argentino durante este período, fazendo compras no supermercado, conversando com os vizinhos no elevador, etc.

      Com um pacote fechado, tipo CVC, você vai ficar “presa” às condições impostas por eles, como local pra ficar, passeios, horários, etc. Mas você também pode pedir um pacote personalizado a uma agência de turismo. Tud depende do seu “espírito de viagem”.

      Um abraço e obrigado!

  52. Eliane disse:

    Alexandre
    Vou à Buenos Aires dia 12/06 à 15/06. Não vou levar muito dinheiro, pois quando voltar vou à Fernando de Noronha e tive que dividir a grana.
    Vou pela CVC , fico no Hotel Conte, onde terei café da manhã. Queria saber se é viável fazer o passeio turístico que a agência oferece , ou aproveitar o tempo para conhecer a região por minha conta de ônibus, e comer nos lugares em que eu passar?

    • Alexandre disse:

      Olá! Me parece que o Hotel Conte fica no centro de Buenos Aires, próximo a Avenida de Mayo e vários locais interessantes para visitar. Dá pra ir a pé até o Congresso, a Plaza de Mayo, Casa Rosada, Café Tortoni, o bairro de San Telmo (que tem um feirinha de antiguidades imperdível no domingo), Torre dos Ingleses, etc. Vale a pena conhecer também os bairros da Recoleta, Palermo, Puerto Madero e La Boca, mas será necessário pegar um táxi.

      Não sei quais são os passeios propostos pela agência, mas o problema é que eles são no estilo “vapt-vupt”, ou seja, é tudo muito rápido e sem tempo para explorar os lugares. Mas pode ser uma vantagem para você, pois a sua viagem é curta.

      Cabe a você pesar os prós e contras, seja de tempo ou de verba.

      Um abraço!

  53. Joana disse:

    Olá,
    Vou para Buenos Aires dia 15/05 e volto dia 20 e queria saber como funciona por lá o sistema de saúde. Vou com a minha mãe, que é transplantada, e fico receosa de não fazer um seguro saúde, mas por outro lado não queria despender essa grana, já que ficarei pouco tempo… Os hospitais públicos lá são bons? Nós, como brasileiros (na verdade minha mãe é portuguesa), temos direito a atendimento nos hospitais públicas da cidade?

    • Alexandre disse:

      Joana, não sei como é o sistema de saúde pública na Argentina. Mas sei que segurados do INSS tem atendimento gratuito em hospitais públicos.

  54. Luciana disse:

    Oi, estou indo em agosto com meu marido. O seu blog é ótimo! Acredito que vai me ajudar muito.

  55. Flávia disse:

    Oi Alexandre!!!

    Bem, estou indo passar o dia dos namorados em Buenos Aires, e queria uma dica sua de algum lugar (restaurante, bar, etc…) romântico, para poder comemorar!!!

    Obrigada!!!

  56. Andréa disse:

    Oi Alexandre,

    Gostei muito do seu site e de todas as suas dicas. Estou me baseando nele para planejar a minha primeira viagem a Bs As e está me ajudando bastante.
    Como será uma viagem em família achamos melhor alugar um apartamento. Localizamos alguns mais em conta na região do Centro, mas ficamos com receio de não ser um bairro tão bom para se hospedar. Os aptos ficam localizados na região da Cordoba, 9 de Julio, Calle Florida e Av.Eduardo Madero.Você acha que esse é um bom bairro para ficarmos hospedados em relação a região e ao lazer? E na Pallermo Soho na Julian Alvarez e Mansilla?

    • Alexandre disse:

      Oi Andréa!

      Fico contente por ajudar com as minhas dicas.

      Alugar um apartamento é uma ótima experiência, além de ser mais econômico. Creio que vocês vão aproveitar bastante!

      Em relação a localização, penso que o bairro da Recoleta é o melhor local para quem ainda não conhece a cidade. Além das atrações do próprio bairro, você ficara no meio do caminho de todos os outros lugares interessantes para visitar.

      Palermo é um bairro muito legal, mas fica longe dos demais locais da cidade. Como imagino que você pretende ir a outros lugares, Palermo fica do lado oposto dos bairros Retiro, Centro, San Telmo, Puerto Madero e La Boca.

      Se precisar de mais ajuda, fique à vontade para pedir.

      Um abraço!

  57. Flávia disse:

    Oi Alexandre!!!

    Obrigada pela dica do El Ultimo Beso!!! É simplesmente maravilhoso!!! O ambiente é muito intimista, deixa a gente bem à vontade, fora que é uma graça, né!!!…O atendimento foi excelente, a comida muito boa, enfim, você me ajudou muito, com certeza!!!

    Um detalhe interessante: A dona de lá me disse que naquela noite, (12/06), 90% dos clientes, eram brasileiros!!! Ou seja, acho que muita gente viu sua dica!!!!

    Grande abraço, e com certeza no próximo ano, irei te pedir outras sugestões!!!

    Abraços

    • Alexandre disse:

      Oi Flávia!

      Que bom vocês gostaram do El Ultimo Beso. Sempre que indico este restaurante, fico com uma vontade danada de voltar lá! Antes de viajar para BsAs, pegamos a indicação deste restaurante no Viaje na Viagem, o blog do Ricardo Freire. E, de fato, foi uma excelente indicação de lugar romântico.

      Quando precisar de mais dicas, fique a vontade para perguntar.

      Um grande abraço!

      Alexandre

  58. CARMEN disse:

    Olá, como vão vocês? Pretendo ir pra Buenos Aires lá para o dia 28/29 de Dezembro/09. Quais dicas vocês poderiam me dar, vou com meu filho de 22 anos.Ainda não reservei passagem nem hotel alguém poderia me indicar uma agência ou se fica mais barato alugar um apto? Tenho vontade de ficar no centro, perto do movimento, lojas ,restaurantes e ir até o Bairro famoso “Boca”, ver a casa rosada, etc. (resido em SP-capital)
    Abraços e obrigada.
    Carmen

    • Alexandre disse:

      Olá Carmen!

      Não sei quantos dias vocês vão ficar em BsAs, mas todas as dicas que posso dar já estão aqui no blog, a começar por este post. Sugiro que leia todos os outros da nossa viagem. Acesse o link abaixo:

      http://oquesefaz.wordpress.com/category/buenos-aires/

      Em relação ao aluguel de apto, vale muito a pena, principalmente se for por um período de uma semana ou mais. Além d preço mais barato que diárias de um hotel, a experiência de viver como um habitante local é muito interessante.

      O centro é um movimentado, mas não é o melhor local para ficar. Como imagino que será a primeira vez de vocês na cidade, sugiro o bairro da Recoleta ou Barrio Norte. Ambos são próximos do centro, mas a meio caminho de outros lugares interessantes, como o bairro de Palermo, San Telmo, Puerto Madero. Aliás, os melhores restaurantes estão nestes bairros.

      No bairro de La Boca, o mais interessante para mim foi a visita ao estádio La Bombonera. O Caminito, tão famoso, é interessante, mas não é, nem de longe, o melhor passeio para se fazer em BsAs.

      Um abraço!

  59. Olá Alexandre,

    Estarei indo com minha esposa pela CVC em setembro e irei ficar no hotel Nogaro.
    Tem alguma dica quanto ao hotel?
    Vou passar de 10/09 a 14/09
    A agencia informou que temos que trocar os Reais por Dólares antes de viajar, esta correto? ou espero trocar por peso quando chegar lá?
    Fechei com a agencia Aereo – hospedagem – translado – city tour – compras.
    Pois nao sabia o valor do taxi, pensei que fosse caro.
    O preço achei muito bom, pode ser por causa da gripe.
    R$ 2.156,49 Eu e minha esposa partindo de Recife\Sao Paulo\Buenos Aires.

    Abraços

    • Alexandre disse:

      Alexandre,

      não conheço o Hotel Nogaro. Em qual bairro ele está localizado?

      É interessante trocal alguns pesos antes dda viagem, para nã chegar na Argentina sem moeda local. Porém, não é um ação obrigatória. Eu troquei alguns aqui no Brasil e o restante na agência do Banco de La Nacion de Aeroporto de Ezeiza (ótima cotação) e no Banco Meridien, da Calle Florida, no Centro de Buenos Aires (boa cotação). Mas como vocês vão com a CVC, pode ser que não haja tempo na programação definida por eles para que os clientes façam câmbio. O importante é tentar sempre a melhor cotação Reais x Pesos. Veja a cotação que você consegue em Recife e compare com os bancos argentinos.

      Um abraço!

  60. Sybelle disse:

    Oi Alexandre,

    vc poderia me dizer como fico sabendo a cotação no Banco de La nacion,que vc indicou?

    Estou levando suas dicas na minha bagagem, na volta escrevo…

  61. Dnys disse:

    Boa Tarde,

    Nossa, li o Blog inteiro, as dicas, tudo. VOu imprimir tudo isso e levar para saber oque fazer também. Muito úteis suas dicas. Eu procurei bastante dicas, mas com certeza este é um dos melhores lugares para encontrar as informações de maneira clara e simples.
    Obrigado por compartilhá-las conosco !

    Abraço !

  62. Rejane disse:

    Ola Alexandre
    Eu e uma amiga iremos para Buemos aires pela primeira vez em dezembro deste ano (2009)
    to aui buscando dicas para uma estadia curta.
    como só vamos ficar 4 dias não podemos perder tempo.
    você teria um pequeno roteiro de lugares que não podemos deixar de ir para uma primeira viagem? pois são muitas opções..
    desede já agradeço
    Rejane

    ah ficaremos no hotel Rochester Concept ( o que fica bem proxomo a ele?)

    • Alexandre disse:

      Rejane,

      imagino que vocês ficarão um final de semana em Buenos Aires. Sendo assim, recomendo os lugares que mais gostei:

      - um tour pelo bairro da Recoleta (belíssima arquitetura), começando pela pela pracinha do cemitério, passando pela igreja e indo em direção a Avenida Del Libertador, Plaza Naciones Unidas (onde está a Floralis Genérica e Museu Nacional de Bellas Artes.). Na volta, um passeio pela Av. Alvear, com o Alvear Palace Hotel e as lojas chiques, seguindo até a Calle Posadas pra ver o belo Shopping Patio Bullrich. Mas vale uma ressalva: todo o bairro da Recoleta é interessantíssimo, com belos prédios, muitos cafés e ótimos restaurantes! Os imóveis das embaixadas brasileira e francesa são lindos!
      - no sábado, durante o dia, um passeio pelo bairro de Palermo é ótimo. Neste dia, o bairro está cheio de gente! Se estiver interessada em compras, na Av. Córdoba tem várias outlets com preços interessantes. O coração do bairro fica nos arredores da Plaza Cortazar, com muitas lojas legais, bares e restaurantes. O bairro tb ferve no Sábado à noite, com vários bares e restaurantes legais! Outro local interessante pra ir no Sábado à noite é Puerto Madeiro, que tem boates e restaurantes muito bons!
      - não deixe de conhecer os bosques de Palermo (Jardim Botânico, Rosedal e Jardim Japonês). Um dos melhores programas em Buenos Aires. Vale uma manhã ou tarde inteira!
      - no domingo, acorde cedo é vá para La Boca. Conheça o Caminito e, se gostar de futebol, faça um tour pelo La Bombonera. Caso contrário, siga para San Telmo. Lá você vai encontrar, na Plazza Dorrego, a famosa feirinha de antiguidades!! Dá pra passar a tarde inteira circulando pelo bairro, com bons restaurantes, antiquários com artigos muito interessantes!
      - como o seu hotel fica no Centro, vale uma caminhada de um lado ao outro da Avenida de Mayo. Começe no Congresso e termine na Casa Rosada. Faça umas compras no Calle Florida e tome um café com churros no Café Tortoni.

      Eu poderia escrever o dia todo sobre tudo o que gosto em Buenos Aires, mas você só tem 4 dias! Lembre-se: cada um tem as suas preferências! Leia os meus textos sobre a viagem aqui no blog e escolha o que você mais se identifica.

      Um abraço e boa viagem!

  63. Gisele Alves disse:

    Oi! Chegarei a Buenos Aires em 06/11/09, que é uma sexta-feira a noite consegurei encontrar o Banco de La Nacion aberto para o troca de dinheiro.

    • Alexandre disse:

      Gisele, já ouvi muitas pessoas dizerem que a agência do Banco de La Nacion no aeroporto funciona 24 horas. Mas não tenho certeza absoluta sobre esta informação. Eu levaria alguns pesos (no máximo, 300) e, caso a agência esteja fechada, procuraria alguma casa de cãmbio no sábado (no Centro, próximo a Calle Florida tem muitas) e trocaria por mais alguns pesos, só pra gastos do final de semana. Durante a semana, trocaria no Banco de La Nacion ou Meridien.

      Um abraço!

  64. Gisele Alves disse:

    E outra consigo comprar facilmente ingressos para o jogos do Boca Juniors no Labombonera?

    • Alexandre disse:

      Gisele, acho que não é muito simples comprar ingressos para jogos do Boca. A maioria dos ingressos é destinado aos sócios e só vendem o restante. Se você estiver em um hotel, peça informações na recepção. Muitos hotéis tem parceria com empresas que atendem turistas para compra de ingressos para os jogos do Boca.

  65. ale disse:

    Muito bacana suas informações.

    Irei a Buenos Aires no dia 17 próximo. Alugarei um flat, pois ficarei 8 dias. Além do bairro Recoleta, algum outro bairro bacana para se hospedar? É a primeira vez que vou a B. Aires, porém, não me preocupo muito em conhecer os pontos mais turísticos. Eles sempre estaralão lá (que Deus (e os homens) assim permita), gosto de viver o dia a dia das pessoas da cidade. Outras viagens virão e devagar vou conhecendo, senao fica como se fosse uma obrigaçao.

    Você tem alguma sugestões de passeios diferenciados, sem ser esses já mencionados acima para uma primeira viagem? Podem ser românticos, arredores de Buenos Aires, etc….

    Obs.: quando quiser dicas de Fortaleza, é só pedir…

    Obrigada,

    • Alexandre disse:

      Oi Ale!

      Alem da Recoleta, eu gosto do bairro de Palermo, porém na região mais próxima da Plaza Cortazar. Mas existem sub-divisões do bairro, como Palermo Holywood e Palermo Chico, que não recomendo para se hospedar, pois são áreas com pouquíssimo movimento.

      Em Buenos Aires, só conheço os locais que relatei aqui no blog. Ou seja, quase todos são pontos turísticos tradicionais. Veja se encontra alguma dica interessante no blog “Idas e Vindas” ( http://www.idasevindas.com.br ) ou no “A turista Acidental” ( http://aturistaacidental.wordpress.com ).

      Obrigado! Um abraço!

      Alexandre

      • Alexandre disse:

        Oi Ale!

        Alem da Recoleta, eu gosto do bairro de Palermo, porém na região mais próxima da Plaza Cortazar. Mas existem sub-divisões do bairro, como Palermo Holywood e Palermo Chico, que não recomendo para se hospedar, pois são áreas com pouquíssimo movimento.

        Em Buenos Aires, só conheço os locais que relatei aqui no blog. Ou seja, quase todos são pontos turísticos tradicionais. Veja se encontra alguma dica interessante no blog “Idas e Vindas” ( http://www.idasevindas.com.br ) ou no “A turista Acidental” ( http://aturistaacidental.wordpress.com ).

        Obrigado! Um abraço!

        Alexandre

  66. carolina disse:

    Oi Alexandre,
    Estou indo para lá no dia 31 de dezembro, com meu namorado e nós iremos passar 30 dias lá. O objetivo será fazer um curso de espanhol e, claro, conhecer a cidade. Iremos alugar um apartamento, mas não sabemos a media de preços para o aluguel mensal. Os melhores que conseguimos estão na faixa de 600 dolares. Vc acha que o preço esta bom? ou esta caro?

    Abraços.

    • Alexandre disse:

      Olá Carolina!

      O preço está excelente, pois vocês vão pagar apenas 20 dólares por dia. Na minha viagem a BsAs, paguei 45 dólares por dia, o que ainda vale a pena se compararmos com os preços de diárias dos hotéis no bairro da Recoleta.

      Não sei com qual a empresa vocês estão negociando, mas recomendo a Byt Argentina. No site deles tem muitas opções interessantes, para todos os tipos de gosto e bolso. O site é http://www.bytargentina.com

      Um abraço!

  67. carolina disse:

    Gostaria de saber tambem como são as festas de ano novo por la. Se tem algum ponto turistico para se reunir ou se as festas são mais familiares.

  68. carolina disse:

    Valeu pela dica!
    E em relação ao ano novo. Quais saõ os lugares que existem algum tipo de comemoração?
    Li a respeito e vi que eles não gostam de comemorar como os brasileiros.

    • Alexandre disse:

      Carolina,

      nunca estive em Buenos Aires durante o final de ano. Mas também já li em outros blogs que é bem diferente do Brasil, principalmente em relação ao Reveillon. Me parece que não existem grandes festas e concentrações de pessoas nas ruas.

      Um abraço!

  69. Gavinho disse:

    Olá Alexandre,

    mt boas as suas dicas, estou indo dia 17/11 e retorno dia 22/11, com suas dicas já vou me virar melhor, só tenho uma dúvida, em novembro como costuma ser o clima por lá?
    Mais um vez, obrigado pelas dicas, abraço.

    • Alexandre disse:

      Gavinho,

      eu não estive em BsAs em Novembro, portanto não tenho certeza sobre o clima da cidade nesta época. Mas consultando o site do Weather Channel, vi que as médias de temperaturas em Novembro são 24 graus (temperatura máxima) e 16 graus (mínima). Quando estava em BsAs, sempre consultava este site e se mostrou confiável. Você pode ver os registros das temperaturas por mês neste link: http://br.weather.com/weather/climatology/ARBA0009

      Um abraço!

  70. Muito bom esse blog, quem quiser mais dicas também
    estou montando um(clique no meu nome), fui recentemente para BsAs,
    é linda a cidade, vale muito a pena

    Abs.,

    • Alexandre disse:

      Olá Mário! Obrigado pelo elogio!

      Visitei o seu blog e também encontre muitas dicas interessantes. Realmente, Buenos Aires é uma cidade linda!

      Um abraço!

  71. Eduarda disse:

    Olá Alexandre:

    Estamos indo a Buenos Aires em fevereiro de 2010. Faz uns dez anos que estive naquela cidade.
    Eu e meu esposo estaremos nos hospedando no Vista Sol Buenos Aires Design Hotel, localizado na Rua Tucuman, 451. O que vc acha deste local?
    Gostamos muito se sair à noite e de conhecer pontos turísticos, fazer compras, barezinhos, boites, museus, cinemas, restaurantes, etc.
    A princípio, iríamos nos hospedar em hotel situado na Recoleta.
    Meu esposo não conhece Buenos Aires, então, vc acha que devemos mudar o local da hospedagem?
    Ah, esqueci de lhe dizer que passarei meu aniversário lá, então quero uma semana de perfeita lua de mel.
    Mande-me dicas e comente sobre a hospedagem.
    Obrigada,

    Eduarda.

    • Alexandre disse:

      Eduarda,

      o hotel onde vocês ficarão hospedados fica no centro, bem próximo a Puerto Madero. Não conhecço bem esta região, pois foi um dos locais onde menos estive em BsAs. Puerto Madero é uma região com muitos bons restaurantes e boates.

      Para sair a noite, precisam usar o serviço de táxi, que é bem barato, se comparamos ao Brasil.

      Como disse no post, acho que a Recoleta é o melhor bairro para a primeira vez em BsAs, mas isso vai variar de acordo com o orçamento de cada pessoa. Caso vocês fiquem mais de 7 dias e sem pacote fechado, alugar um apto é uma ótima opção.

      Espero ter ajudado. Se precisar de mais dicas, fique a vontade para perguntar.

      Alexandre

  72. SUSAN disse:

    olá,

    Gostei do seu blog e das dicas de viagem.
    Estou com passagem comprada pra BsAs para o carnaval (9 a 18/02/10). Não compramos por agência. Cada um comprou a sua.
    Vou ficar em um acampamento de jovens com amigos até o dia 14 e depois ficarei na cidade pra conhecer os lugares antes de voltar. O que da pra conhecer em 3 dias? Quero fazer um roteiro. Ainda não sabemos o hotel onde vamos ficar. Conhece Albergues pelo centro?

    obrigada,

    Susan

    • Alexandre disse:

      Susan,

      como você vai ficar poucos dias em BsAs, sugiro que você conheça os pontos turísticos mais tradicionais, como a Casa Rosada, Avenida de Mayo, Congresso, Obelisco, Teatro Colon, bairro da Recoleta (arredores do cemitério), Puerto Madero. Se você estiver na cidade no domingo, recomendo a Feira de San Telmo. É imperdível. Mas fica difícil montar um roteiro sem saber o que você gosta ou deseja ver na cidade. O site oficial da cidade de Buenos Aires tem um ótimo serviço de roteiros pré-estabelecidos, tudo em português. Acesse o site: http://www.bue.gov.ar/recorridos .

      Em relação a albergues, não posso ajudar. Não conheço nenhum em BsAs.

      Um abraço!

  73. Liliana disse:

    HOla soy argentina y contamos con un equipo de profesionales de turismo y guias de compras, hacemos transfer aeropuerto hotel etc etc.
    Las compras los traslados son gratuitos y visitamos diferentes fabricas.
    Tenemos muchos pasajeros que le hemos prestado servicios que son de brasil, cualquier cosa pueden darte referencias. Mi mail es liliana103@hotmail.com ó argentour2009@hotmail.com
    En lo que quieras podes contar con nuestra ayuda. Gracias
    Me despido con todo respeto
    Liliana

  74. Marcelo disse:

    Estive em Buenos Aires neste natal (dez/09) é foi “UMA DECEPÇÃO TOTAL” a recepção não foi boa, eles são frios e não tratam bem os Brasileiro (isto aconteceu comigo e minha familia), achei que é um lugar muito ruim para passear com familia (esposa e filhos), as ruas estão sujas, existe pedintes em todos os lugares, os predios são velhos (centro da cidade). Quem pretende comprar na Argentina, acho melhor comprar na vinte cinco de março -SP é mais em conta. O show de tango é muito bom e o passeio no El Tigre também é bom, mas resumindo tudo não voltarei mais a passeio a Buenos Aires…..

    • Alexandre disse:

      Marcelo, acho que tudo é uma questão de ponto de vista e expectativas.

      Quando estivemos em Buenos Aires, eu e minha esposa fomos tratados muito bem! Alíás, conversamos com vários argentinos do prédio onde alugamos o apartamento, assim como outras pessoas em supermercados, restaurantes, cafés, parques. Até os taxistas, que aqui no brasil são mal-humorados, nos trataram bem em BsAs. E olha que conversamos até sobre futebol. E veja que ironia: a única pessoa que nos tratou mal na cidade foi uma funcionária da Gol!!

      Em relação ao centro, os prédio do Centro, da Recoleta, de San Telmo, Palermo, são velhos mesmo! Mas é aí que entra a questão do ponto de vista e expectativa: uma das coisas que eu mais gostei foi da arquitetura européia da cidade, com prédios antigos, mas bem conservados! Prédios novos (e bonitos) em BsAs você só encontra em Puerto Madero! Em 2007, alguns prédios históricos estavam em reforma, como o Teatro Colón.

      Não sei onde você mora, mas ruas sujas e com pedintes podem ser encontrados em qualquer grande capital do mundo. Mora em BH e, juro pra vc, preferia que fosse igual a BsAs.

      Em relação às compras, de fato, a cidade não é um bom local para todas as coisas. Exceto para roupas, que são muito mais baratas que aqui. Você foi nas outlets de Palermo? Neste bairro, roupas de marca, como Nike, Puma, Levis, entre outras, tem preços que custam a metade dos praticados aqui no Brasil. Mais uma vez, volta na questão da expectativa. Comprar artigos eletrônicos só nos EUA, pois nem na Europa vale a pena. A Calle Florida, no Centro da cidade, o tal paraíso das compras dos brasileiros, é outra pegadinha para turistas, com artigos de couro de qualidade duvidosa e preços salgados. Ainda sim, vale lembrar que um Peso vale quase a metade de um Real.

      E veja só: estivemos na terra do Tango e não fomos a nenhum show de tango! Olha as tais expectativas aí de novo! Isso não atrapalhou nossa viagem, pois não era nosso interesse principal.

      Pode parecer que estou fazendo uma defesa de BsAs. E é isso mesmo! Para nós, foi uma excelente viagem. Infelizmente, para vocês, a viagem não foi tão proveitosa! Espero que sua próxima viagem seja bem melhor!

      Um abraço!

  75. Patricia disse:

    Oi Marcelo, tudo bem?
    Conheci seu blog através de uns amigos que também o acessaram antes de ir até Buenos Aires, gostaram das suas dicas e nos recomendaram… ;)
    Vamos para lá no perído de 21 a 25/01/10. Nosso objetivo maior é comemorar 11 anos de casados e nossa primeira viagem sozinhos depois de 6 anos, por causa do nascimento do Gabriel … Ficaremos hospedados no hotel ElConquistador. Você conhece? Tem alguma dica imperdível para a gente?
    Todos os dias lemos um pouco das suas sugestões…
    Obrigada desde já!
    Até mais,

    Patricia

    • Alexandre disse:

      Oi Patrícia!

      Antes de continuar, só uma correção: meu nome é Alexandre, ok? Mas não se preocupe. Vivem trocando o meu nome aqui no blog. Por falar nele, que bom que vocês gostaram dos textos. Fico feliz em ajudar!

      Vocês vão ficar poucos dias em BsAs, então é importante que vocês tenham em mente o que desejam ver na cidade. Não conheço o seu hotel, mas vi a localização dele. Fica no bairro Retiro, quase no Centro da cidade. Vocês estarão próximos da Plaza San Martin, Torre dos Ingleses, Obelisco, Galerias Pacífico, Teatro Colón. Tudo isso dá pra ir a pé. Um pouco mais distante (mas não muito, dá pra ir a pé também), tem a Avenida de Mayo, o famoso Café Tortoni, a belíssima Catedral Metropolitana e a Casa Rosada.

      Acho que vocês devem ir aos parques e jardins do bairro de Palermo, que são muito bonitos. Veja aqui o meu post sobre eles:
      http://oquesefaz.wordpress.com/2008/06/11/jardim-botanico-jardim-japones-rosedal-e-puerto-madero/

      Um bom programa seria visitar os parques e jardins de Palermo no sábado, pela manhã. Depois podem almoçar em algum restaurante no bairro, indico o Lelé de Troya! Tem ótima comida e um ambiente muito bem decorado. http://www.guiaoleo.com.ar/detail.php?ID=976

      Depois do almoço, podem circular pelo bairro, que fica movimentado próximo a Plaza Cortazár . Veja o meu post no link abaixo:
      http://oquesefaz.wordpress.com/2008/06/08/palermo-almoco-passeio-compras-e-jantar

      Como vocês ficarão um final de semana na cidade, recomendo uma visita na tradicionalíssima feira de antiguidades do bairro de San Telmo. Ela acontece todo domingo, na Plaza Dorrego. Os arredores da praça são cheios de antiquários e prédios antigos. Veja o meu post no link abaixo:
      http://oquesefaz.wordpress.com/2008/06/09/caminito-la-bombonera-e-san-telmo/

      O bairro mais charmoso de BsAs é a Recoleta. Vale a pena a visita para ver a belíssima arquitetura dos prédios, praças e inúmeros cafés. Tem o famoso Cemitério da Recoleta, onde está enterrada Evita Peron. Mas confesso que só passei na porta do cemitério e nem entrei. Veja o texto neste link:
      http://oquesefaz.wordpress.com/2008/06/04/uma-voltinha-pela-recoleta/

      Se quiser uma dica de restaurante romântico para um jantar, sugiro o El Ultimo Beso, que fica em Palermo Viejo. http://www.guiaoleo.com.ar/detail.php?ID=1380

      Se tiver mais alguma dúvida, entre em contato novamente, ok?

      Um abraço!

      • Patricia disse:

        Oi ALEXANDRE!!!! :) Mil perdões por ter errado seu nome… Não sei porquê chamei-o de Marcelo… Desculpa mesmo!
        Queria agradecer pelas suas dicas… Estamos lendo cada dia um pouquinho para nos prepararmos para a viagem!
        Prometemos que na volta escreveremos contando como foi tudo! Estamos muiiiiiiiito entusiasmados!
        Abração!

  76. Daniela disse:

    Olá Alexandre!
    Nossa, estou com um grande arrependimento de não ter lido seu blog antes de fechar minha viagem para BsAs agora em janeiro! Acabamos vendo tudo na correria e confiei muito no conhecimento que eu já tenho de lá (já estive duas vezes). Que vontade de ficar num apê como vc sugeriu.. eu nunca tinha ouvido falar nisso … bem, agora já fechamos um hotel no centro. Bem, computei todas as suas dicas, que são valiosíssimas, pois quero mostrar a minha mãe quão maravilhosa é esta cidade de BsAs, afinal, será minha 3a vez! Obrigada por tudo!

    • Alexandre disse:

      Oi Daniela!

      O aluguel de apto em BsAs é tudo de bom! O processo é tranquilo e a experiência de viver como os habitantes da cidade, indo a supermercado, conversando com vizinhos, etc, é ótima! Tem gente que prefere mais conforto, pois no hotel teríamos cama arrumada e café da manhã pronto todo dia. Mas nas minhas próximas viagens quero repetir a dose!

      Espero que sua mãe goste da cidade. De fato, BsAs é uma belíssima e apaixonante cidade. Boa viagem!

      Um abraço!

      Alexandr

  77. simone disse:

    Alexandre, amei as dicas de teu blog…pretendo ir a Buenos Aires, em fevereiro, com meu marido, e gostaria de uma sugestão de bairro para me hospedar…já andei olhando sites de hoteis da cidade, lendo depoimentos de gente que conheceu a cidade, mas gostaria de uma sugestão tua…pensei em ficar no centro, mas queria saber se é uma boa…vi o hotel rochester concept…tu conheces? bem, também queria também saber se é tão mais caro o turismo no mes de fevereiro…obrigada e muito sucesso em 2010!

    • Alexandre disse:

      Oi Simone!

      Se hospedar no Centro tem a seu favor o fato de estar próximo de alguns locais turísticos, como o Obelisco, Casa Rosada, Avenida de Mayo, Teatro Colón, etc. Além disso, creio que a diária é mais baixa que em outras regiões. Mas penso que as vantagens terminam por aí.

      Eu prefiro me hospedar na Recoleta. É o bairro mais bonito e aconchegante de Buenos Aires, com belos prédios de arquitetura européia, praças, lojas e muitos e excelentes cafés. A Recoleta está no meio do caminho entre todos os locais e bairro turísticos da cidade, como Palermo, San Telmo, Centro, etc. Evidentemente, a diária dos hotéis é mais alta que os do Centro. Mas acredite: há uma grande diferença entre acordar na Recoleta e no Centro.

      Mas é claro que o você deve levar em contao o seu orçamento de viagem. Mesmo que opte por ficar no Centro, acredito que vocês vão amar Buenos Aires! Em relação a custos e tarifários do mês de Fevereiro, não tenho uma noção para te informar. Mas creio que os preços estejam mais baixos nesta época. De qualquer maneira, um Peso vale quase a metade de um Real e isso torna quase tudo muito barato para nós.

      Uma outra coisa: não sei quanto tempo vocês ficarão em BsAs, mas acho que vale a pena pensar em alugar um apto. Eu fiz isso e adorei a experiência. Você vive como um habitante da cidade e tem mais liberdade. Porém, em um hotel, existe o conforto de ter tudo pronto.

      Se precisar de mais alguma dica, fique à vontade para entrar em contato.

      Um abraço!

      • simone disse:

        muito obrigada pelas dicas…
        vou olhar os hoteis de recoleta…como queremos alugar um carro – com gps no bolso, é claro – acho que sendo um bairro de localização central, vai dar para conhecer tudo…quanto ao tempo, vamos ficar de 7 a 10 dias…quero conhecer tudo…mais uma vez, muito obrigada

  78. Renata RJ disse:

    Olá, Alexandre!
    Eu e meu marido também vamos pela primeira vez juntos a BAs na quinta-feira! Suas dicas são nota 1000 e estou me deliciando com ela e outros comentários no site.
    Vamos ficar num hotel no centro, o Loft & Arte Apart Boutique, na Hipolito Yrigoyen, 1194. O que acha?
    Chegaremos lá no dia 14 de tarde e voltaremos no final do dia 19.
    Estamos montando o roteiro com os principais pontos turísticos e estamos com vontade de passar um dia no Uruguai (penso em Colonia). Será que vale a pena?
    Um abraço!

    • Alexandre disse:

      Oi Renata!

      A localização do seu hotel é bem no Centro, próximo ao Congresso. De lá, você tem acesso fácil e rápido a vários pontos turísticos.
      Em relação ao passeio em Colonia, acho que uma ótima idéia. Eu não tive a oportunidade de ir até lá, mas conheço pessoas que já foram e adoraram. Se decidir ir até Colonia mesmo, compre os bilhetes do barco com antecedência, ok?

      Um abraço!

      • Renata RJ disse:

        Olá!!

        Voltamos ontem à noite e nossa viagem foi maravilhosa!
        Recomendo muito o hotel que ficamos, numa região super central, pertinho da 9 de Julio e De Mayo. São apenas 26 unidades, todas em estilo Loft, com 2 andares, infra de apartamento, café da manhã com um capuccino feito na hora… Preço bem razoável! Pagamos uma média de 600 reais por 5 noites (eu e meu marido)!!
        Todas as dicas aqui foram muito válidas. Eis o que observamos:
        - O passeio de bus turístico é muito bacana, pois você pode saltar a qualquer momento e ficar nos lugares o tempo que desejar!
        - Caminito é muito bacana! Lugar descontraído e alegre, com muito show de tango de graça!!
        - Não deixem de dar longas caminhadas… é sempre a melhor forma de conhecer os lugares.
        - Pra quem gosta de arte, o MALBA é maravilhoso!! Vale à pena!
        - Nos decepcionamos um pouco com o Cafe Tortoni… foi o único lugar aonde fomos mal-atendidos e o cardápio deixou muito a desejar…
        - Peguem apenas Radio Taxis! É como aqui no Rio, pegar um táxi de coperativa. Mais seguro… É só observar na porta traseira dos carros, a inscrição com nome e telefone da companhia.
        - San Telmo a noite é ótimo para quem curte de barzinhos românticos a noitadas agitadas. A região de R. Chile com Balcarsa é um dos melhores locais pra isso. Moliére é um excelente lugar para dançar (começa bem tarde!).
        - Pra quem curte compras, a Calle Florida é imbatível em relação a preços… os shoppings são mais caros, tem que garimpar. Sei que tem alguns lugares com outlets de roupas de marca, mas não cheguei a ir a nenhum.
        - Uma lojinha incrível no shopping Abasto é a MORPH!!! É tipo uma Imaginarium, só que maior, com coisas bem originais, um encanto!
        - Pessoal, não levem dólares!!! Levem Real e façam o câmbio no aeroporto (Banco de La Nacion) e se precisarem no Centro, o Meridien tem excelentes cotações (tem na Florida) – conseguimos trocar a 2,14!!). Dólar, só pro Freeshop!

        Bom… é isso! Se quiserem mais dicas, é só falar!! Meu e-mail é renatatobias@hotmail.com.
        Abraços!!

        • Alexandre disse:

          Oi Renata!

          Obrigado por compartihar as suas dicas! E é bom saber que as minhas dicas ainda estão valendo!!! Estou louco pra retornar a Buenos Aires, pois a cidade é excelente!

          Um abraço!

  79. Dayane disse:

    Gostaria de tirar uma dúvida. Minha carteira de identidade tem expedição antiga, posso usar minha carteira de trabalho como identificação ou só o protocolo de uma nova carteira de identidade serve? Estou desesperada pois minha passagem já está comprada e agora q fiquei sabendo disso, estou com medo de não conseguir embarcar!

    • Alexandre disse:

      Dayane,

      para entrar na Argentina (e outros países do Mercosul) você só pode utilizar dois documentos: o passaporte ou a carteira de identidade. Carteira de trabalho ou de atividade profissional (como OAB, CRM, etc) não são aceitas.

      Há quanto tempo a sua carteira de identidade foi expedida? É possível te reconhecer na foto? Pois o recomendável é que o documento tenha menos de 10 anos de expedição. No entanto, não é obrigatório. Se a foto permitir o reconhecimento com facilidade, creio que você não será barrada na imigração.

      Boa sorte! Um abraço!

  80. Letícia disse:

    Parabéns pelo blog, Alexandre!
    Tenho pesquisado muito e é muito bom ver o cuidado com que vc responde as dúvidas e as perguntas da gente.

    • Alexandre disse:

      Obrigado, Letícia!

      Infelizmente estou sem tempo para atualizar o blog com outras viagens e fotos, mas procuro sempre ajudar quem pede ajuda por aqui. Espero retomar a atualização em breve!

      Um abraço!

  81. Vinicius disse:

    Olá Alexandre.
    Acabamos de voltar de Buenos Aires e tuas dicas foram muito valiosas. Sempre levamos notas baixas ao embarcar em táxis e pedíamos trocado ao cambiar a moeda. Dos turistas que encontramos, vários receberam notas falsas. Conseguimos sair incólumes. Vou compartilhar algumas coisas que achei interessantes:
    Comprei passe para dois dias do ônibus turístico e conhecemos toda a Buenos Aires, apenas caminhando e passeando pelos bairros. Caminito, feira de san telmo, puerto madero, tudo de bus.
    Minha dica de compras é a loja Falabela, na Calle Florida. Tem tudo. A invasão de brasileiros demonstra que os preços são bons.
    Com relação ao tango, optamos por um meio termo, nem tão turistão, nem muito autêntico: Sabor a Tango. A platéia tinha metade turista e metade hermanos. Bom show. Dispensei o jantar e paguei 100 pesos por pessoa com transfer.
    Dica do aroporto(jan/2010): Chegue muito cedo. O procedimento de embarque é demoradíssimo e as filas são enormes.

    Forte abraço.

  82. Marcos Davi disse:

    Alexandre…
    sou marinheiro de primeira viagem e gostaria de fazer a primeira de uma série de peruntas. Como vai estar o tempo em Buenos Aires durante Junho e Julho ?

  83. Silvia disse:

    Olá, Alexandre!

    Gostei muito do blog.

    Li todos os comentários e queria ouvir de vc e de quem passa por aqui se quem não sabe nada de espanhol se vira bem em Bs As, tanto nos locais turísticos quanto no resto da cidade.

    Obrigada!

    • Alexandre disse:

      Oi Silvia!

      Mesmo sem falar espanhol, dá pra se virar perfeitamente em Buenos Aiers. Nos locais turísticos e em muitos restaurantes, reina o “portunhol”, pois os argentinos já estão tão acostumados com o nosso Português. Na rua e em outros locais, caso você não esteja compreendendo nada, basta pedir para que repitam as informações um pouco mais devagar.

      Eu não tive nenhum problema com esta questão durante a minha viagem. E conversei com muitos argentinos em restaurantes, lojas, táxis, os vizinhos do apto que aluguei, etc. No começo, é tudo muito confuso. Mas você se adapta rapidamente.

      Um abraço!

  84. Larissa G disse:

    Olá Alexandre!
    Seu site é realmente bom, estou planejando uma viagem pra buenos aires em julho desse ano e seu site tem praticamente tudo que eu preciso! Parabéns!!
    Tenho algumas dúvidas e queria sua opinião sobre alguns aspectos =)
    Bom, estou vendo apt para alugar no Recoleta, achei um por US$265,00, Guido and Ayacucho…é um bom lugar para ficar? o preço é mais ou menos isso mesmo…?

    Sobre a passagem, achei por US$ 200,00 pela pluna, ouvi falar que é uma boa empresa, faz escala em montevideo mas a diferenca de preço está grande para as outras empresas…o que acha ?

    Muito Obrigada Alexandre!

    • Alexandre disse:

      Oi Larissa! Obrigado pelos elogios!!

      A localização que você informou é muito boa! Fica a uma quadra do apto que aluguei (Vicente Lopez com Junin). Acho que não é um local barulhento, mas é importante você observar em qual andar do prédio está localizado o apto. Se for em um andar muito baixo, talvez seja melhor um apto de fundos.

      Em relação ao preço, isso pode variar bastante. Depende da área do apto, quantos quartos, móveis e utensílios disponíveis, internet, etc. Eu paguei U$ 435 por dez dias de hospedagem em 2007.

      Em relação a Pluna, nunca utilizei os serviços desta empresa. Mas também nunca ouvi relatos ruins sobre ela. E se o preço está mais barato que a concorrência, penso que vale à pena!! Se ainda ficar em dúvida, converse com o Rodrigo Purisch, do site Aquela Passagem: http://www.aquelapassagem.com.br. Ele é muito bem informado sobre as companhias aéreas, preços de passagens, etc.

      Um abraço!

      • Larissa G disse:

        Olá Alexandre!
        Muito obrigada pela resposta, não esperava que fosse tão rápida!

        Bom o apt que fica na Guido and Ayacucho tem 26m², no 8 andar, cabem 3 pessoas mas só vamos eu e meu namorado, tem ainda tv a cabo,som, louça, geladeira, microondas,internet, e o prédio tem porteiro 24 horas, tem até uma pequena piscina o prédio mas só pode ser usada no verão! hehhe =) esse é o que está por US$ 265,00.

        Tem um na Azcuenaga and Vicente Lopez que tem 27m², no 14 andar, cabem duas pessoas, tem tudo que o outro tem. só não tem internet e esta por US$210,00. Brasileiro é fogo né? vê coisa barata e logo desconfia… uma diferença de 55 dólares…e ele nem é tão longe do primeiro…o que vc acha?

        Na verdade o apt não é nossa prioridade, queremos mais é bater perna por lá…é claro que nos preocupamos com a localização e conforto mas não precisa ser nda 5 estrelas entende?

        Outra coisa Alexandre que eu queria perguntar…é a primeira vez que vamos a buenos aires, tenho 22 anos e sabe como são os pais de uma caçula de 22 anos indo viajar com o namorado para outro país sem guia de agencias né?! hehehehe Queria saber se com uma boa pesquisa na internet, seguindo muito de seu roteiro,e com um guia comprado essa semana a gnt consegue se virar bem lá!? Pelo que eu tenho lido, o maior “perigo” são os pequenos furtos e os taxistas que parece ter problemas com notas falsas…
        Queria tranquilizar meus pais com conhecimento de causa, é a primeira vez q eu e meu namorado vamos viajar só nós dois sem agência!

        E mais uma coisa…vc sabe onde fica o metro na Recoleta ?

        Vou no outro blog descobrir sobre as passagens!
        Alexandre MUITO obrigada pela atenção e pelas dicas!!
        Já sou fãn do seu site!

        Larissa

        • Alexandre disse:

          Larissa,

          entre os dois aptos, ficaria com o da Guido com Ayacucho, pois tem internet e porteiro. Nas minhas viagens, sempre levo o notebook para acessar a internet em busca de informações de última hora, conversar com a família via Skype, encontrar o endereço de um restaurante, etc. Ou seja, um local com acesso a internet é fundamental para mim. Mas se isso não for importante pra você, escolha o apto que mais te agradar pelas fotos, preço, etc.

          Uma boa pesquisa na internet e guias de viagem são suficientes para a viagem. A agência pode te dar suporte para algumas coisas, como imprevistos de saúde. Mas nada que um seguro-saúde não resolva também. Se ocorrer algum problema com o apto, você pode resolver com o zelador, porteiro ou com o pessoal da empresa que está alugando o imóvel. Eu já viajo há um bom tempo por minha conta, sem contratar nenhum pacote em agências, e nunca tive nenhum problema que não pudesse resolver.

          Em relação às notas falsas, realmente é preciso tomar muito cuidado. Evite pagar um táxi com notas de valor alto, como 100 Pesos. Caso seja necessário, memorize o final do número de série da nota que está entregando ao taxista. O que acontece é que ele pegam a sua nota verdadeira, trocam por um falsa e te devolve a falsa, dizendo que não pode aceitar o pagamento com aquela nota. Sempre tenha notas com valores mais baixos para pagar táxis e pequenas compras.

          Pequenos furtos acontecem em qualquer cidade do mundo. Basta ficar atento com carteira, bolsas, câmera fotográfica, etc. Pra você ter uma idéia, o Ricardo Freire, do Viaje na Viagem, foi assaltado na região de Palermo. O cara pegou a câmera fotográfica dele e fugiu em uma moto. Mas isso poderia ter acontecido aqui no Brasil, na Europa, em qualquer lugar. O importante é ficar atento.

          O metrô na Recoleta fica bem distante da região em que você está pretendendo ficar. A estação do metrô (ou Subte, como dizem os argentinos) mais próxima fica na Av. Santa Fe com Pueyrredón. São umas 9 ou 10 quadras de distância.Penso que esta é a única desvantagem de ficar na região próxima do cemintério.

          Um abraço!

  85. Daniela disse:

    Olá, Alexandre! Olá a todos!
    Bem, voltei de Buenos Aires dia 14 agora, e estive lá por uma semana. Devo agradecer por todas as dicas que li aqui, pois foram super importantes! Realmente, pessoal, os preços por lá estão muuuito bons. Vc consegue comprar blusinhas básicas super boas por 25 pesos (cerca de 12 reais), e artigos de presente bem em conta também. Gastei pra caramba! Me hospedei no centro como já havia comentado em msg anterior, e posso dizer que tb foi uma escolha interessante. A infra-estrutura é muito boa, com vendinhas, locutórios (para telefonar e internet), supermercados e cafés por todos os lados, e o metrô super perto. Além do mais, me senti segura para caminha a noite, mesmo com o ar um pouco decadente da região. O meu bairro foi San Nicolás. Além do show de tango (fui no Complejo Tango: show pequeno, mas bacana e interativo, e jantar divino!) recomendo a inda a uma Milonga, para que sintam na pele o baile de tango do portenho de verdade. Eu adorei! É possível fazer aulas gratuitas e depois bailar com os nativos. Muito bom. A milonga que fui se chama “La Viruta”. Também recomendo a ida ao zoológico, que está bem legal, e o passeio no Rosedal (e em todos os parques, praças e bairros da cidade). Oh lugar bonito! Ah: não deixem de comprar garrafas de vinho, mas atenção, não façam a besteira que fiz de colocar garrafas no meio da mala. É um perigo! É possível embarcá-las separadamente. Um grande beijo a todos!

    • Alexandre disse:

      Oi Daniela!

      Como estes preços, fica impossível não comprar nada, né?
      Você acredita que não fui a nenhum show de tango quando estive em BsAs? Tenho que voltar lá para reparar este erro terrível!

      Obrigado pelas dicas!

      Um abraço!

    • Juliana disse:

      Oi Daniela,
      Em qual hotel no centro vc ficou? Viajo agora, no início de março e estamos fechando um hotel (Rochester Concept) no chamado Microcentro. Só que ouvi dizer que o centro, por ser local de negócios, é mais, digamos, esquisito a noite e nos fds! O que vc achou?
      Obrigada!
      Juliana

  86. Larissa G disse:

    Obrigado novamentre pelas dicas!! Está me ajudando muito!!

  87. Silvia disse:

    Volta sim e logo, Alexandre! Adoraria mais dicas frsquinhas suas!

  88. Juliana disse:

    Oi Alexandre,

    Serei a milésima a dizer aqui o qnt suas dicas são legais e preciosas. Estou anotando tudo e seguirei bem tranquila para conhecer Buenos Aires!! As orientações sobre o cambio e sobre o cuidado com a questão das notas falsas são importantíssimas, pois não vivenciamos esta prática aqui no Brasil de forma recorrente…além disso, a cada nova pergunta feita, acabamos descobrindo outras dicas excelentes.
    Ficarei no Centro, próximo aos monumentos e pontos turísticos, e irei de táxi para os outros bairros, ou seguirei a dica do Onibus de turismo (que me pareceu igual ao serviço de Curitiba, por sinal, passeio imperdível). Não acordaremos na Recoleta, mas estaremos felizes com os ares de lá…
    Existem sim no mundo pessoas comprometidas em fazer o bem, sem olhar a quem!
    Parabéns e obrigada!
    Qnd retornar, deixarei meu relato!!
    Abraço,
    Juliana/Recife

    • Alexandre disse:

      Oi Juliana! Obrigado pelos elogios!

      Antes da viagem para Buenos Aires, encontrei muitas dicas em outros blogs. E da mesma forma me ajudaram, creio que não custa nada ajudar um pouco também, né?

      Espero que você tenha uma boa viagem e aproveite bastante em Buenos Aires. Tenho certeza que você ficará encantada com a cidade!

      Ah, não deixe mesmo de colocar aqui o seu relato e novas dicas pra gente!

      Um abraço!

  89. Jadde disse:

    Olá Alexandre,
    viajarei agora em março para Bs As, vou por uma agencia de viagens, nós ficaremos no hotel Duomi com direito a café da manhã apenas.
    Vou passar 5 dias. E vou gastar em média R$3.600 incluso o city tour oferecido pela agência (eu e outra pessoa)(fora o dinheiro que levarei para jantares, almoços, lanches etc. Você não foi por uma agencia, por isso gostaria de saber em média quanto você
    gastou (total e em reais).

    Obrigada!

    PS: ADOREI MESMO SUAS DICAS!!

    • Alexandre disse:

      Olá Jadde!

      Como já tem uns dois anos que fiz esta viagem a Buenos Aires, não lembro mais o quanto gastei. Mas me lembro de ler em outro blog que 100 dólares por dia (por pessoa) era uma boa média, considerando alimentação e transporte. Posso dizer apenas que Buenos Aires é uma cidade turística relativamente barata, se compararmos com outras cidades.

      Um abraço!

  90. Jadde disse:

    adorei as fotos também!!

  91. Patricia disse:

    Olá para TODOS!
    Estivemos(meu Marido e Eu) em Buenos Aires de 21 a 25/01/2010. ADORAMOS!!!!
    Na chegada, usamos o sistema de táxi do aeroporto, chamado EZEIZA, com preço definido de 118 pesos para a ida até o hotel(35km) e a volta ficou por 98 pesos.
    Fizemos muitos dos passeios indicados aqui no Blog.
    Como fomos por nossa conta, descobrimos como nos localizar através de mapas e de indicações do pessoal do nosso hotel. Fizemos o passeio com o BUS TURISTICO (50 PESOS por pessoa). Você pode entrar e sair do ônibus em cada parada(12 ao todo) e explorar a região por quanto tempo você quiser, pois o bus passa de 30 em 30 minutos cada estação.
    Neste passeio amei a “BOCA e o CAMINITO”, onde tiramos fotos com personagens vestidos para dançar tango e com figuras (bonecos) de Carlos Gardel e Maradona.
    Fiquei encantada com a cidade limpa e organizada. E o que mais me chamou a atenção foi que podíamos entrar nas lojas e olhar a vontade, sem ter vendedoras no nosso pé. Só pedíamos ajuda se fosse realmente necessário e na finalização das compras.
    Fizemos várias compras nas Lojas Falabella, que ficam na Calle Florida, onde cada loja tem um setor específico para compras.
    Também conhecemos um sistema de vans (gratuito) que pega você no seu hotel e pode lhe deixar em 1 dos 5 grandes Shoppings que existem lá. Nós recebemos essa indicação no check – in do Hotel (“El Conquistador”, na Rua Suipacha, localizado no Retiro – muito próximo ao Centro)e foi de grande valia, pois não corremos nenhum risco e íamos confortavelmente de um shopping para outro e depois de volta para o hotel.
    Gostamos bastante do Shopping Abasto e do Shopping Alto Palermo.
    Caminhamos muito a pé do Hotel para as Galerias Pacífico e também para a Casa Rosada e a Praça de Mayo. A Catedral ( na frente da praça) é linda. Cheguei a me emocionar diante de tanta beleza). Um pouco mais longe, mas em linha reta do Hotel, fica Puerto Madero, local que nos inspirou muito.. Passeamos no final da tarde e paramos para lanchar no It´s Friday. Bem legal!
    Quanto aos preços, a cotação estava de R$2,16 para 1 peso. A refeição está em média de 30 pesos por pessoa. Comemos o delicioso sorvete de doce de leite do Freddo por 19 pesos e provamos outros sabores muiiiito bons também.
    No domingo fomos para a tradicional Feira de San telmo, local de antiquários… Muito legal! Aconselho levar chapéu, óculos e água, pois se estiver os 35graus que pegamos as 11h você é capaz de torrar… ;)
    No final da tarde fomos ao famoso Cafe Torttoni, um luxo só. Queríamos comer o churros com chocolate, mas estava em falta.Substituimos por deliciosas media lunas e um café bem forte…
    Tenho um monte de coisas e dicas legais para contar, mas ando meia sem tempo… Se alguém quiser, pode me escrever, que responderei com prazer!
    Espero poder voltar lá em breve, pois amei o passeio e recomendo para todos…
    Abraços,
    Patricia

  92. luiza disse:

    Olá, estou planejando ir à Buenos Aires em abril, e adorei as dicas q vc dá em seu blog.
    Gostaria de saber se vc lembra-se onde foi o apartamento q vcs ficaram??
    Desde já agradeço pela colaboração.Abrç

    • Alexandre disse:

      Oi Luiza!

      O apartamento que alugamos fica na Vicente Lopez, quase esquina com Junin. É um ótimo local, próximo a cafés, restaurantes, bares e supermercado.

      Um abraço!

  93. Keka disse:

    Olá
    Em qual mês maio ou julho é melhor pra ir a Buenos Aires? Não gosto muito de frio. Quantos graus faz em maio e em julho?
    Grata

  94. Priscilla disse:

    Olá, fechei hoje o meu pacote de hospedagem para Lua de Mel em Buenos Aires em Dezembro. Gostaria de saber se vcs conhecem o Hotel NH Florida, se ele é bom e fica bem localizado. Nopacote também está incluso o transfer in/out, passeio no Humberto M e no Trem de La Costa.

    Adorei as dicas e estou anotando tudo desde já.

    • Alexandre disse:

      Olá Priscilla!

      Não conheço o NH Florida. Ele está localizado na região central de Buenos Aires. Não é a minha região preferida da cidade, pois tem muito trânsito e poucas atrações turísticas, mas está próximo de Puerto Madero, Calle Florida, Plaza San Martin e Torre dos Ingleses.

      Um abraço!

  95. ANA disse:

    Oi Alexandre,
    Amei as suas dicas e vou levá-las para Buenos Aires no próximo feriadão.Gostaria de conferir mais uma dica…
    Eu e meu marido já planejamos fazer o bike tour, o passeio de ônibus turístico,no trem de la costa, visita à Palermo e Recoleta e se der umas compras na Av.Santa Fé,porém terei a manhã de sábado (dia 24 de abril ) livre até a hora do transfer ,já que o võo é 18 horas.O que vc sugere para este tempo que ainda é livre,um passeio ao jardim botânico ? detalhe:vamos ficar no centro.
    Continue com este trabalho,valeu mesmo!

    • Alexandre disse:

      Oi Ana!

      Já que você só tem a manhã de sábado e está hospedada no centro, sugiro um passeio pela Avenida de Mayo, começando pela Plaza de Mayo, onde está a Casa Rosada. Ao redor da praça você tem a bela Catedral Metropolitana e o Cabildo, a primeira sede do governo argentino e onde funciona hoje um pequeno museu.

      Seguindo pela Avenida de Mayo você encontrará vários prédios com arquitetura européia, além do belo Café Tortoni, o mais tradicional da cidade. Entre e tome um chocolate com churros! Depois, siga pela avenida até o Congresso Nacional.

      Se você gosta de livros (mesmo que não goste, vale a pena) vá até a livraria El Ateneo Grand Splendid, uma das maiores livrarias da América Latina. Ela fica em um prédio onde funcionava um teatro, mas o imóvel foi totalmente preservado. É das livrarias mais bonitas do mundo!! Fica na Av. Santa Fe, 1.860.

      Se precisar de mais dicas, é só falar!

      Um abraço!

  96. RICARDO disse:

    Oi Alexandre, antes quero parabenizá-lo pela boa vontade em dar informações espontaneamente. Em junho eu e minha esposa iremos em um pacote pela CVC passar 02 dias em Buenos Aires e 04 dias em Bariloche. No primeiro dia chegaremos a tardezinha em Buenos Aires e no outro dia pela manhã iremos a Bariloche, como disse ficaremos 04 dias lá e depois retornamos a Buenos Aires e passaremos 02 dias. Somos da Bahia e temos pouquíssimas roupas de frio e estamos pensando em alugar estas roupas por lá. O que voce sugere, que aluguemos e B. Aires ou Bariloche? é caro ou barato? Sabes alguns locais que alugam nestas duas cidades?

    Desde já te agradeço e fico no aguardo

    • Alexandre disse:

      Oi Ricardo!

      Faz bastante frio em Buenos Aires no mês de Junho, mas não conheço lojas de aluguel de roupas de frio por lá. Como você terá pouco tempo na cidade, não sei se vale a pena perder tempo com isso. Você terá que ir até a loja, alugar e, no dia seguinte, retornar na loja para entregar as roupas. Acho que o melhor é levar as roupas que você já tem e comprar algumas em Buenos Aires. Talvez seja necessário comprar apenas uma peça para usar com as roupas que vocês já possuem. Os preços das roupas de frio em BsAs são mais em conta que aqui no Brasil.

      Nunca fui a Bariloche, mas sei que existem muitas lojas de aluguel de roupas na cidade. Veja algumas informações que encontrei:

      http://www.mochileiros.com/indo-pra-bariloche-compensa-comprar-roupas-aqui-no-brasil-t24852.html
      http://www.viajenaviagem.com/category/bariloche/

      Um abraço!

  97. Isis disse:

    Olá Alexandre…
    Adorei as dicas, estou indo BsAs com mais uma amiga na próxima semana, iremos ficar aproximadamente 7 dias por lá e 4 em Bariloche… Assim como vc alugamos um studio, mas está localizado a 2 quadras do obelisco!!! Nosso passeio será totalmente por nossa conta, e pelo q contabilizamos sairá mto mais em conta!!!! Até e volta pra compartilhar as informações…

    • Alexandre disse:

      Olá Isis!

      A minha viagem para BsAs também foi por conta própria e, com certeza, fica mais em conta. Além disso, a viagem fica mais interessante! Alugar um apto transforma você, mesmo que temporariamente, em um morador de BsAs! Você vive como um argentino, convivendo com pessoas que moram na cidade (e não com turistas no hotel), faz compras em supermercados, etc. Enfim, é uma experiência muito legal! Espero que vocês aproveitem bastante!

      Na volta, passe por aqui pra compartilhar as experiências da sua viagem!

      Um abraço!

  98. claudia disse:

    Olá Alexandre!
    Não sei onde eu mando a pergunta p/vc, por isso estou enviando essa msg. Irei à Buenos Aires no feriado de Corpus Christi. Desejo saber a temperatura da capital para esse período e se chega a fazer calor durante o dia.
    Sobre alimentação: tem algum lugar que serve frango,arroz e feijão?
    Não como carne vermelha, por isso pergunto.
    Sobre roupas: Tem muitos locais para compra de roupa de frio no Centro da cidade?
    Aguardo seu retorno.
    Grata,
    Claudia

    • Alexandre disse:

      Olá Cláudia!

      Eu fui a Buenos Aires no mês de Junho e estava bastante frio. Mas em Abril, creio que a temperatura seja mais amena. Segundo o site do Weather Channel, a média é de 18 graus. Veja em http://br.weather.com/weather/climatology/ARBA0009

      Existem muitos locais para comprar roupas de frio. No centro a referência é a Calle Florida.Você pode ir também a Palermo, onde existem muitas outlets com roupas de marca a preços baratos. Outra opção são os shoppings de BsAs. De qualquer maneira, as roupas de frio são muto baratas por lá.

      Sobre a questão de alimentação, você encontra frango em muitos restaurantes de BsAs. Embora a carne bovina argentina seja famosa, o “pollo frito” (frango frito) é bastante popular por lá. Acho que você não terá dificuldades com isso. Mas arroz, creio que será difícil encontrar, pois o padrão argentino é carne + batata + salada.

      Um abraço!

  99. ANA disse:

    Olá ,Alexandre!
    O que é melhor: comprar roupas na av. Santa Fé no centro ou na Vila Crespo ,perto de Palermo?
    E sobre restaurantes com preço legal no centro, o que vc recomenda?Onde achar o melhor churrasco?
    Obrigada pelas dicas. Ana

    • Alexandre disse:

      Oi Ana!

      Em ambos os locais você encontra boas roupas. A única diferença é que na Vila Crespo existem muitas outlets de marcas famosas. Na Santa Fé, você encontra lojas comuns, talvez com preços mais baixos.

      Eu não conheço bons restaurantes no centro de BsAs. O único dia em que precisei almoçar nesta região, estava sem muito tempo disponivel e comi um sanduiche no McDonald. Pesquise no ótimo site Guia Oleo ( http://www.guiaoleo.com.ar ), onde você pode refinar a busca por região, por preço, pela avaliação de quem já foi no local, etc.

      Um abraço!

  100. Vanessa disse:

    Olá,

    Adorei as dicas de vocês, Parabéns pelo blog.
    Eu queria uma dica um pouco diferente, não em relação a pontos turisticos, mas a sair a noite lá com gente legal e bonita, fora tango que ja compramos juntos com o pacote, eu e uma amiga estamos indo solteiras, tem algum lugar legal para no indicar?

    Obrigada,
    Vanessa

  101. talita disse:

    ola, alexandre!!!!

    estarei viajando p buenos aires em lua-de-mel, depois de passar por gramado e adorei todassss as suas dicas!! mas ainda fiquei com uma dúvida!! vcs só pagavam em dinheiro eh!?! peso ou dólar?!!e como é o uso dos cartões por lá!! obrigada!!!!

    • Alexandre disse:

      Talita,

      nós levamos dinheiro e cartões de crédito. Troquei alguns Reais por Pesos aqui no Brasil e fiz o restante do câmbio em Buenos Aires. Como escrevi no post sobre as dicas de viagem para BsAs, os melhor lugar pra trocar Reais por Pesos é na agência do Banco de La Nacion, que fica no saguão do Aeroporto de Ezeiza (fora da área de desembarque internacional). Mas você pode fazer câmbio em outros lugares, principalmente no centro da cidade.

      Pagamos com cartões de crédito em várias lojas e restaurantes e não tivemos problemas com isso.

      Um abraço!

  102. talita disse:

    olá, alexandre!!!

    valeu demais as suas dicas, todas contadas nos mínimos detalhes!!! eu fechei com a operadora daqui o transfer, um city tour (casa rosada, plaza del mayo, Caminito, la boca y purto madero), o sr. tango e ia fechar um passeio ao delta do rio tigre, mas pelo o que eu pesquisei não é um passeio tão legal!!! vc já ouviu falar do zoo de julan!!?! fiquei encantada! ter contato direto com leões, tigres e ursos… mas a operadora daqui não tem esse passeio!!! vc teria alguma indicação de agência por lá!!?! sim… eu amo alfajor, mas só comi os da marca havana, compensa mais comprá-los no dutty free ou por lá!?!! obrigada novamenteeee!!!

    • Alexandre disse:

      Oi Talita!

      Eu não contratei nenhum serviço com agências de turismo em BsAs. Portanto, não posso te indicar nenhuma.

      Em relação aos alfajores, existem outras boas marcas além da Havanna, além de mais baratos. Mas se quiser Havanna, existem várias lojas espalhadas pela cidade, onde os preços são melhores que no free shop.

      Um abraço!

  103. Isis disse:

    Oie Alexandre!!!!

    Olha eu aqui de volta pra contar que minha viagem pra BsAs e Bariloche foi maravilhosa….

    BsAs, que cidade bonita, limpa, mta praça e parque, arquitetura história!!!! Pena que os portenhos não pessoas muito cativantes!! :( Fizemos todos os passeios por conta, andamos muito por lá!! Valeu a pena!!! Táxi foi nosso principal meio de transporte e subte, o valor compensa! Com relação a comida sofremos um pouco, não há muito tempero nas refeições, pra mim que não estou acostumada foi ruim! A temperatura dos dias que ficamos em BsAs foi agradável, nada que um casaco não protegesse, mas não se engane o sol de meio dia esquenta muito! ;)

    Bariloche nem se fala… É um cidade graciosa!!! E ainda por cima, demos sorte de pegar neve em Cerro Catedral!! Valeu a pena todo o esforço (25h dentro de um busu)! As paisagens da região são lindas, dignas de postais!!! É inesquecível! A temperatura média da semana que passamos por lá, era de 8ºC, mas o vento gelado é cortante!!!

    Vai aqui uns poucos comentários, se puder ajudar alguém com mais informações, estou disponível!!!

    Bjins e até a próxima!!!!!

  104. fabiana disse:

    OLA ALEXANDRE GOSTARIA QUE ME AJUDASSE EU FALO FLUNTE ESPANHOL POIS ESTUDEI EM CUBA, ENTAO AI AVI: ESTOU INDO SOSINHA PRA VBUENOS AIRES EM JULHO POR 5 DIAS, GOSTARIA DE SABER QUANTO DEVO LEVAR ?ABRIGADA SEU SITE E DEZ.

    • Alexandre disse:

      Oi Fabiana!

      Esta questão é muito complicada. Cada pessoa tem objetivos, percepções e necessidades diferentes. Dá pra viajar pra BsAs e gastar R$ 50,00 por dia, mas dá pra gastar muito mais! Depende muito do seu orçamento de viagem, do que deseja ver, visitar, do que pode abrir mão, do que não pode… Enfim, é difícil definir um valor sem saber as suas necessidades e possibilidades.

      Mas posso dizer que cem dólares por pessoa são suficientes se você quiser comer bem (tomar café em um local agradável, almoçar e jantar em bons restaurantes), andar de táxi quando quiser, conhecer muitos lugares interessantes.

      Um abraço!

  105. Anita disse:

    OLA ALEXANDRE !!! adorei seu blog,
    estou indo a BsAs PELA PRIMEIRA VEZ, E FIQUEI NA DUVIDA. VOU FICAR 7 DIAS, É MELHOR ALUGAR UM CARRO OU UTILIZAR OS SERVIÇOS DE TAXI?
    OBRIGADO

    • Alexandre disse:

      Anita,

      não acho que alugar um corre vale a pena em BsAs. Você vai dirigir em uma cidade que não conhece, vai ficar procurando vaga pra estacionar e, principalmente, vai perder um ótimo programa: caminhar pelas ruas de BsAs. Caminhando pela Recoleta, San Telmo, Palermo e outros bairros você conhecerá a verdadeira Buenos Aires.

      Além disso, os táxis em BsAs são muito baratos. Você vai de um lado ao outro da cidade por menos de R$ 20,00.

      Um abraço!

  106. Rosi disse:

    Oi Alexandre,acabei de voltar de Buenos Aires.Estava meio sem tempo mas li seu blog e adorei.
    Gostaria de indicar para as pessoas que leem seu blog o restaurante siga la vaca,fica no puerto madero.Lá é sistema de rodizio com bebida e sobremessa inclusa.É muito bom e barato.
    Vale a pena!!!

  107. nadja dias freire pinto disse:

    oi alexandre,

    já fui duas vezes a Buenos Aires e agora estou indo com minha filha de 26 anos, vou passar 3 dias em bariloche e quatro em buenos aires,gostaria de saber sobre os show de tango em buenos já que já fui duas vezes ao sr. tango e gostei muito, mais nao queria ir ao mesmo. Tambem se estar valendo a pena levar reais ou dolar?

    • Alexandre disse:

      Oi Nadja,

      por incrível que pareça, não fui a nenhum show de tango em BsAs. Espero corrigir esta falha grave em breve!

      Nos comentário do blog, algumas pessoas fizeram sugestões de locais como Sabor a Tango (www.saboratango.com.ar), Complejo Tango (http://www.complejotango.com.ar) e também do show que acontece à noite no Café Tortoni (www.cafetortoni.com.ar).

      O Ricardo Freire, do blog Viaje na Viajem, gosta do Bar Sur (www.bar-sur.com.ar), que não tem uma mega produção como o Sr. Tango, mas é um tango mais autêntico, com mais argentinos que turistas na platéia.

      Em relação ao tipo de moeda e levar, só leve Dólares se já tiver comprado. Caso contrário, leve Reais mesmo e faça o câmbio no Banco de La Nacion (tem uma agência no saguão do Aeroporto de Ezeiza, fora da área de desembarque) ou no Banco Meridien (no centro – Calle Florida). Estes foram os lugares onde fiz câmbio.

      Um abraço!

  108. Rosicler disse:

    Olá Alexandre,
    Na próxima semana meu marido, eu e um casal de amigos estaremos indo a Buenos Aires pela primeira vez.
    Adorei as dicas de seu site e tenho certeza que nos ajudarão bastante além de serem muito interessantes.
    Espero passear bastante e ir a um bom show de tango, fazer algumas comprinhas porque, afinal ninguém é de ferro…Nosso hotel fica na 25 de maio.
    Quando retornar vou deixar a minha dica

  109. lisete reis disse:

    Olá Alexandre,adorei as suas dicas e gostaria da sua ajuda’quero ir a bueno zaires e queria saber de vc a partir do mes de junho qual o melhor mes para viajar sem exagero de frio,dicas de hotel,passeios e onde vc indica para fazer compras de tudo um pouco,obrigada

  110. Rose Canete disse:

    Olá Alexandre,
    Gostaria de receber dicas de restaurantes em BsAs. Já fui lá mas não lembro de alguns e nem dos nomes que gostei muito.

  111. Paulo Romero disse:

    Alexandre, boa tarde!!!

    Estou viajando para Buenos Aires no inicio de agosto/2010… Ficarei no centro, no momento estou com uma reserva de um apto. pela BytArgentina, como existe uma possibilidade de viajar 4 pessoas vai ficar bem mais barato, caso essas colegas desistam de viajar com a gente, estou pensando ir para o Ibis Hotel… Eu prefiro acordar com café prontinho e quarto sempre arrumado, já que aqui morro com amigo e temos alguém para ajudar na apto. Estou muito preocupado com a comida na cidade, não gosto de carnes mal passadas, gosto das carnes bem passadas (bem cozidas). Vc tem alguma sugestão no centro da cidade???

    Um abraço,

    Paulo Romero

    • Alexandre disse:

      Olá Paulo!

      Eu gostei da experiência de alugar um apartamento em BsAs. Como tudo na vida, tem o seu lado bom e ruim. As vantagens são a economia (diária muito inferior a um hotel na mesma região), privacidade (ninguém vai entrar todo dia para arrumar cama, banheiro, etc – mas acima de 7 diárias, a Byt envia alguém pra limpar o apto gratuitamente por um dia) e a sensação de ser um morador da cidade (diferente de um hotel, onde você encontra apenas com turistas, não faz compras, etc). O lado ruim é ter que arrumar a cama e banheiro durante a viagem, além de não ter café da manhã.

      Em relação à carne, basta você pedir para que seja bem passada (bien hecho). Não tive problemas em nenhum restaurante ao pedir a carne desta maneira. Não tenho recomendações de restaurantes no Centro, mas você pode consultar no site Guia Oleo, onde você pode filtrar pore região, perço, avaliação de quem já frequentou o local, etc. No link abaixo você tem a relação de restaurantes do Centro, relacionados pelas melhores notas de comida:
      http://www.guiaoleo.com.ar/list.php?navby=multiply&zona=2

      De qualquer maneira, os melhores restaurantes de BsAs não estão no Centro, mas nos bairros Palermo, Recoleta e San Telmo.

      Um abraço!

  112. OI BOA TARDE ESTOU INDO A BUENOS AIRES AGORA EM JULHO DE 15 A A 21 DE JULHO DE 2010. E GOSTARIA DE SABER A TEMPERATURA QUE PODE ESTAR POR LÁ E O TIPO DE ROUPA QUE DEVO LEVAR PARA NÃO SENTIR FRIO.
    QUANTO VC ACHA QUE DEVO LEVAR EM DINHEIRO PARA GASTOS, JA ESTOU COM PASSAGENS E HOTEL RESERVADOS E PAGOS. O HOTEL FICA NA AVENIDA DE MAYO ESTA LOCALIZAÇÃO ME PARECE NOCENTRO DE BUENOS AIRES E COM ACESSO PARA OUTROS LUGARES POR SER PERTO.

    • Alexandre disse:

      Alberto,

      consultando o site do Weather Channel, vi que a média de temperatura para Buenos Aires em Julho é de 11 graus.
      http://br.weather.com/weather/climatology/ARBA0009?dayofyear=182
      É aconselhável levar boas roupas de frio. Caso não roupas assim, pode comprá-las em BsAs, onde você encontrará roupas de frio boas e com preços melhores que aqui no Brasil.

      Em relação a quanto levar, isso varia bastante de acordo com o que pretende fazer por lá e, evidentemente, do seu orçamento. Uma média de 150 reais por pessoa, por dia, é suficiente para transporte (táxi), almoço e jantar em bons restaurantes, cafés, etc.

      Um abraço!

  113. Flávia Guimarães disse:

    Boa tarde Alexandre!

    Adorei as dicas do blog e preciso de uma ajuda!
    Irei para Buenos Aires em Agosto, especificamente dia 14 – sábado. Será que consigo trocar o reais por pesos no final de semana no Banco de la Nacion?

    O que é melhor? Trocar reais por pesos ou dólar por pesos?

    Obrigada!

    Abs.

    • Alexandre disse:

      Flávia,

      já vi informações diversas sobre esta agência do Banco de La Nacion no Aeroporto de Ezeiza. Alguns afirmam que funciona 24 horas por dia, outros dizem que fecha durante a noite, outros dizem que fica aberto aos finais de semana, enfim, não dá pra confiar cegamente em nenhuma destas informações.

      Sendo assim, te aconselho a trocar alguns Reais por Pesos antes de embarcar, apenas o suficiente para seus gastos durante o final de semana. Aí você pode trocar mais dinheiro na segunda-feira em agências bancárias. Se não for possível, saiba que existem casas de câmbio no aeroporto, dentro do setor de desembarque internacional, mas o câmbio praticado é muito desfavorável.

      Em relação a levar Reais ou Dólares para trocar por Pesos, a regra de ouro é a seguinte: se já tiver Dólares, faça o câmbio por Pesos com eles. Se tiver Reais, nunca troque por Dólares e depois por Pesos. Isso porque a cada vez que faz o câmbio de moeda, perde um pouco de dinheiro na transação.

      Um abraço!

  114. Camila disse:

    Oi Alexandre
    Li muitos comentário,estou adorando, mas muito perdida para montar um roteiro de 7 dias em Buenos Aires, nem sei por onde começar, queria incluir Colônia de Sacramento no roteiro…ficarei em Bantolome Mitre 1824.Qdo vi suas dicas já havia perdido a oportunidade de alugar o AP, que pena!Pode me ajudar?
    Obrigada

  115. Camila disse:

    Oi Alexandre
    Li muitos comentários,estou adorando, mas muito perdida para montar um roteiro de 7 dias em Buenos Aires, nem sei por onde começar, queria incluir Colônia Del Sacramento no roteiro…ficarei em Bantolome Mitre 1824.Qdo vi suas dicas já havia perdido a oportunidade de alugar o AP, que pena!Pode me ajudar?
    Obrigada

    • Alexandre disse:

      Oi Camila!

      Infelizmente não vai dar pra te ajudar a montar o seu roteiro. Estou viajando amanhã para a Europa, onde ficarei durante 20 dias (e espero, se der tempo, atualizar o blog com informações sobre esta viagem). Além disso, um roteiro envolve muitos interesses particulares, pois cada pessoa deseja visitar e ver atrações diferentes. E sendo assim, o que pode ser interessante para mim, pode não ser para você. Te aconselho a ler os meus posts aqui no blog e selecionar para ver aquilo que mais te interessa. Veja todos os textos acessando este link:

      http://oquesefaz.wordpress.com/category/buenos-aires/

      O blog está configgurado para exibir apenas 3 páginas de cada vez. Como são 12 textos, ao final de cada página você encontra o link para a página seguinte.

      Em relação a viagem para Colônia Del Sacramento, acho que vale a pena. Embora não tenha feito esta viagem (boa desculpa pra voltar em BsAs!) vi o relato de outras pessoas que foram lá e adoraram. Basta você comprar o bilhete do BuqueBus com um ou dois dias de antecedência. E você nem precisa ir até Puerto Madero, pois na Recoleta tem uma loja onde vendem bilhetes. Procure o endereço da loja no site http://www.buquebus.com. É uma viagem que você pode ir para o Uruguai de manhã cedinho e voltar no final da tarde.

      Boa viagem! Um abraço!

    • claudia disse:

      Camila, eu vi as dicas do Alexandre que foram ótimas para mim, que estive há duas semanas atrás em Buenos Aires.
      Compre um guia de turismo, me baseei bastante por ele e vi algumas fotos no blog do Alexandre que me ajudaram a montar o meu roteiro de Buenos Aires. Meu guia é o GBT – guia do turista brasileiro Buenos Aires. Autor: Lúcio Martins Rodrigues e Bebel Enge. Não custa caro e eu andei com ele para cima e para baixo pela cidade. Colônia de Sacramento é super fácil chegar. Acesse o site da empresa buquebus.com e lá terá informações.
      Além disso, acesse o blog: http://idasevindas.wordpress.com/category/uruguai/colonia-del-sacramento/
      Qdo eu voltar em Buenos Aires, sem dúvida vou conhecer Colônia de Sacramento e mais duas cidades do Uruguai.
      Pode me mandar email se quiser mais dicas, pois consegui conhecer os pontos turísticos que eu queria em apenas 4 dias, então dará para vc conhecer muito mais coisas que eu em 7 dias.
      bjs.
      Claudia

  116. CÁSSIA disse:

    OI ALEXANDRE. ESTOU INDO A BUENOS AIRES NO DIA 05/08 COM RETORNO PREVISTO PARA O DIA 08/08. SÃO POUCOS DIAS E POR ISSO GOSTARIA DA SUA AJUDA PARA QUE A MINHA VIAJEM SE TORNE REALMENTE ESPECIAL E INESQUECÍVEL.QUAIS OS LUGARES QUE DEVEM SER VISITADOS, MELHORES LOJAS, RESTAURANTES, TUDO.
    OBRIGADA POR SUA ATENÇÃO.
    CÁSSIA

    • Alexandre disse:

      Oi Cássia!

      Realmente são poucos dias para conhecer a cidade. Mas montar um roteiro para qualquer pessoa é uma tarefa muito complicada, pois cada pessoa tem interesses distintos. Então, aquilo que é interessante pra mim, pode não ser para você. Sugiro ler bastante sobre a cidade e escolher o que mais te interessar. Neste texto você encontra todas as minhas dicas sobre os restaurantes que gostei. Veja os que estão próximos dos lugares que você escolher visitar ou interessam mais.

      Para montar o seu roteiro, leia os meus relatos aqui no blog. Tem tudo o que fiz, onde fui, o que gostei, etc. No link abaixo você tem acesso a todos os textos da viagem a BsAs. Cada página exibe apenas 3 textos, portanto, você deve rolar até o final da página e clicar no link para ver os textos anteriores.
      http://oquesefaz.wordpress.com/category/buenos-aires

      Sugiro também uma visita aos seguintes sites:

      Site Oficial de Turismo de BsAs: foi daqui que tirei alguns roteiros. No link a seguir, você encontra alguns roteiro prontos para fazer a pé. Serve bem como referência e está em Português:
      http://www.bue.gov.ar/recorridos/index.php?menu_id=16&info=autoguiados&lang=pt

      Viaje na Viagem: site do Ricardo Freire, um mestre na arte de viajar. A maioria das dicas peguei neste site. No link abaixo você vai direto para a página de BsAs:
      http://www.viajenaviagem.com/americas/buenos-aires-ricardo-freire/

      Idas e Vindas: o blog da Carla Portilho tem vários relatos e dicas de viagens para BsAs. Me ajudou muito:
      http://www.idasevindas.com.br/

      A Turista Acidental: no blog da Emília vc também vai encontrar muito sobre BsAs:
      http://www.aturistaacidental.com.br/

      Um abraço!

  117. Ana Flávia disse:

    Boa tarde,

    Estou indo a BA em outubro e gostaria de saber se alguém conhece o restaurante “El ultimo beso”…
    É muito caro? Quanto sairia um jantar para 2 pessoas em média?
    Obrigada,

  118. Rose Correa disse:

    Olá Alexandre,
    Eu e meu marido ficamos tão apaixonados por Buenos Aires que resolvemos voltar pela 3ª vez, agora pra comemorar nossos 25 anos de casados. Passaremos lá o ano novo de 28/12/2010 a 03/01/2011. Vc tem alguma dica do que fazer por lá nesse perído? Onde passar a virada do ano num lugar de preço razoável, pois o pouco de informãções que tive, está td mto inflacionado nesse dia. Aguardo suas dicas mais uma vez.

  119. FRANZ OLIVEIRA disse:

    Boa noite Alexandre.
    Gostaria saber onde posso comprar vinhos Argentinos com bom preços

  120. Fernanda disse:

    Gostaria de saber qto de dinheiro mais omenos eu deveria levar para passar 7 dias em buenos aires, e no hotel so ta incluso cafe da manha!

    • Alexandre disse:

      Fernanda, é complicado determinar um valor par gastos, pois cada pessoa tem necessidades diferentes. Umas preferem comer em locais mais baratos, outras só almoçam e fazem um lanche à noite, outros, como eu, almoçam e jantam nos melhores restaurantes que estiverem disponíveis dentro do orçamento. Mas eu estipulei uma média de 100 dólares/dia, por pessoa, para café (aluguei um apto), almoço, jantar e descolamentos (táxi e metrô).

      Espero ter ajudado! Um abraço!

  121. Fernanda disse:

    Ajudo siiim Alexandre! =) obrigadaaa

  122. Paulo Romero disse:

    Olá Alexandre!!!

    Estive em Buenos Aires em agosto, gostei muito e já estamos pensando em voltar no próximo ano, indo também ao Chile… Fiquei um pouco chateado com os preços dos eletrônicos, são muitos caros…
    Alugamos também um apto. no centro…
    E vcs. o que acharam dessa visita a Lisboa… Não conheço e pretendo chegar por lá, mas antes irei USA…

    Um abraço,

    Paulo Romero

    ps. para a pergunta acima de Fernanda, passei mais de 10 dias e não cheguei a gastar 100,00 reais ao dia. Aproveitei um promoção MC (gosto muito de sanduíche) um tripo custava 10 pesos (menos de 5 reais), almoçava bem e no jantar um sanduíche. “alguns dias é claro”… éramos três pessoas os taxi saiam baratos.

    • Alexandre disse:

      Oi Paulo!

      Também pretendo ir ao Chile, mas acho que vou retornar a Buenos Aires antes. Pretendo passar uma semana por lá em Dezembro, alugando um apto novamente.

      Em relação aos eletrônicos, realmente não vale a pena. Em alguns casos, são mais caros que aqui no Brasil.

      Nós gostamos muito de Lisboa, é uma cidade bonita e com muitas atrações. Para os brasileiros que vão para a Europa, é uma ótima cidade para iniciar a viagem. Pretendo terminar os textos deste trecho da viagem até o meio da próxima semana. Ainda tem muita coisa pra escrever sobre Roma, Amsterdam e Paris.

      Um abraço!

  123. Cida disse:

    oi Alessandre.

    Estarei indo a Buenos Aires agora dia 24 de novembro com os meus dois filhos, como será a nossa primeira viagem gostria de algumas orientações, logico alguma ajuda.
    - como estou indo com meus filhos ( um tem 7 e o outro 17 anos) preciso tirar uma declaração com a permissao do pai, certo.
    - irei ficar no Grand Hotel Argentino, parece que é bem centro, onde poderei passear bastante, que poderei conhecer?
    - o poderei levar as crianças?
    -e o clima em novembro como é?

    desculpe tantas perguntas mas tenho medo de não conhecer muita coisa .Tenho muitos lugares na cabeça, acho que estou muito anciosa.

    Umrande abraço!

  124. MARIA CARMEN SOUZA DE MOURA AGUIAR disse:

    Alexandre
    Estou indo pela 1ª vez para Buenos Aires e tive uma indicação sobre um cartão que se compra e coloca os dolares que se vai levar você sabe alguma coisa sobre esse procedimento.

    • Alexandre disse:

      Maria,

      o cartão a que você se refere é o Visa Travel Money. Usei na minha viagem para a Europa e funcionou muito bem. Funciona como um cartão pré-pago, onde você compra créditos (troca seus Reais) na moeda que quiser: pode ser Dólar, Euro, Libra, etc.

      Quando você estiver em Buenos Aires, pode utilizar de duas formas: fazendo saques nos caixas eletrônicos que operam com a Rede Plus (Visa) ou para pagar contas de restaurante e compras que fizer por lá. No caso dos saques, é cobrado uma tarifa de 5 dólares a cada saque e por isso é importante planejar como serão feitos estes saques. No caso de pagamentos, funciona como um cartão de débito do banco: você digita a senha que receberá momento que comprar o cartão ou assinando o recibo, como um cartão de crédito.

      As vantagens deste cartão é que você não precisa levar dinheiro e se preocupar com roubos e pode controlar o saldo pela internet.

      Você tem mais informações neste site: http://www.visa.com.br/conteudo.asp?pg=1340

      Um abraço!

  125. Mauro disse:

    Parabéns pelas dicas!!! Viajo para Buenos Aires dia 22/11. Fiquei sabendo que quem é cliente Itau aqui no Brasil consegue sacar pesos no caixa eletrônico (ou redeshop) lá. Essa informação foi confirmada pelo Itau ao Telefone (4004.4828). Me informaram que a conversão ocorre da seguinte forma: peso p/ dolar e dolar p/ real. Então no extrato da minha conta vai aparecer um saque, porém na moeda REAL. Minha dúvida é: Compensa tal transação?

    Abraços

  126. tacio disse:

    Olá quanto seria o valor dessa garantia deixada com a empresa que aluga os apartamentos?

    • Alexandre disse:

      Olá, Tacio.

      O valor do depósito de garantia varia de acordo com a quantidade de dias que você vai alugar o apartamento. Normalmente, os apartamentos só podem ser alugados por, no mínimo, uma semana. Desta forma, se você alugar o apto por uma semana, o depósito de garantia será o mesmo valor pago de aluguel (ou seja, você entrega o valor em dobro). Se for um mês, o depósito é o valor do aluguel de duas semanas. Se for mais de um mês, o depósito é o valor de um mês de aluguel.

      O processo é seguro e o valor do depósito de garantia é devolvido no dia do check-out, desde que não haja nenhuma avaria no imóvel, móveis ou objetos que fazem parte do apto. O importante é verificar tudo no dia da sua chegada ao local.

      Um abraço!

  127. Anália disse:

    Parabéns pelas dicas Alexandre!!! Muito boas mesmo!!!
    Já estive em Buenos Aires em Janeiro/2006 e adorei!!! Pena q só fiquei 3 dias e não deu p/ conhecer muito, pois não tivemos muitas orientações e passamos mais tempo no Chile.
    Irei a Buenos Aires novamente em Janeiro de 2011, agora com 3 amigas, ficaremos 1 semana. Já estou em contato com a BYT para aluguel do ap.

    Gostaria de uma dica: Você costuma levar notebook p/ as suas viagens?? Acha q vale a pena?

    Obrigada!!
    Ana Anália

    • Alexandre disse:

      Olá, Anália! Obrigado!

      Também retornarei a Buenos Aires daqui a duas semanas. Com uma semana, você e suas amigas poderão conhecer bem a cidade. Estou alugando novamente um apto na Recoleta com a Byt Argentina.

      Eu sempre levo o notebook nas viagens. O acesso à internet é importante para mim, pois dá pra obter informações sobre roteiros, horários de funcionamento, restaurantes, previsão do tempo, fazer ligações via Skype, etc. Mas lembre-se de levar a nota fiscal do notebook, pois não a Receita Federal não utiliza mais a declaração de saída de bens.

      Um abraço!

  128. jorge disse:

    alexandre.
    Boa Noite.
    parabens pelas dicas e parabens pela forma de comunicar. simples e objetiva.
    Em outubro de 2009 fui a BAs com minha familia 4 pessoas. Este ano volta agora no dia 7 a 14/12.
    Perguntas:
    1- o estadio do boca e River tem dia e horario para visita?(Em 2209 nao consegui entrar no boca porque estava fechado para Show)
    2- Penso em visitar a cidade de la plata fica a 75km de BAs. qualforma melhor de ir, via onibus, taxi ou alugar um carro.
    Grato
    jorge

    • Alexandre disse:

      Olá Jorge! Obrigado pelos elogios!

      Eu também estarei em BsAs neste período (entre 5 e 12 de Dezembro)!

      Em relação aos estádios do Boca e River:

      La Bombonera: visitei o estádio em 2008 e gostei bastante! Não consegui informações no site do Boca, mas o horário de funcionamento naquela época era entre 10h e 18h, todos os dias, exceto em dias de jogos ou shows. No site do Boca não tem muitas informações (http://www.bocajuniors.com.ar)

      Monumental de Núñez: não conheço. Pesquisei no Google e encontrei algumas pessoas dizendo que a visita ocorre de terça a sexta, nos seguintes horários: 14h e 16h30. Assim como o Boca, o River também não dá muitas informações no site (http://www.cariverplate.com/)

      Em relação a La Plata, infelizmente não posso ajudá-lo, pois não fiz esta viagem.

  129. jorge disse:

    Alexandre.
    Bom dia.
    Recebi comunicado da Gol alterando os voos da minha viajem a Buenos. Manteve os dias mas alterou os horarios e o aeroporto de ezeiza passou para o Aeroparque.
    Pergunto:
    1- Tenho como recusar as alteraçoes e exigir da gol o meus voos. (parece que a gol esta mantendo esta rota principalmente para negocios)
    2- Voce conhece o aeroparque. Tem Freeshop.
    3- No meu programa esta previsto algumas compras no free shop de ezeiza e guarulhos.Com as alterçoes nao terei tempo para fazer compra em Guarulhos na volta.
    Grato
    jorge

  130. Olá!!! Recomendo visitar o site de http://www.sud-estate.com atendido por brasileiros tudo de bom!

  131. Rose Correa disse:

    Olá Alexandre
    Você sabe onde posso ver as fotos do passeio de tigres? Vou viajar agora no ano novo e reservei o passeio e quero dicas de onde comer e o que pode ser feito de compras durante o passeio. Grata
    Rose

  132. Amanda disse:

    Encontrei por acaso o seu blog e as informações Estao sendo muitíssimo úteis para mim, pois estou planejando viajar para Buenos Aires.

  133. Tania disse:

    Alexandre, parabens pelas dica. Eu e meu esposo iremos pela primeira vez conhecer B.Aires, no periodo de 23 a 28 de fevereiro. É a nossa primeira viagem internacional, e estamos so preocupados como lidar com esta troca de moeda. Iremos nos hospedar no castelar hotel, na avenida de mayo. se voce conhece me de algumas dicas sobre passeios, tango,entre outros. Este onibus turistico, que li em algumas perguntas, é legal mesmo, voce conhece.. E no periodo que iremos sabes se estara frio. Abraços, e mais uma vez parabens.

    • Alexandre Costa disse:

      Tania, obrigado pelos elogios!

      Para fazer câmbio, indico o Banco Nacion (se o seu vôo chegar pelo Aeroporto de Ezeiza, tem uma agência no saguão, fora da área de desembarque. No Aeroparque não tem) ou as casas de câmbio da região do Microcentro (no entorno das Calles Florida e Sarmiento). Evite as casas de câmbio nos aeroportos, pois praticam cotações muito ruins.

      Sobre passeios pela cidade, sugiro ler os relatos dos passeios que fiz por lá (acesse pelo seguinte link: http://www.oquesefaz.com/category/buenos-aires/). Em relação a casas de tango, sugiro os seguintes locais (são locais onde o show tem mais a ver com tango e menos com musical da Broadway):

      Bar Sur (Calle Estados Unidos, 299, em San Telmo)
      El Querandí (Calle Peru, 392, em San Telmo)
      Centro Cultural Borges (na Galerias Pacifico, Calle Florida, no Centro)

      Em Fevereiro a temperatura média em BsAs é de 24 graus.

      Nunca utilizei este ônibus turístico, portanto, não tenho como opinar.

      Abraço!

  134. Tania disse:

    Se possível, me dê algumas dicas, de como aproveitar melhor o passeio. Abraços.

  135. Dayse disse:

    Olá querido adorei seu blog,e quero tbm umas dicas:vou com meu marido em março pela primeira vez a Buenos Aires e gostaria de saber qual o lugar que não devemos deixar de visitar.É melhor trocar o dinheiro aqui o trocar lá ao chegar.Um beijo e valeu!!!!

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Dayse!

      Em relação ao câmbio, é melhor trocar seus Reais por Pesos em BsAs. Aqui no Brasil a cotação é quase sempre desfavorável, e ainda é complicado encontrar notas de baixo valor em Pesos na maioria das casas de câmbio. Estas notas são muito úteis para utilizar os táxis por lá.

      Acho complicado apontar quais são os lugares imperdíveis em BsAs. Cada pessoa tem um interesse diferente, uma expectativa diferente, então acho que o mais indicado é pesquisar muito e eleger o que vocês mais tem interesse em conhecer. No link a seguir você encontra os relatos de tudo o que fiz em BsAs na época (ainda não deu tempo de atualizar a viagem mais recente: http://www.oquesefaz.com/category/buenos-aires

      Um abraço!

  136. carlos lopes disse:

    as suas dicas vão me ajudar muito pois é a primeira vez que vou a Buenos Aires.Forte Abraço…..

  137. Dayse disse:

    Alexandre,muuuuuuuuuuuuuuito obrigado pela dica e principalmente,pela atenção que nos deu.são muitas opções e isso é que esta me deixando atorduada(uma só viagem não vai dar rsrsrsr)Ja amamos bsAs mesmo sem conhecê-la ainda.Um forte abraço mais uma vez muito obrigado!!!!

  138. Lucia disse:

    Ola Alexandre,
    Adorei as dicas encontradas aqui, mas gostaria se possivel que me ajudasse a montar um roteiro. Vamos passar o carnaval em Buenos Aires chegamos no sabado 05 noite e retornamos dia 10 somos um grupo de 05 casais na faixa de 30 anos e ficaremos hospedados no Loy Suites em Puerto Madeiro. Dicas de compras de passeios de restaurantes durante o dia e durante a noite.
    Muito Obrigada.
    Lucia

    • Alexandre Costa disse:

      Lucia,

      infelizmente não posso ajudá-la nesta questão. Está no meus planos publicar no “O que se faz” um roteiro básico de Buenos Aires com as minhas recomendações, mas ainda não tive tempo de elaborar este material.

      Mas, se você quiser, pode seguir algumas recomendações:

      1) ler os meus textos desta viagem a Buenos Aires, onde eu relato os lugares que visitei na cidade, o que mais gostei, o que não gostei, o que eu indico, etc. Você encontra os textos neste link:
      http://www.oquesefaz.com/category/buenos-aires

      2) O site oficial de BsAs tem alguns roteiros pré-determinado e separados por região. Vale a pena ler e imprimir estes roteiros e levar na viagem. Você encontra os roteiros neste link:
      http://www.bue.gov.ar/?mo=portal&ac=componentes&ncMenu=23&tr=body&mn=1.2.13.23.&&lang=pt

      Um abraço!

  139. Lubiana Campelo disse:

    Olá Alexandre… estou bem feliz com as dicas postadas aqui… valiosas…
    Será nossa primeira viagem a BsAs, e estou bastante ansiosa. Já li muito, mas… chegaremos a Buenos Aires 00:30 do dia 22 de Abril. Fico insegura quanto aos táxis… qual vc sugere? É seguro pegarmos um taxi tão tarde? Nosso hotel fica num bairro distante do Ezeiza.
    Muito obrigado.

    • Alexandre Costa disse:

      Luciana, eu usei os serviços do Táxi Ezeiza e recomendo. Tem um balcão desta empresa no saguão do Aeroporto de Ezeiza e você informa o endereço para onde deseja ir e eles te informam o valor. Aí você paga no próprio balcão e uma pessoa te conduz ao local onde você embarca no táxi.

      Desta maneira, você não corre o risco de ser enganada pelo taxistas, que poderia dar voltar para a corrida ficar mais cara ou aplicar o golpe da nota falsa.

      Um abraço!

  140. Lubiana Campelo disse:

    Obrigado Alexandre.
    Confesso que me sinto mais segura.
    Valeu!
    Lubiana Campelo

  141. Wanderson Neves disse:

    Boa tarde

    Estou indo para BA em maio com uma visita a El calafate e Ushuaia e retorno por Montevideu, vou sair de BH pela Pluna tem alguma informação sobre a companhia e sobre os destinos informados. Outra coisa queria uma dica com relação a troca de moeda pois vou chegar em BA no domingo a noite e na segunda 09/05 a tarde vou embarca para El Calafate como seria mais facil trocar a moeda??????
    E parabéns pelas dicas.

    • Alexandre Costa disse:

      Wanderson, eu não tenho informações sobre os destinos citados por você (El Calafate, Ushuaia e Montevidei), mas te indico o site Viaje na Viagem (www.viajenaviagem.com). Lá você encontrará muitas informações sobre os destinos citados.

      Em relação ao câmbio em BsAs, no Aeroporto de Ezeiza tem uma agência do Banco de La Nacion com ótimas cotações. A agência fica fora da área de desembarque, dentro do saguão do aeroporto. Segundo o site do banco, esta agência funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. No outro aeroporto da cidade, o Aeroparque, só existem casas de câmbio com péssimas cotações. Uma opção é trocar moeda em casas de câmbio do Centro, a maioria concentrada na Calle Sarmiento.

  142. Ana Beatriz Magalhães disse:

    Olá Alexandre. Adorei as dicas que você deu.
    Estou indo em Julho para BsAs e inclusive estou olhando apto para alugar nesse site que você indicou.
    Estamos pensando em ficar em Palermo, por que dizem que Recoleta fica mais afastado. Qual é mais movimentado? Os barzinhos ficam em qual dos 2 bairros? A Calle Florida fica mais próxima de qual? E as Outlets?
    Vamos para o Aeroporto Aeroparque.
    Me indicaram a casa de câmbio Puente y Hermanos. Já ouviu falar? Dizem que a cotação é mais barato.

    Aguardo resposta e Obrigada.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Ana! Obrigado pelo elogio!

      Na minha opinião a Recoleta é o melhor bairro para se hospedar em uma primeira visita a BsAs. Ao contrário do que você ouviu, a Recoleta esta a meio caminho dos principais pontos turísticos da cidade. Na Recoleta há movimento durante o dia todo, é um bairro charmosos, cheio de cafés, restaurantes, bares e praças. Em Palermo, dependendo do lugar escolhido para ficar, só há movimentação à noite! Mas Palermo concentra mais bares que a Recoleta e tem uma noite bastante movimentada. Se pudessemos imaginar BsAs em uma linha reta imaginária, teriamos Palermo em uma extremidade, a Recoleta logo a seguir, o Centro no centro (óbvio) e depois San Telmo e La Boca na outra extremidade.

      A Calle Florida fica no Centro, mais próximo da Recoleta. No entanto, a Florida é um local em decadência, com lojas do tipo “pegadinha para turista” e muitos roubos frequentes a turistas. As principais outlets ficam concentrasdas em uma região de Palermo.

      Do Aeroparque até Palermo, de táxi, são apenas 10 minutos. Até a Recoleta, uns 15 minutos. Não conheço a casa de câmbio, mas na Recoleta e no Centro (especialmente na Calle Sarmiento) existem várias. Procure pela melhor cotação, pois varia bastante durante a semana.

      Um abraço!

  143. Ana Beatriz Magalhães disse:

    Estou aqui novamente…
    Vou alugar um apartamento no bytargentina tb. Como é a forma de pagamento? Pra uma semana..
    Tem que pagar tudo antes?

    Abraço.

    • Alexandre Costa disse:

      Ana, o pagamento é feito da seguinte maneira: você paga uma taxa no momento da reserva, via cartão de crédito (em torno de 45 Dólares). O restante é pago no momento em que você recebe as chaves do apto. Se você alugar por semana, pagará o valor relativo a uma semana de aluguel e o mesmo valor a título de caução. Este valor do caução será devolvido a você no momento da devolução das chaves, desde que não tenha ocorrido nenhum dano ao apto, móveis, utensílios, etc. Ou seja, se o aluguel por uma semana é 500 dólares, você entregará 1000 Dólares na chegada e receberá de volta 500 dólares no partida. É importante ressaltar que os valores devem ser entregues em dinheiro.

      Já utilizei os serviços da Byt Argentina duas vezes e não tive problemas. Tudo ocorreu conforme previsto no contrato e recebi os valores na partida sem nenhum problema.

      Um abraço!

  144. Ana Beatriz Magalhães disse:

    Ei Alexandre, tudo bem?
    Entrei no site da Byt (no apartamento escolhido) e me cadastrei já informando quantas pessoas e os nomes de quem vão comigo. Me informaram que vão entrar em contato entre 48-72 hrs. A partir desse contato que eu vou ter que informar o número do cartão? Não tinha que ter aparecido para informar o número na hora da reserva?

    Aguardo resposta.

    • Alexandre Costa disse:

      Ana, a Byt vai confirmar a disponibilidade do apto no período desejado com o proprietário. Após a confirmação, eles vão te mandar um e-mail com o link para preencher outro formulário e informar o número do cartão de crédito. Fique tranquila, pois o processo é assim mesmo.

  145. Ingrid Dayene disse:

    Olá, Alexandre adorei as dicas.
    Gostaria de saber se é tranquila a utilização de cartão de crédito nos bares, restaurantes e lojas.
    Irei de lua-de-mel em outubro.

    • Alexandre Costa disse:

      Ingrid, eu usei cartão de crédito e também de débito (Visa Travel Money) sem problemas nos bares, restaurantes e lojas. Mas não dá pra confiar 100%, não é? Mas a maioria dos lugares aceita cartão de crédito. Tenha sempre algum dinheiro em mãos e sempre pergunte se aceitam cartão antes de consumir ou comprar.

  146. Alline Viana Rufino disse:

    Argentina é lindo…Quem estiver programando uma viagem pra lá, pode ficar tranquilo porque tudo por la é facil de entender, táxi é barato e shows de tango são o máximo. Não deixe de conhecer o Recoleta, fazer um passeio pelo rio de la plata, La boca, caminito, a casa rosada, puerto madero, enfim, aproveite bastante porque a Argentina é muito atrativa. Eu fui com meu marido e recomendo.

  147. Karla disse:

    Olá, adorei o blog, estarei indo para Buenos Aires em junho/2011, gostaria de saber se é necessario levar dolares, o clima e se é facil se locomover??? Obrigada

    • Alexandre Costa disse:

      Karla, não leve dólares. Você pode trocar alguns Reais por Pesos no Brasil (uns 150 Reais). Se chegar pelo Aeroporto de Ezeiza, troque seu dinheiro na agência do Banco de La Nacion, que fica no saguão do aeroporto. Evite as casas de câmbio do aeroporto, tanto de Ezeiza quanto do Aeroparque, que possuem taxas péssimas. Um bom local também para fazer câmbio é no Centro, nas casas da Calle Sarmieto.

      O clima em Junho é bastante frio. A temperatura fica entre 18 e 4 graus.

      Para se locomover em BsAs a melhor opção são os táxis, que são muito baratos. Mas BsAs é uma cidade plana, o que favorece muito as caminhadas.

  148. Marcelo Morais de Paula disse:

    Alexandre, teu site é 10 ! vou para Buenos Aires no final de agosto e passarei 7 dias, sendo 6 dias inteiros e uma tarde noite (na chegada). O grupo é bem diversificado: Eu e minha esposa (35 anos), meu filho de 1 ano e meio, minha filha de 11 anos, meus sogros de 71 anos e uma amiga de 31 anos. O que tu poderias sugerir para um grupo como esses em relação a passeios ? sei que é difícil agradar a todos sempre, mas o que tu achas que não pode faltar e que é possível fazer nesse tempo ? Outra pergunta é sobre onde fazer troca de Real por Pesos no Aeroparque ? Agradeço tua ajuda. Abraços.

  149. Jéssica disse:

    Olá Alexandre, tudo bem?
    Fiquei encantada com seu blog. Parabéns!
    Então… Vou a Buenos Aires agora em julho com minha irmã e uma amiga. Queria saber, em média, quanto devo levar pra passar 15 dias (sendo 5 desses em Bariloche),descontando a hospedagem, já que ficaremos no ap do irmão dessa amiga.
    Agradeço desde já.
    Grande abraço!

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Jéssica! Obrigado pelo elogio!

      Esta é uma questão delicada, pois cada pessoa tem um perfil diferente. Alguns preferem comer em restaurantes bacanas, pois as refeições, se comparadas aos padrão de Rio e SP, saem quase pela metade do preço. Outras pessoas gostam da noite, de bares e baladas, e BsAs é uma cidade rica em opções do gênero. Alguns preferem as compras, principalmente de artigos de couro e nas famosas outlets de Palermo (o que eu acho uma bobagem, já que o preço e as roupas não são “uma Brastemp”). E tem gente que quer apenas passear e apreciar a cidade, sem gastar muito.

      Diante de tantos cenários, tenho a dizer que uma média de 100 dólares/dia por pessoa é uma quantia razoável para almoçar, jantar ou balada, tomar um café e se deslocar pela cidade de táxi. Mas o valor é apenas uma referência, podendo varia para cima ou para baixo de acordo com seus interesses. Ah, não leve dólares para BsAs, usei a moeda americana apenas como referência e evitar a inflação argentina, que anda bastante acelerada. Leve Reais e troque por Pesos lá. O Real é hoje uma moeda muito forte frente ao Peso argentino.

      Te aconselho também a consultar o irmão da sua amiga, já que ele vive por lá e, com certeza, terá uma noção de preços muito melhor que a minha. Afinal, a última vez que estive em BsAs foi no início de Dezembro do ano passado.

      Um abraço!

  150. Alvaro Lopes disse:

    Alexandre,
    Valeram as dicas, estive em BBAA neste final de semana, e, como da última vez em que lá estive, há muito para se ver, andar, comer e comprar. Há uma quantidade muito grande e diversa de bares e restaurantes. A zona do Palermo Soho tem lojas muito boas e ótimos restaurantes e bares, estilo Jardim Paulista em SP ou a “Calçada da Fama” do Moinhos em POA/RS. Nada melhor que caminhar pelas lojas nas ruas Malabia, Armenia, Gurruchaga, Serrano (+/- entre 400 e 800), e adjacências e tomar um café ou almoçar em uma de suas esquinas. E para jantar, a Gorriti oferece inúmeros restaurantes, para quem já foi muito no Puerto Madero (que também merece uma visita com certeza). A Plaza Serrano na Serrano é uma pequena praça repleta de bares. Se voce está lá pelo Centro vá de táxi sem problema, cerca de 20 pesos (10 reais). O metro está $1,10 e nas lojas o real vale 2 pesos, o dólar 4 pesos e o euro 5 pesos. Procure as lojas com Tax-Free que voce consegue um bom reembolso no aeroporto na volta (o valor vem no seu cartão de crédito). O únioo problema que tivemos na viagem foi com a Aerolíneas Argentinas que, infelizmente cancelou o vôo na volta (19hs) e ofereceu transporte para o hotel sonente às 2:30hs da manhã quando deveríamos estar de volta ao aeroporto perto das 5hs, e não pagaram janta, somente um croissant com café à noite e outro pela manhã num total desreipeito ao consumidor, uma pena. O táxi, da 9 de Julho (Obelisco) ao aeroporto do Aeroparque sai por volta de 30 pesos e a Free-Shop é um pouco menor mas melhor que a nossa. Se forem comprar bebidas no Free-Shop comprem na volta no Brasil, pelo peso e a possibilidade de parcelar no cartão se assim desejarem. Abraço e boa viagem!

  151. Aline disse:

    Olá Alexandre, tudo bem? Irei à Bs As dia 10 de junho e ficarei até dia 12…
    Ficarei no hotel Al Porteño na R. Tucumán perto da Av. 9 de Julho.
    Como é a primeira vez que vou, pesquisei muito a respeito dos lugares que pretendo ir e descobrí que próximo ao hotel há várias agências do banco Santander no qual tenho conta. Será que é mais viável/ compensaria mais sacar dinheiro da minha conta corrente lá ou trocar diretamente na casa de câmbio?
    Abraços e parabéns pelo site!!!!

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Aline! Tudo bem!

      Sacar dinheiro direto da sua conta corrente é a melhor opção! A cotação praticada pelos bancos são bem mais favoráveis que as que você encontrará nas casas de câmbio. Mas confirme com o seu gerente se o cartão está liberado para fazer saques no exterior, e se é necessário obter alguma autorização ou comunicação dele para que não ocorra nenhum imprevisto. De qualquer maneira, leve alguns Reais que podem ser trocados por Pesos em casas de cambio no caso de imprevistos.

      Alguns bancos permitem também os saques em redes parceiras, como a Banelco e Red Link, que estão presentes em muitos lugares de Buenos Aires. Confirme esta possibilidade com seu gerente.

      Para ir do aeroporto até o hotel você precisará de alguns pesos para pagar o táxi. Creio que existe um caixa automático do Santander no Aeroporto de Ezeiza, mas no Aeroparque, aeroporto mais próximo da cidade, eu só vi do HSBC. Se realmente precisar se deslocar de táxi desde o aeroporto e não encontrar um caixa automática que te atenda, troque apenas 100 Reais nas casas de câmbio do aeroporto (em Ezeiza a agência do Banco Nacion, que fica no saguão do aeroporto, fora da área de desembarque, tem cotações imbatíveis).

      Espero ter ajudado! Um abraço!

      • Flavia disse:

        Boa tarde!!

        Vou para Buenos Aires na proxima semana com minha irma. Sera minha primeira viagem internacional!! Estou achando o máximo!!!
        Estou com duvidas em relação qual moeda levar. Quanto esta o peso hoje?
        Alguem conhece uma boa boate em Buenos aires?
        Ja me falaram sobre o zoologico, mas nao vi ninguem comentando. Aguem conhece…vale a pena?
        ‘A noite saímos com qual tipo de roupa? Seria diferente das roupas da manha? E em restaurantes, ficamos com o casacos ou tiramos devido o aquecimento???

        Beijinho para todos e obrigada!!!

  152. Leandra disse:

    Olá pretendo sair de Brasília no dia 13 de junho com destino a Buenos aires, como é de conhecimento público o vulcão chileno está prejudicando os voos para lá gostaria de saber se for autorizado o embarque, chegando lá verei somente uma cidade fria coberta por cinzas. Por favor me respondam estou em dúvida se adio a viagem por pelo menos mais dois dias ou se arrisco e sigo viagem
    obrigada

    • Alexandre Costa disse:

      Leandra, vi ontem no Jornal Nacional que as cinzas do vulcão chileno chegaram a Buenos Aires. Mas o resultado foi apenas uma camada de sujeira nos carros que estavam estacionados nas ruas durante a madrugada. Mas não dá pra afirmar nada, uma vez que é impossível prever o que vai acontecer com a atividade do vulcão nos próximos dias. A única coisa que posso afirmar é que você encontrará frio por lá.

      Acompanhe o noticíário no jornal argentino El Clarín: http://www.clarin.com

      Um abraço!

  153. armanda rocha disse:

    obrigado pelas suas dicas. vou viajar – do porto – portugal – em 16 de agosto ficar num apt. no bairro de recoleta. estou um pouco assustada com o
    frio.

    • Alexandre Costa disse:

      Armanda, a questão do frio é relativo. Para algumas pessoas, 20 graus é bastante frio. Para outras, não. Estive em BsAs em Julho e achei bastante frio, pois peguei temperatura de até 4 graus. Em Agosto a média é de 12 graus.

      Boa viagem!

  154. Angélica disse:

    Olá Alexandre, comprei uma viagem p/ 2 com validade de 1 ano para BsAs e Santiago pelo groupon. Gostaria de ir em setembro mas estou aguardando da agência a disponibilidade da passagem e do hotel para essa época. Você sabe se alguém tem reclamado dessa oferta. O hotel incluido no pct é o Las Naciones, você conhece? Gostaria de saber se é melhor pegar taxi para conhecer os bairros mais distantes ou pegar o bus turístico? Você sabe quais são os pontos de parada desse ônibus, o valor da passagem e se existe algum site?
    Sds.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Angélica! Desconheço esta oferta do Grupon. Não conheço o Las Naciones, mas vi que fica no Centro, próximo ao Obelisco. Você pode conferir alguns depoimento de pessoas que ficaram lá no site TripAdvisor (neste link: http://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g312741-d484169-Reviews-Las_Naciones_Hotel-Buenos_Aires_Capital_Federal_District.html )

      O táxi em BsAs é muito barato. Use e abuse deste meio de tranporte! Apenas um conselho: sempre tenha notas de baixo valor para pagar o táxi (notas de 20 pesos, no máximo). Em relação ao ônibus turístico, eu não utilizei durante as minhas viagens a BsAs. Para saber os locais por onde o ônibus passa e os pontos de embarque e desembraque, consulte o site oficial de turismo da cidade: (neste link: http://www.bue.gob.ar/?ncMenu=50 ).

      Espero ter ajudado! Um abraço!

    • Sandra Dianin disse:

      Olá Angélica

      Também comprei um pacote pelo groupon para Buenos Aires e Santiago, pela empresa STAR TRAVEL. Embora eu tenha lido algumas reclamações desta empresa, particularmente não tive problemas em marcar a viagem que será do dia 1 a 7 de setembro. Pelo contrario a agencia foi muito prestativa para atender a data do meu interesse. Por conta da data escolhida, optei pelo hotel WALDORF, pois os demais 3 estrelas disponiveis para o pacote não estavam disponíveis nesta data. Mas enfim, tenho lido muito as sujestões dos blogs, que parecem importantíssimas e assim anotado os tous de acordo com meu interesse!!!

      Espero fazer boa viagem!!!

  155. Aline disse:

    Obrigado Alexandre pela ajuda!!!!
    Bom, como o vulcão não me deixou ir p/ Bs As dia 10 de junho, remarquei meu vôo para o dia 1° de julho…
    Gostaria de saber se alguém que já voltou recentemente de Bs As, ao viajar pela Pluna, pagou alguma taxa de bagagem com peso atá 20Kg?Pois entrei no site e há algumas informações dizendo sobre a isenção da taxa na ida, mas na volta não fala nada…
    Ví em outros noticiários que a partir de maio a empresa não cobraria mais a taxa de volta, porém no site a informação está confusa…

    • Alexandre Costa disse:

      Aline,

      a política de bagagem da Pluna mudou há algum tempo mesmo. Atualmente permitem até 20Kg de bagagem sem acréscimo de valores. Acho mais prudente verificar no seu bilhete eletrônico e ligar para a central de atendimento da empresa.

  156. jorge disse:

    Alexandre.
    Boa noite.
    Um casal de amigos vai para Buenos em Agosto. Esta querendo ficar em apartamento no centro, proximo a Rua florida. Favor dar sugestoes de endereço de agencias ou apartamento proximo a rua florida.
    Att
    jorge

    • Alexandre Costa disse:

      Jorge, nunca fiquei hospedado na região do Centro de BaAs. Para mim, é o segundo lugar mais feio da cidade, só perdendo para La Boca. Mas se eles quiserem mesmo ficar lá, recomendo alugar um apto com a empresa BYT Argentina. Foi com essa empresa que aluguei aptos nas duas vezes que estive em BsAs e foi tudo certo

      Abraço!

  157. Suas dicas sao realmente preciosas…obrigada por nos disponibilizar suas experiencias, espero que de tudo certo na minha ida a Buenos Aires…

  158. Márcio disse:

    Boa tarde! Gostaria de uma informção mais precisa, ok? Irei em outubro a Bs As com minha esposa passar 7 dias. Meu intuito dessa viagem será descansar e explorar mt essa cidade que deve ser magnífica por sinal. Quanto vc acha que gastarei lá, para alimentação e táxi? Não viso restaurantes CAROS, e se os que tem uma boa comida com preço justo… Aguardo retorno! Obbrigado Márcio

    • Alexandre Costa disse:

      Márcio, boa tarde!

      BsAs não é uma cidade cara e existem opções para todos os orçamentos. Mas uma informação precisa é impossível! O critério para preço justo ou caro varia para cada pessoa. Nas duas vezes em que estive em BsAs fui em vários restaurantes e achei todos com o preço justo. Mas eu estava comparando com o custo de bons restaurantes em Belo Horizonte. No Social Paraiso, um bistrô simpatico localizado no bairro de Palermo, o almoço executivo para mim e minha esposa (entrada, prato principal, sobremesa e taça de Malbec) saiu por cerca de R$ 65,00. Eu considero uma pechincha pela qualidade da comida, ambiente e serviço, mas pode ser considerado caro por outras pessoas.

      Os táxis de BsAs talvez sejam um dos mais baratos do mundo. O maior trecho de deslocamento que fiz foi da Recoleta até La Boca, um trajeto de 8,5 Km, me custou 37 Pesos, cerca de R$ 16,00 (preço de Dezembro/10). Praticamente 1 Real/Km por pessoa. Eu acho muito barato!

      Um abraço!

  159. Marcio disse:

    Alexandre, estamos acompanhando a crise do Dólar no mercado financeiro, e com isso afetará todo o mercado mundial. Gostaria de saber seu ponto de vista em relação ao Dólar, se em razão da crise poderá VALORIZAR o PESO ARGENTINO ou desvalorizar com relação ao DÓLAR? Fico com receio, pq comprei uma quantia bem razoável em Dólar, e tenho receio que com essa crise, a cotação do peso diminua para com o Dólar..Obrs

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Marcio!

      Eu não sou a pessoa mais indicada para tratar de assuntos da esfera econômica, mas não creio que o Peso terá grande valorização frente ao Dólar. Mas você está comprando dólares para viajar a BsAs ou já tinha valores nesta moeda? Trocar Reais por Dólares e depois por trocar os Dólares por Pesos é jogar dinheiro fora, pois a cada troca a casa de câmbio fica com uma parte do seu dinheiro.

      Um abraço!

      • Marcio disse:

        Alexandre, eu comprei Dólar sim! Pq foi uma forma que encontrei de economizar. rss…Se fico com reais mesmo na poupança, termino gastando. Pra lhe falar a verdade, mesmo eu comprando Dólar aqui no Brasil, em que as taxas foram de 1,67..1,69, não perco tanto quando trocar por Pesos no Banco Piano ou no De La Nacion..Perco mais ou menos de 70 a 100 pesos. Sabe me dizer se tem o Banco Piano no aeroporto de Ezeiza? Outra, esse negócio dos Táxistas serem tão picaretas é mesmo verdade? Pq se for, isso é uma vergonha para a Argentina…O problema, é que quando formos trocar no Cambio pra pegar os Pesos, o Banco só ti passa nota alta, de 100, né verdade? Na hora podemos pedir pra tracarem uma parte pro notas de 10 e 20? Minha maior preocupação é com esses Taxistas entregando notas falsas…Me fala um pouco desse negócio…Abr

        • Alexandre Costa disse:

          Márcio, entendo a sua tática, mas mesmo conseguindo a melhor cotação você perde um pouco de dinheiro ao fazer câmbio duas vezes.

          Tem uma agência do Banco Piano em Ezeiza, mas a melhor cotação é quase sempre do Banco de La Nacion. Compare as cotações ao desembarcar. Na hora de fazer o câmbio dos Dólares peça algumas notas mais baixas de Pesos, mas caso não consiga, você pode fazer uma compra pequena em supermecados ou kioskos (uma espécie de quiosque que tem uma variedade de produtos) para trocar seus Pesos. Ao sair de Ezeiza, a melhor opção é contratar um táxi lá dentro mesmo (existem guichês de táxis oficiais, como o Táxi Ezeiza ou Manuel Tienda León, que tem um preço tabelado dos trajetos e são pagos no próprio guichê) e evitar táxis clandestinos.

          Para corridas curtas, o ideal é sempre pegar um táxi com notas baixas (até 20 Pesos). Se for uma corrida mais longa, uma nota de 50 pode ser usada. Quanto maior o valor da nota, maior o risco de receber uma nota falsa. Geralmente o golpe é assim: você entrega um nota de 100 original, o taxista troca por uma falsa e te devolve dizendo que a nota que você deu é falsa. Ele fica com a sua nota e você com a nota falsa na mão, além de ter que pagar a corrida! Mas não generalize: eu usei táxi muitas vezes em BsAs e não tive problemas! E algumas destas corridas de táxi foram acompanhadas de ótimas conversas. Ah, um outro “golpe” aplicado por taxistas e fazê-lo desistir de um restaurante que voc~e quer ir, dizendo que é ruim, e te levar para outro que ele indica. Na maioria das vezes os taxistas recebem comssiões por levar turistas a estes locais. Mas desencane e aproveite bem a viagem!

          Um abraço!

  160. Leandro Simões disse:

    Olá Alexandre,

    Percebi ser muito importante esse debate em relação a viagem, porem vendo aqui os comentários e as datas dos comentários me surgiu uma dúvida, estou indo a buenos aires dia 19 de agosto e retorno dia 23 de agosto, estou levando comigo 800 dolares, 600 pesos e 200 reais.. Creio que seja o necessário e levando mais dolares pois creio que lá a moeda tenha um valor maior que aqui, pretendo usar os dolares para compras, os pesos para alimentação e os reais nos aeroportos onde vou fazer escala… Gostaria de um palpite seu ja que voce tem mais experencia em relação essa diversidade de moeda e se meu planejamento esta nos conformes e recomendações suas.. Parabéns pelos comentario..

    Obrigado

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Leandro!

      Eu tenho uma opinião de que trocar Reais por Dólares só vale a pena se você for aos EUA, pois a cotação do Real frente ao Peso é muito favorável! A cada câmbio de moedas perde-se um pouco de dinheiro, pois é assim que a casa de câmbio vai ter o seu lucro. E fazer a troca duas vezes (uma vez aqui, de Reais por Dólares, e mais uma lá, de Dólares por Pesos) é dar uma parte do seu dinheiro para as casas de câmbio por duas vezes.

      Algumas lojas aceitam dólares em BsAs, mas lembre-se que a cotação praticada é diferente de uma casa de câmbio. Certamente a loja vai praticar uma cotação favorável a ela e, mais uma vez, você perderá um pouco do seu dinheiro.

      A melhor fórmula (na minha opinião e de outros colegas mais experientes):

      - saque com seu cartão do banco (função débito, sacando direto da sua conta corrente, como se estivesse no Brasil. É só pedir ao seu gerente). A cotação é de dólar comercial, a mais baixa do mercado! Além de ser muito prático não ter que se preocupar com troca de moeda, notas falsas, etc.
      - cartão de crédito internacional: geralmente a cotação é de dólar comercial (ou próximo a ela), a mais baixa do mercado! Além de ser muito prático! Mesmo com o aumento do IOF ainda é melhor que ficar andando com monte d dinheiro na mão!
      - levar um pouco de moeda local, somente para emergências (caixa eletrônico do banco sem funcionamento no Aeroporto, etc).

      Outras alternativas:
      - se não for possível habilitar o cartão do banco para saques na conta corrente no exterior, levar um pouco de Reais para trocar por Pesos na agência do Banco de La Nacion no Aeroporto de Ezeiza (melhor cotação da cidade). Caso chegue em BsAs pelo Aeroparque, troque o mínimo necessário nas casa de câmbio deste aeroporto para pegar um táxi e deixe para fazer o câmbio em casas do Centro (as melhores ficam na Calle Sarmiento) ou Recoleta.
      - fazer um cartão VTM, uma espécie de cartão de banco pré-pago. Você compra Pesos com uma cotação melhor que o papel moeda, dá uma “carga” no cartão e pode fazer saques e compras no exterior em qualquer lugar que aceite a bandeira Visa.

      Um abraço!

  161. Leandro Simões disse:

    Ah.. ia esquecendo, em relação a hospedagem e translado de hotel a aeroporto ja estão pagos por fora.. Vou ficar no Hotel Mundial..

    Obrigado

  162. Cristina disse:

    Estou indo p/Buenos Aires 1º setembro com meu marido. São 04 dias. Gostaria de saber que roupas levar.

  163. Nara Rúbia disse:

    Oi boa tarde!!!

    Gostaria de saber qual a melhor forma levar dolar daqui e trocar la em peso ou levar real e trocar em peso… estou viajando agora em agosto to precisando de algumas dicas, bjs

    • Leandro Simões disse:

      Olá Nara!

      Estou indo agora dia 19 de agosto, porem andei pesquisando e conversando com amigos que ja foram, todos me aconselharam a levar daqui dolares pois a maioria das loja lá alem de aceitarem dolares, ainda dão desconto se pagar em dolar, vc deixa p usar os pesos só para alimentação, os dolares para compras pois lá o dolar esta mais valorizado que aqui..

      Espero ter ajudado..

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Nara!!

      Eu tenho uma opinião de que trocar Reais por Dólares só vale a pena se você for aos EUA, pois a cotação do Real frente ao Peso é muito favorável! A cada câmbio de moedas perde-se um pouco de dinheiro, pois é assim que a casa de câmbio vai ter o seu lucro. E fazer a troca duas vezes (uma vez aqui, de Reais por Dólares, e mais uma lá, de Dólares por Pesos) é dar uma parte do seu dinheiro para as casas de câmbio por duas vezes.

      Algumas lojas aceitam dólares em BsAs, mas lembre-se que a cotação praticada é diferente de uma casa de câmbio. Certamente a loja vai praticar uma cotação favorável a ela e, mais uma vez, você perderá um pouco do seu dinheiro.

      A melhor fórmula (na minha opinião e de outros colegas mais experientes):

      - saque com seu cartão do banco (função débito, sacando direto da sua conta corrente, como se estivesse no Brasil. É só pedir ao seu gerente). A cotação é de dólar comercial, a mais baixa do mercado! Além de ser muito prático não ter que se preocupar com troca de moeda, notas falsas, etc.
      - cartão de crédito internacional: geralmente a cotação é de dólar comercial (ou próximo a ela), a mais baixa do mercado! Além de ser muito prático! Mesmo com o aumento do IOF ainda é melhor que ficar andando com monte d dinheiro na mão!
      - levar um pouco de moeda local, somente para emergências (caixa eletrônico do banco sem funcionamento no Aeroporto, etc).

      Outras alternativas:
      - se não for possível habilitar o cartão do banco para saques na conta corrente no exterior, levar um pouco de Reais para trocar por Pesos na agência do Banco de La Nacion no Aeroporto de Ezeiza (melhor cotação da cidade). Caso chegue em BsAs pelo Aeroparque, troque o mínimo necessário nas casa de câmbio deste aeroporto para pegar um táxi e deixe para fazer o câmbio em casas do Centro (as melhores ficam na Calle Sarmiento) ou Recoleta.
      - fazer um cartão VTM, uma espécie de cartão de banco pré-pago. Você compra Pesos com uma cotação melhor que o papel moeda, dá uma “carga” no cartão e pode fazer saques e compras no exterior em qualquer lugar que aceite a bandeira Visa.

      Um abraço!

  164. Marcio disse:

    Alexandre, vi seu comentário a respeito do Cartão VTM em Pesos, e fui me informar se compensava. A agencia me passou o peso por 0,48 centavos de reais. Acho que não seria um bom négócio! O q acha? Desta forma, R$ 1,00 real, valeria apenas 2,04 PESOS pelo VTM. Isso foi pelo Banco Confidence. Abraços

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Marcio! Você conseguirá uma cotação melhor levando dinheiro em espécie para trocar em BsAs. Eu comentei sobre o cartão VTM, que acho prático e usei em algumas viagens, mas não levei em consideração a questão da cotação do Peso frente ao Real aqui no Brasil. No entanto, a questão para mim é outra: eu acho arriscado e incomodo ficar andando com um monte de dinheiro na carteira durante a viagem. Fora a questão de perder tempo em filas de banco ou casas de câmbio. Existem também algumas variáveis a serem consideradas, como a duração da viagem, uso de cartão de crédito internacional, uso do cartão do banco para saques em conta corrente no exterior, etc.

      A cenário ideal seria:
      1) levar apenas alguns Pesos daqui para casos de emergência (impossibilidade de fazer o câmbio no aeroporto, caixa eletrônico com problema, etc). Assim você pode pegar um táxi até o hotel sem problema ou fazer um lanche.
      2) pagar todas as despesas possíveis com cartão de crédito (ótima cotação)
      3) habilitar o cartão do banco para fazer saques direto da conta corrente no exterior (melhor cotação e relação custo x benefício) para ter dinheiro para pagar deslocamentos por táxi e pequenas despesas.

      Caso você não consiga reproduzir o cenário descrito acima, trocar Reais por Pesos em BsAs pode ser uma alternativa válida para não perder valor com cotações ruins. É como eu disse: verifique as possibilidades dentro das alternativas existentes e considere os prós e contras de cada combinação.

      Um abraço!

      • Marcio disse:

        Bom dia, Alexandre! Realmente vc tem toda razão quanto as alternativas descritas. Vou comprar uns 300 pesos aqui no Brasil, trocar uma boa quantia no De La Nacion no Aeroporto (EZEIZA), e o resto por no COFRE do apartamento que irei ficar. Alexandre, Tem uma coisa que fico encucado; tenho receio de por dinheiro em cofre, apesar de ter sistema de segurança com cameras no corredo que dá acesso a entrada das porta do Apto…Acha que não terá problema? Pq apesar de só quem tem acesso a senha do mesmo, será o gerente, e se houver qq furto quem responderá será o próprio. O q me diz, é confiável? Abrs

        • Alexandre Costa disse:

          Marcio, é para evitar preocupações com furtos no hotel que levo sempre pouco dinheiro em espécie e uso mais o cartão de crédito. Mas acho que o cofre do seu quarto de hotel é um local relativamente seguro e não acredito que exista algum esquema com gerentes ou outros funcionários. Comigo nunca aconteceu nenhum problema com objetos de valor e dinheiro deixados em cofres.

          Um abraço!

  165. Rafael disse:

    To indo em novembro e quero dicas.

  166. Mariza disse:

    Meu filho estara indo pra Buenos Aires agora dia 14/07/2011, e como ele sofre de bronquite estara
    levando o inalador que é de 220/110 volts.Me preocupa o frio que estara fazendo lá. O que quero saber é sobre precisar de atendimento médico, como
    fica? lá é como no Brasil que tem atendimento médico facil se pagar? ele vai levar os remédios que usa mas nunca se sabe. Outra pergunta, Buenos Aires é facil de passiar para 2 pessoas da terceira idade(65+-)? Li tudo que foi escrito e tive muitas aulas sobre passiar nesta linda cidade.
    Parabens e um grande abraço. Mariza

    • Alexandre Costa disse:

      Mariza, a melhor opção em uma viagem ao exterior é fazer um seguro saúde. Não é caro e garante a você uma série de serviços e até mesmo internação hospitalar. Durante uma viagem a Europa, minha esposa ficou doente e precisou de consulta médica. Depois de telefonarmos para a central de atendimento da operadora de seguro saúde, eles enviaram um médico ao hotel onde estávamos hospedados. O seguro que usei era da empresa Travel Ace, que recomendo por este atendimento. Você pode fazer uma cotação e contratar direto no site http://www.travelace.com.br

      Em relação aos passeios, BsAs é uma cidade plana e fácil para fazer caminhadas. Caso seja necessário um deslocamento de longa distância, use táxis, que são baratos.

      Um abraço!

  167. rafa disse:

    oi tudo bem , qual o minimo de grana para ficar 10 dias?? obrigado

    • Rogerio disse:

      R$ 1.000,00 DOLARES.

      • rafa disse:

        4.000 mil reais da para passar bem???e como fazerpara levar toda essa grana se meu banco é o itau ,,, obrigado..

        • Alexandre Costa disse:

          Oi Rafa!

          A questão de quanto levar para uma viagem é muito complicado. A resposta sempre será: depende. Pois cada pessoa tem um perfil, necessidades e percepções diferentes. Algumas pessoas tem interesse em restaurantes de alto nível, outras preferem fazer apenas uma boa refeição por dia, e outras podem se satisfazer com pequenos lanches e compras de supermercado. Como não sei o que é “passar bem” no seu conceito, a minha resposta é: depende. :-)

          Há uns dois anos ouvi de uma pessoa que foi muitas vezes a BsAs que o equivalente a 100 dólares/dia por pessoa era suficiente para almoçar, jantar, passear, se deslocar pela cidade, etc. Veja bem, não estou dizendo para levar dólares, é apenas um valor de referência, ok? Você pode se basear nisso e considerando a cotação de hoje são cerca de 165 Reais, que convertidos para a moeda argentina, dão cerca de 360 Pesos.

          A pergunta a seguir é: como levar toda essa grana? Não aconselho ninguém a viajar com uma quantia alta de dinheiro em espécie. Se ocorrer algum problema (perder tudo ou parte, ou ser roubado!) você terá um grande problema. O meu conselho é:

          1) se você é cliente do Itaú, converse com o seu gerente para habilitar seu cartão para realizar saques no exterior, pois existem agências do Itau em BsAs. As vantagens são: utilizar seu cartão do banco como se estivesse no Brasil (sem preocupar em andar com muito dinheiro na mão ou enfrentar fila em casa de câmbio) e a cotação é a das melhores.
          2) utilizar bastante cartão de crédito (as vantagens são as mesmas do item acima)

          Um abraço!

  168. rafa disse:

    pode me dar algumas dicas , para me divertir , baladas hoteis obrigado

  169. Gabriela disse:

    Ola Alexandre, Boa tarde.
    Estou indo para Buenos Aires dia 14 de setembro, e estou um pouco preocupada com roupa… Se bem o que entendi lendo em vaaarios sites, que sera primavera, e dizem que é quente durante o dia e frio a noite… Mas o que é esse frio? Uns 5 graus a noite e uns 20 e pouco durante o dia???
    E aproveitando a pergunta do “Rafa”, eu tambem gostaria de saber de alguma balada boa… eu chego na quarta feira, e volto para o Brasil no domingo, então dara para aproveitar o final de semana la.
    Desde ja, agradeço.

  170. Bom dia.

    Nas minhas viagens sempre levo notebook. Vou para Buenos Aires em setembro. Gostaria de saber se há algum problema de levar este tipo de equipamento?

    • Alexandre Costa disse:

      Valdeci, para não ter problemas no momento de retorno ao Brasil, leve também a nota fiscal de compra do equipamento. Assim você evita que a Receita considere que você comprou o notebook no exterior.

      • E quanto a segurança de deixar no quarto do hotel? Me falaram que é perigoso deixar equipamentos como notebook e máquina fotográfica. Achei exagero, mas como vc é muito prestativo, gostaria de sua opinião.

        • Alexandre Costa disse:

          Veldecir, sempre guarde todos os objetos de valor dentro do cofre do quarto. Veja se o quarto do hotel onde se hospedará tem cofre.
          Caso não tenha, uma opçao é deixar dentro de uma mala e deixá-la trancada. Mas não é garantido, ok?

          Um abraço!

  171. Karla Queiroz disse:

    Olá Alexandre,

    Sobre o clima: ficarei em Buenos Aires de 04 a 12 de outubro. Que tipo de roupas vc aconselha levar?

    Sobre grana: Pretendemos fazer umas compras por lá. O que vc acha mais indicado em relação à câmbio e moedas a levar? Já levar U$ e $ daqui? Comprar U$ aqui e trocar por $ lá? Ou deixar pra comprar as duas moedas lá, de acordo com a necessidade?

    Obrigada!

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Karla!

      Em Outubro a temperatura méida, segundo o site Weather Channel, é de 17 graus. Durante o dia é mais quente, mas à noite fica mais frio (cerca de 13 graus). É complicado dizer qual tipo de roupa levar, pois a sensação de frio ou calor varia de pessoa para pessoa. Quem mora na região Sul não sente tanto frio, mas quem mora no Nordeste certamente sentirá mais frio. De qualquer maneira, Outubro não é um dos meses mais frios em BsAs.

      Em relação à grana, não aconselho fazer câmbio duas vezes (comprar dólares para levar e trocar por pesos). A cada transação você perde um pouco de Reais. Também não aconselho comprar Pesos no Brasil, pois a cotação praticada é muito ruim (se for possível, troque apenas uns 100 Reais por Pesos, para chegada ao aeroporto ou alguma emergência). O cenario ideal é habilitar seu cartão do banco para efetuar saques internacionais: assim você saca dinheiro em caixas eletrônicos em BsAs como se estivesse em sua cidade (recebe dinheiro em Pesos, que são convertidos para Reais e debitados na sua conta corrente). E use também bastante o cartão de crédito, pois embora o Dólar esteje em ascenção, o dólar praticado pelos cartões é o comercial, bem mais em conta que o turismo ou paralelo.

      Caso não seja possível fazer as opções citadas aima, leve dinheiro (Reais) e troque por Pesis em BsAs (se chegar por Ezeiza, vá ao Banco de La Nacion, que fica no saguão do aeroporto. É a melhor cotação. Caso chegue pelo Aeroparque, troque um pouco nas casas de cãmbio do aeroporto, pois praticam péssimas cotações, e deixe pra trocar o restante em casas de câmbio do Centro).

      Um abraço!

  172. Rose Corrêa disse:

    Olá! Estou indo passar o ano novo em BsAs e queria visitar o Zoo Luján. Queria saber o preço da entrada para adultos e como chegar de ônibus ou metrô. O tempo de distância entre o centro, onde ficarei hopedada e o Zoo. E de táxi quanto seria?

  173. Marcela disse:

    Boas dicas eu recomendo a empresa brasileira de aluguel de apartamentos http://www.sud-estate.com, a gente é bem legal e os apartamentos otimos.

  174. Fernando Antonio Moreira Marques disse:

    TURISMO EM BUENOS AIRES – Mitos e Verdades

    Antes de embarcar para Buenos Aires (Nov 2011) li em muitos sites de propaganda (enganosa) que com o câmbio favorável tudo estava barato e que se compraria qualquer coisa a preço de banana. Simplesmente não é verdade. Para se ter uma idéia um simples cafezinho ou uma garrafa 290 ml de refrigerante não nos saía por menos de R$ 5,00. Nem o taxi estava assim muito barato como tanto apregoavam. Do aeroporto Ezeiza até o centro nos saiu, no guichê do Taxi Ezeiza, para evitar os piratas golpistas que tanto nos alertaram, a “bagatela” de R$ 90,00.

    Os únicos meios de transporte baratos eram o metrô, trens e ônibus subsidiados pelo governo, para aqueles turistas que quiseram se misturar ao povão e ficarem espremidos nas horas de pico.

    O hotelzinho duas estrelas Gran Hotel Vedra, que de grande só tinha o nome, estava com a diária a 330 pesos com direito a um mixuruca café da manhã. Que saudade dos cafés da manhã das nossas pousadas mais simples com frutas, ovos e outras iguarias. A bem da verdade devo ressaltar que uma coisa muito boa era o leite. O nosso de origens tão diversas e tão processado acabou perdendo o gosto.

    Quem viaja a Buenos Aires deve estar preparado para cruzar com serviçais da área de turismo, garçons, copeiros, vendedores de loja, motoristas, etc. que, talvez, não servissem nem para trabalhar em cavalariças. Mal humorados, sem paciência, estúpidos e até xenófobos. Mais uma vez, a bem da verdade, não são todos. Existem aqueles que são simpáticos e até se esforçam em nos falar em português. Afinal, é o que se espera de quem vive do turismo.

    O velho copeiro do hotel Vedra de cabelos longos, a moda portenha, emplastado e sem cobertura, não precisava se esforçar muito para ser antipático, autoritário e xenófobo com os brasileños ali hospedados. Ao invés de se preocupar em retirar xícaras e pratos das mesas e repor os pães e medialunas do parco buffet, preferia ficar perguntando o número do quarto, só dos brasileiros, como se nunca os tivessem visto no pequeno salão, e fazê-los sentar onde ele queria, normalmente os piores lugares.

    Não quero dizer que Buenos Aires não tenha coisas boas para oferecer aos turistas, mas não se iluda, como muitos brasileiros que ultimamente estão escolhendo estas plagas para tirarem suas férias, achando que as terão em grande estilo gastando pouco, como as que podemos ter nas nossas cidades a um custo/benefício muito superior. Prepare-se para gastar muito. Caso contrário sua estadia será recheada de aborrecimentos.

  175. Elisangela disse:

    Olá! Irei a Buenos aires de 13 a 20 de dez e montamos um roteiro, que coloco anexo.
    Gostaria de sugestões para o domingo.. já vi que terá jogo do boca, por isso não faremos a visita ao estádio nesse dia, aliás, a única coisa que meu marido não abre mão é a tal visita… rsrsrs
    Outra coisa, que restaurante vc sugere para a tradicional Parrilla?

    Obrigada!
    Elisangela

    13 transfer
    terça hotel

    14 Manha: city tour (48 hrs) + estádio boca
    quarta Almoço: calle florida
    Tarde: Galerias Pacifico + Calle Florida
    Noite: restaurante Puerto Madero/florida

    15 Manha: Obelisco, Plaza de Mayo, Recoleta, livraria el ateneo
    Almoço: restaurante lola – (Roberto M. Ortiz 1805)
    Tarde: Estadio Boca e Caminito
    Noite: Teatro Cego – A ciegas com luz – 21h

    16 Passeio Rio Tigre (almoço incluído)
    sexta Jantar: Puerto Madero

    17 Manha: jaedim botanico , Rosedal, bosques de Palermo, jardim japonês, MALBA
    Almoço: Miranda parrilla – Miranda fica na Costa Rica 5602, esquina com Fitz Roy, em Palermo.
    Tarde: Shopping Abasto Shopping (ir de metrô até a estação Carlos Gardel do Subte B).
    Jantar:

    18 Manha:
    domingo Almoço: Restaurante Don Ernesto
    Tarde:
    Jantar: Madero Tango

    19 Manha e Almoço: Outlets
    Salgado alimentos – juan ramires de velasco, 401 – villa crespo f: 4854-1336
    Tarde e Noite:
    Jantar:

    20 Free shop
    terça

    • Alexandre Costa disse:

      Elisangela, eu recomendo duas parrillas: A La Brigada, que fica em San Telmo (Estados Unidos, 465) e a La Cabrera, que ifica em Palermo (Cabrera 5099).

      Um abraço!

  176. Antonio Francisco disse:

    Boa noite Alexandre.
    Vou para Buenos Aires com a minha esposa dia 13/02 e retornarei dia 19/02.
    Seguindo suas dicas estou optando por hotel no bairro Recoleta. Você conhece o Wilton Palace Hotel? Fica Callao Av. 1162/64. Pela explicação fica quase na esquina com a Avenida Santa Fé. O que você acha? Tem alguma outra sugestão de hotel na mesma faixa de preço (R$ 160,00)?
    Logo montarei um roteiro e postarei aqui para você comentar, pode ser?
    Parabéns pelas informações no site.
    Estão me ajudando muito.

    Muito obrigado.

    Antonio

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Antônio! Não conheço este hotel. Aliás, conheço poucos hotéis em BsAs, pois nas duas vezes em que estive na cidade acabei alugando apartamentos por temporada. Mas me parece ser uma boa localização.

      Um abraço!

  177. Ricardo Louzada disse:

    Estou em BA esta semana. Tudo muito bom e barato, porém valem algumas dicas. Não se empolguem em comprar produtos importados (Nike, Adidas, perfumes, etc). Esses produtos não tem preços bons. Há muita pirataria por aqui. Dê atenção às roupas de couro e roupas de algodão do Peru, essas sim, são muito baratas. Estou hospedado no Centro (Hotel Reconquista Luxor) e adorei a localização. Tem um restaurante pequeno aqui perto (ALMACÉN Y RESTARANT – Travessa Suipacha, entre a Av. Corrientes e a Rua Lavalle) que tem show de tango e música ao vivo todos os dias, você come e bebe muito (muito mesmo) e paga no máximo R$ 70,00 o casal. Espero ter ajudado.

    • Alexandre Costa disse:

      Obrigado pelas dicas, Ricardo. BsAs não é o local indicado para compra de produtos eletrônicos, tênis ou perfumes, pois os preços são praticamente os mesmos que encontramos aqui no Brasil (perfume vale a pena somente no freeshop). Mas é possível encontrar boas roupas de couro com preços atraentes.

      Um abraço!

  178. Ester disse:

    Olá!
    O que acha de se hospedar em San Telmo?

    • Ester disse:

      Aliás… achei as dicas ótimas!

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Ester! Obrigado pelo elogio!

      San Telmo é um bairro interessante não só nos finais de semana, quando acontece a Feirinha de San Telmo, mas também durante o meio da semana, quando fica mais tranquilo e dá pra caminhar tranquilamente pelas ruas para ver os antiquários e o Mercado. Mas não sei se seria uma boa opção de hospedagem, pois além da baixa oferta de hotéis na região, o bairro não é próximo de outros pontos de interesse da cidade, como Recoleta e Palermo. É preciso avaliar com cuidado o hotel e o roteiro que se pretende fazer em BsAs.

      Um abraço!

  179. Antonio Francisco disse:

    Boa noite Alexandre.

    Já gostava muito do seu blog e durante uma leitura descobri que você é Atleticano. Então saudações atleticanas, apesar do nosso time ter nos decepcionado bastante né.. mas infelizmente estamos com isso..
    Li bastante suas postagens e dicas que você deu.
    Estou quase fechando o meu roteiro para Buenos Aires.
    Estou indo com minha esposa dia 13/05 – Chegaremos lá por volta das 20:00 hs.
    Ficaremos no Buenos Aires Wilton Hotel, na Recoleta Callao Avenida 1162

    Veja o roteiro que fiz. Você acha que inclui muitos lugares para visitar? Fiquei na dúvida principalmente em relação aos dias 14, 16 e 17.

    Vou fazer no mesmo esquema que você fez. Muitos passeios “a pé”.
    Você pode me dar alguma dica de local para almoçar no centro e em San Telmo?
    Também, se possível, tem algum pub para indicar?

    13/02 – Segunda feira Chegada às 20:00 hs
    Jantar Recoleta
    El Sanjuanino
    Posadas 1515 / esq. Com Callao

    14/02 – Terça Feira
    Dia Todo: Caminha pela Recoleta o dia todo.
    Cemitério da Recoleta
    Igreja Nuestra Señora Del Pilar
    Centro Cultural Recoleta
    Buenos Aires Design
    Hard Rock Café
    Plaza Francia
    Museu Nacional de Belas Artes
    Av Alvear
    Patio Bullrich (após a Rua Montevideo)
    Embaixada do Brasil
    Retorno ao Hotel.

    Almoço: L’ecole – Rua Junnin 1460 – Recoleta – Dica Idas e Vindas

    Jantar:
    Show de Tango
    El Querandi

    15/02 – Quarta-feira
    Manhã – Outlets Vila Crespo

    Almoço – Salgado Alimentos

    Noite – Jantar
    Fervor – Brasas de Campo y Mar
    Posadas, 1519 – Recoleta
    Buenos Aires – Argentina
    Fone: +(54) 11 4804.4944
    http://www.fervorbrasas.com.ar

    16/02 – Quinta-feira
    Manhã:
    Jardim Botânico, Jardim Japonês, Rosedal.
    Almoço
    La Cabrera
    José Antonio Cabrera, 5099
    Palermo Soho – Buenos Aires – Argentina
    +54 11 4831.7002
    http://www.parrillalacabrera.com.ar
    Todos os cartões

    Tarde:
    Palermo – ir em direção à Plaza Cortázar
    Noite – Jantar
    La Parolaccia Casa Tua
    Alicia Moreau de Justo, 276 – Puerto Madero
    Buenos Aires – Argentina
    Fone: 54 11 4313.1956

    17/02 – Sexta
    Manhã
    Plaza de Congreso / Congreso Nacional (Av. Callao até o Congreso)
    Descer pela Av. de Mayo
    Obelisco (Plaza de La Republica) – Av. 9 de Julio à equerda.
    Plaza Lavale
    Voltar até a Av. De Mayo
    Café Tortoni
    Plaza de Mayo
    Catedral Metropolitana
    Casa Rosada

    Almoço
    Definir Local no centro
    Tarde
    Calle Florida
    Galeria Pacífico
    Plaza San Martin
    Livraria El Ateneo
    Noite
    Definir algum Pub para ir

    18/02 – Sábado
    Manhã
    La Boca – La Bombonera e Caminito
    Almoço
    San Telmo definir local
    Tarde
    San Telmo
    Noite
    Definir local

    19/02 – Retorno pela manhã

    Muito obrigado pelas suas dicas, pois foram preciosas.

    Grande abraço
    Antonio

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Antônio!

      Acho que seu roteiro não está puxado, não. No dia 16, período da manhã, talvez seja provável que vocês estendam um pouco até o horário do almoço. Digo isso porque apesar do Jardim Botânico, Jardim Japonês e Rosedal estejam próximos, há uma grande área a percorrer. Mas se vocês chegarem cedo em Palermo dá pra fazer o roteiro sem problemas.

      Se precisar de mais alguma ajuda, é só falar!

      Saudações alvinegras! Um abraço!

      Alexandre

  180. Paula disse:

    Olá Alexandre, gostaria de tirar uma dúvida com você. Eu e meu marido vamos viajar para Buenos Aires em abril, nesta mesma viagem vamos também a Punta del leste. A dúvida é a respeito das taxas(franquias) dos aeroportos, no Brasil podemos levar até 23k, e lá dizem que não tem isso, vc paga por qualquer bagagem. Você sabe algo sobre isso? Desde já obrigada.

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Paula! Quem estabelece a franquia de bagagem não é o aeroporto, mas sim a companhia aérea em que você comprou a passagem. Consulte as instruções da cia aérea no site da empresa, mas creio que na sua passagem também existem informações a respeito disso. Algumas cias permitem até 32 kg de bagagem em vôos internacionais, outras apenas 23 kg e por aí vai.

      Um abraço!

  181. Inaura Martins disse:

    24 de fevereiro de 2012

    Depois de várias indicações em blogs de viajem como um restaurante imperdível, fomos ao Lola em 12 pessoas. O lugar é realmente muito bonito mas o atendimento e a cozinha são péssimos, sem contar no preço dos vinhos. Se tudo isso não bastasse ainda havia uma BARATA-CUCARACHA num dos pilares do salão das mesas, ( temos fotos)que para nosso espanto foi grosseiramente respondido pelo maitre que nada podia ser feito pois estavamos ao lado de um cemitério!!!!! O que piorou a situação…. Só não fomos embora imediatamente porque já eram quase meia noite e certamente ficariamos sem opção de restaurante e porque algumas pessoas da mesa optaram por não fazer escandalo. Embora merecido. A comida foi péssima um Risoto de Acafrão com frutos do mar sem gosto e fora do ponto, o Creme Brûllé com gosto de manteiga e já veio pronto da cozinha frio….HORROROSO…NUNCA mais volto e resolvi postar em todos os sites e bogs de viagem para que ninguem caia mais nessa pegadinha de mau- gosto, se bem que quando chegamos só haviam duas mesas ocupadas, o que deveriamos ter estranhado por tratra- se de uma sexta feira em Buenos Aires e na Recoleta, mas o importante a ressaltar é que apesar da fama o “tal” Lola é PÉSSIMO

    • Alexandre Costa disse:

      Que pena essa situação que aconteceu com você, Inaura. Mas nas duas vezes em que estive no Lola, em 2008 e 2010, fui bem atendido e não tive nenhum tipo de problema com a comida.

  182. Carine disse:

    Oi tudo bem, meu nome e carine e estou indo a buenos aires em agosto, queria saber qual sera o clima la se vai estar muito frio. Obrigada. aguardo resposta.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Carine!

      Temperatura é algo muito subjetivo. Quem mora no Sul do país não costuma achar que 22 graus é frio, mas quem mora no Nordeste certamente achará! O que posso dizer é que, sendo o período da sua viagem ainda no inverno, é bem provável que esteja bastante frio. A média de temperatura, segundo o site do Weather Channel, para o mês de Agosto é de 13 graus.

      Veja mais informações no link abaixo:
      http://br.weather.com/weather/climatology/ARBA0009?dayofyear=214

      Um abraço!

  183. Samuka disse:

    Olá, Alexandre, estou indo sozinho para Buenos Aires dentro de uns 15 dias, o agente de viagem me aconselhou a levar o equivalente a 100 reais por dia para almoço e janta e talvez uma Quilmes em algum barzinho, isso vai ser suficiente? vou ficar 5 dias no hotel Unique park central bem perto do obelisco, tudo vai ficar por 2100 reais os 5 dias mais café da manha, outra coisa, é verdade que quando eu retornar ao Brasil vou ter que pagar uma taxa no aeroporto de Buenos Aires? desde já muito obrigado

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Samuka! Com 100 Reais por dia você consegue almoçar, jantar e fazer muitas coisas em BsAs. Se você tivesse dito que eram 50 Reais, a resposta seria a mesma! Digo isso porque o que determina se o orçamento vai ser suficiente ou não é você mesmo. Existem diferentes níveis de restaurantes e bares na cidade que atendem a todos os tipos de gostos e bolsos.

      Em relação à taxa, verifique a passagem da cia aérea (se você comprou a passagem com o agente, peça a ele para confirmar). Da primeira vez que fui a BsAs, paguei a taxa à parte no aeroporto. Mas na segunda vez o valor já estava incluído na passagem e não paguei nada a mais.

      Um abraço!

      • Samuka disse:

        Obrigado pelas dicas!! referente a taxa o agente disse que já houve casos que alguns precisaram pagar outros não, nem ele soube confirmar precisamente isso, ele é da CVC, mas se por via das dúvidas for preciso pagar, quanto devo reservar em média para não ter problemas no retorno? obrigado e abração

        • Alexandre Costa disse:

          Samuka, não sei o valor atual da taxa. Mas o seu agente de viagens tem a obrigação de saber, não é?

          • Samuka disse:

            Sim, depois eu vou perguntar pra ele, deixa eu te perguntar, o meu cartão Bradesco American Express é aceito normalmente lá?

            • Alexandre Costa disse:

              Samuka, se for um cartão de uso internacional, não terá problemas. Mas não são todos os estabelecimentos que aceitam American Express, seja no Brasil ou na Argentina. A aceitação das bandeiras Visa e Mastercard é muito maior.

  184. JONAS RAFAEL disse:

    OLÁ, PRETENDO VIAJAR EM JULHO-12, A MINHA IDENTIDADE JÁ FAZ 13 ANOS, VOU TER ALGUM PROBLEMA?

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Jonas!

      Não há uma exigência formal de que o documento de identidade tenha menos de 10 anos de expedição. O que conta mesmo é que seja fácil reconhecê-lo pela foto do documento. Mas para que viajar até Buenos Aires só para descobrir que não aceitam a sua identidade velha? Faça outra e viaje tranquilo!

  185. Luciana ribeiro disse:

    Olá Alexandre.
    Estarei indo para Buenos aires de 16/8 a 19/8 ficarei apenas 04 dias e 03 noites, estou indo para conhecer e comprar também..rs você acha que devo levar quanto de peso?
    Posso levar alguns pesos já aqui do Brsil, lá existem lojas que aceitam reais?
    Já estou com hotel e passagem aérea pago.
    obrigada Luciana

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Luciana!

      É muito difícil responder sua pergunta, pois não sei o que você quer fazer em BsAs, o que e quanto vai comprar, etc. Sendo assim, digo que R$ 150,00 por dia/pessoa é suficiente para deslocamentos (táxi, metrô, etc), café da manhã, almoço, lanche e jantar. Mas esse é o meu padrão, pois sei onde desejo ir, comer, visitar, etc.

      Você pode comprar um pouco de Pesos aqui no Brasil para não chegar em BsAs sem moeda local. Mas quase todos os lugares aceitam cartão de crédito internacional e acho que é o melhor meio de pagamento. Viajar com um monte de dinheiro na carteira é coisa do passado e envolve riscos de perda ou roubo. Se for levar dinheiro, recomendo trocar Reais por Pesos em casas de câmbio do Centro ou na agência do Banco de La Nacion (caso desembarque pelo aeroporto de Ezeiza) Nos aeroportos (Ezeiza ou Aeroparque) fuja das casas de câmbio, pois praticam uma cotação terrível!

      Eu evitaria fazer pagamento em lojas utilizando Reais. Algumas lojas aceitam, mas a cotação praticada é péssima e você vai perder dinheiro.

      Um abraço!

  186. PAtricia disse:

    Bom dia!

    Estou indo com meu noivo para BsAs, e gostaria de saber se R$ 1200,00 por pessoa é o suficiente para 5 dias, entre almoço, jantar, compras.obg

    • PAtricia disse:

      R$ 1200,00 = 2.812,28 pesos

    • Alexandre Costa disse:

      Patrícia, boa noite!

      A resposta é: depende. Eu aconselho levar o que equivalente a 100 dólares/dia por pessoa (cerca de 180 Reais). Mas isso é muito relativo. Você fala em almoçar, jantar, comprar, mas não dá nenhuma outra referência. Existem grandes diferenças entre restaurantes (uns mais caros, outros mais baratos) e o que você pretende comprar. Sempre digo que cada um sabe do seu orçamento, quem tem muito pode gastar à vontade, quem não tem gasta dentro dos seus limites.

      Um abraço!

  187. Ana Paula Pinheirot disse:

    Alexandre, adorei seu blog! Estou indo para B.A. em julho e adorei as dicas – anotei todos os passeios. A única indicação diferente que eu tive foi a do Jardim Zoológico (fiquei sabendo que vale muito á pena) e do Cassino Flutuante. Como vou ficar apenas 3 dias em B.A. (depois vou pra Montevidéu), não vai dar pra fazer todo o seu trajeto, mas vou tentar fazer o máximo que der.
    Gostaria de abusar e fazer uma pergunta: como funciona a questão do embarque de mercadorias para o Brasil? Tem algum limite de valor? Por exemplo, tenho a intenção de trazer vinhos – tem algum limite de quantidade?
    Valeu mais uma vez e parabéns pelo blog.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Ana Paula! Que bom que você gostou dos posts. Em breve vou atualizar o blog com outras viagens, incluindo uma nova passagem por Buenos Aires.

      Em relação ao embarque de malas e volumes, o melhor é consultar o site da cia aérea. Não há limite de valor, mas há restrição de peso por bagagem despachada. Acima deste limite você paga um valor excedente.

      No link abaixo você encontra uma série de instruções sobre o que é permitido trazer ao Brasil na viagem de volta, o que terá que pagar impostos, etc:
      http://www.receita.fazenda.gov.br/aduana/viajantes/viajantechegbrasilsaber.htm

      Um abraço!

  188. Tainá disse:

    Boa Noite!!Amei o site, e a sua pre disposição em nos ajudar. Será a primeira viagem internacional que farei com meu marido, ele já esteve na Argentina, em Bahia Blanca, mas a trabalho e por pouco tempo. Pretendemos ficar do dia 19/07 a 02/08 o que nos dá 14 dias. Aderi a dica do apartamento para ficar mais de 7 dias, fica bem mais em conta…mas estou em dúvida com relação ao bairro..Estamos indo para passear e fazer compras, e como estaremos por conta própria na cozinha, faremos todas as refeições em restaurantes. Começamos a planejar a viagem agora, e ainda te procurarei para esclarecer dúvidas, sem sombra de dúvidas. Mas de início é isso, qual seria a melhor localização para a locação do apartamento.
    Desde já, muito obrigada!

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Tainá!

      Para uma primeira vez em Buenos Aires eu recomendo se hospedar na Recoleta. É um bairro que fica a meio caminho da maioria das atrações da cidade, possui muitos restaurantes, cafés, bares, além de ser bastante charmoso e elegante.

      Um abraço!

  189. Alex disse:

    Boa noite adorei suas dicas !!! Mas queria saber como faco pra ir do aeroporto AE Buenos Aires pro hotel La fresca que fica na avenida de mayo !!! Desde de Ja, muito obrigado !!!

  190. Paulo Lima disse:

    Boa tarde.
    Parabéns pelo trabalho no blog. Preciso de uma grande ajuda, estarei indo para BsAs pela primeira vez com minha família(5 pessoas),e escolhemos passar o final de ano(29/12 a 01/1). Gostaria de dicas quanto ao cambio,virada de ano, entre outras coisas.
    Muito obrigado pela ajuda.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Paulo! Obrigado pelo elogio.

      Eu nunca passeio o Reveillon em BsAs e não posso opinar. Mas dá uma olhada neste post aqui do Viaje na Viagem com dicas de quem esteve lá na virada do ano:
      http://www.viajenaviagem.com/2009/11/voce-ja-passou-o-reveillon-em-buenos-aires-conte-como-foi/

      Em relação ao câmbio: se chegar pelo Aeroparque, evite as casas de câmbio do aeroporto, pois praticam cotações péssimas. Se chegar via Ezeiza, tem uma agência do Banco de la Nacion no saguão do aeroporto (fora da área de desembarque internacional) que tem uma das melhores cotações da cidade.

      Comprar Pesos no Brasil não vale a pena, pois a cotação é ruim. Se você levar Reais em dinheiro, procure uma das casas de câmbio na calle Sarmiento (Centro), durante o expediente bancário (ente 11h e 15h). São as que praticam as melhores cotações. Tente uma destas: Cambio América, Multifinanzas e Giovinazzo.

      Existem outras opções como uso do cartão de crédito ou o Visa Travel Money, um cartão pré-pago onde você compra Pesos aqui no Brasil e já sai com o cartão carregado com a moeda argentina. A melhor opção de cotação é sempre o saques em moeda local direto da sua conta do banco. Veja com o seu gerente se o seu cartão tem essa função habilitada.

      Um abraço!

  191. Gislene disse:

    Olá, Alexandre,

    Estou indo a Buenos Aires de Lua de mel em Agosto.
    E suas dicas já está incluidas em nosso roteiro.
    Gostaria que me informasse sobre que tipo de eletroportáteis ( chapinha de cabelo, barbeador eletrico…) e eletronicos posso levar na bagagem. Entrei no site da Receita Federal mas nao encontrei nada a respeito. Poderia me informar.

    Obrigada.

  192. kalita disse:

    minha identidade tem mas de 10 anos mas a foto nao mudou nada sera que tera algum problema estou indo pra buenos aires sexta feira obrigado

    • Alexandre Costa disse:

      Kalita, penso que o mais importante é que seja possível reconhecê-la pela foto da identidade. Não há uma obrigatoriedade do documento ter menos de 10 anos de emissão, mas ter um documento mais recente com certeza ajuda no processo de imigração. Como você já vai viajar na próxima sexta-feira, não há tempo suficiente para emissão de uma nova identidade. Então é pensar positivo! Boa viagem!

  193. Luciola disse:

    Olá, gostaria de saber onde encontrar Botas bonitas e baratas! Sou do nordeste e não tenho necessidade de te-las! Obrigada!

    • Alexandre Costa disse:

      Olá Luciola!

      A famosa Calle Florida, no centro da cidade, é um local muito procurado por turistas para compras de artigos de couro. Mas justamente por ser um local turístico, cobra preços um pouco acima dos padrões. Caso opte por ir na Calle Florida, tome cuidado com bolsas, carteiras e câmeras fotográficas, pois é um lugar muito visado por ladrões.

      Outro endereço para compra de artigos de couro fica no bairro Villa Crespo, ao lado do bairro de Palermo. Nas ruas Murillo e Aguirre você encontrará várias lojas de fábrica, com muita variedade de produtos e preços.

      Um abraço!

  194. elaine disse:

    Estou pensando em ir p Buenos Aires no mês de agosto e quero saber quanto que é necessário para uma viagem de 7 dias?

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Elaine! Isso depende muito do seu orçamento, quanto pode gastar, o que deseja fazer, em que tipo de restaurante pretende almoçar e/ou jantar. Já vi pessoas baseando o orçamento em 100 dólares/dia por pessoa, mas acho que é um grande chute.

      É importante que você saiba que a inflação na Argentina disparou nos últimos anos e os preços subiram muito. Aquela fase de Buenos Aires a preço de banana, que ocorreu em uma das vezes que fui para lá, já acabou.

      Monte o seu orçamento com quanto pretende gastar por dia e vá sem medo. Existe uma Buenos Aires para cada tipo de bolso. Basta você procurar bem.

      Abraço!

  195. mariana disse:

    Adorei as dicas!!! Parabéns!!!!

  196. LILIANE disse:

    Ol estou pensando em ir para Buenos Aires em meados de agosto e passar dez dias. Gostaria de dicas de lugares baratos para fazer compras; e quais roupas levar

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Liliane!

      Compras não é o meu ponto forte, não tenho boas dicas para te passar. Na primeira vez que fui em BsAs tudo estava muito barato, mas desde então os preços subiram muito e a inflação está em alta. Em relação a roupas pra levar, considere que a temperatura média em BsAs em Agosto é de 14 graus.

      Abraço!

  197. Cassia disse:

    Em primeiro lugar te parabenizo pela disposição de responder a todos que te escrevem. Estou indo a B.A de 09 a 15 de setembro para minha lua de mel. Vamos nos hospedar no Europlaza, que fica na rua Montevideo, no Centro. Minhas perguntas: Faz muito frio em setembro ou chove muito? Da pra ir a pé até as atrações turisticas, como casa rosada e obelisco (gostamos de caminhar)? Não comemos nenhum derivado de porco (adventistas), como falamos para que entendam isso (não falamos espanhol). Obrigada

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Cassia! Obrigado pelo elogio!

      Em Setembro a temperatura média em BsAs é de 17 graus, bastante agradável para caminhar pela cidade, e chove pouco. Como vocês ficarão hospedados na região central, é bem tranquilo caminhar até a Casa Rosada, Obelisco e outras atrações no Centro. A cidade é bastante plana, o que facilita as caminhadas.

      Em relação a alimentação, não se preocupe por não falar espanhol. Os portenhos já estão acostumados com o português devido a grande quantidade de brasileiros que visitam a cidade. Basta vocês examinarem o cardápio ou perguntarem ao garçon. Eu não sei ao certo como é a tradução correta de carne de porco para o espanhol, mas a tradução literal de porco é “cerdo”.

      Abraço!

    • Fabiana disse:

      Primeiramente agradeço a Alexandre pelo blog, suas dicas e atenção com as pessoas que vão à BA pela primeira vez é incrível.

      Cássia, depois de ler todos os comentários, quase aqui no final encontrei o seu post. Sou adventista e tbm tinha esta dúvida. Gostaria de conversar contigo e ver se conheceu alguma igreja lá, se a localização é fácil? Poderia me escrever: keyder.fabi@hotmail.com
      muito obrigada desde já, Maranata!

  198. Eduardo disse:

    Olá Alexandre, parabéns pelo blog e pela presteza em responder às perguntas.

    Vou a BsAs em setembro. Nunca fiz uma viagem internacional.

    Achei muito legal sua dica sobre usar cartão internacional na viagem. Dizem que os freeshop´s são muito bons para fazer compras, pois o preço é bastante em conta. Sabes dizer se aceitam cartão internacional também? Você recomenda levar dolar pra lá? Se sim, quanto?

    Outra perguntinha: qual o melhor dia da semana para fazer visitar a feira de San Telmo e o La Bobonera? É aberto todos os dias? E os bairros e lugares mais badalados? São bons para visitar só fim de semana ou dia de semana também é legal?

    Muito obrigado. Grande Abraço.

    • Alexandre Costa disse:

      Oi Eduardo!

      Os preços nos freeshops são bem em conta se comparados aos praticados no Brasil.

      A feira de San Telmo acontece aos domingos e dá pra fazer a dobradinha com a visita ao La Bombonera, qeu fica no bairro vizinho (La Boca). Eu fiz isso! Veja aqui: http://www.oquesefaz.com/2008/06/09/caminito-la-bombonera-e-san-telmo/

      Em relação aos bairros mais conhecidos, você pode se programar para ir a qualquer dia da semana. A única exceção é San Telmo, caso queira ir na feira de antiguidades.

      Abraço!

  199. Edgar disse:

    Oi Alexandre. Parabéns pelo Blog!

    Vou a BsAs pela primeira vez e pretendo pedir minha namorada em noivado. Qual o local mais romântico pra fazer isso? O preço das alianças lá em BsAs são mais em conta do que no Brasil? hahaha

    Abs.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Roteiro de viagem 2008: Buenos Aires « O que se faz - [...] de retornar de férias, escrevi um texto com todas as minhas dicas de viagem para Buenos Aires.  Clique aqui para …
  2. Blogagem Coletiva: Meus 7 Links : O que se faz - [...] campeão de acessos do blog é o Dicas de viagem para Buenos Aires, que nasceu de uma série de posts …

Deixe uma resposta